Seleção Brasileira de Futebol de Areia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Seleção Brasileira de Futebol de Areia
Confederação Brasileira de Futebol 2019.svg
Alcunhas?  Verde-Amarela
Canarinho
Associação CBSB
Confederação CONMEBOL (América do Sul)
Patrocinadores Brasil Correios
Material desportivo?  Estados Unidos Nike
Treinador Brasil Gilberto Costa[1]
Capitão Brasil Diogo Catarino
Mais participações Brasil Júnior Negão (318 jogos)
Melhor artilheiro Brasil Neném (336 gols)
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
titular
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
alternativo
editar

A Seleção Brasileira de Futebol de Areia representa o Brasil nas competições internacionais de futebol de areia (ou beach soccer). Foi criada em 1998 pela Confederação de Beach Soccer do Brasil (CBSB), entidade que organiza a modalidade no país. É campeã de 14 Copas do Mundo de Futebol de Areia, sendo a seleção nacional mais vitoriosa do esporte.

História[editar | editar código-fonte]

Entre a metade dos anos 1990 até o final da década de 2000 era uma seleção praticamente imbatível, de 1995 a 2004 quando a Copa do Mundo de Futebol de Areia ainda não era organizada pela FIFA, o Brasil conquistou nove dos dez títulos que disputou. A partir de 2005, já sob o controle da FIFA, o Brasil ganhou 4 dos 5 títulos mundiais quando a Copa do Mundo era realizada anualmente.

Mas a partir de 2010, com o Mundial sendo realizado a cada dois anos, a seleção brasileira começou a decair. Em 2011 perdeu a final para a Rússia e ficou com o vice campeonato mundial. Em 2013 perdeu para a Espanha na semifinal e ficou em terceiro lugar após derrotar o Taiti. O pior desempenho do Brasil no futebol de areia foi em 2015, quando perdeu para a Rússia e ficou fora da semifinal pela primeira vez, terminando em quinto lugar. Recuperou a hegemonia da modalidade ao conquistar o título mundial nas Bahamas na Copa do Mundo de 2017.

Jogadores de destaque[editar | editar código-fonte]

Equipe atual[editar | editar código-fonte]

Atletas convocados para a Copa do Mundo de 2021[2][3]:

Nome Posição Clube
Mão GOL sem clube
Rafa Padilha GOL Portugal Braga
Tiago Bobô GOL Brasil Sampaio Corrêa
Antônio DEF Brasil Flamengo
Catarino DEF Brasil Vasco da Gama
Filipe DEF Brasil Flamengo
Luiz Henrique DEF Brasil Luziânia
Datinha DEF Brasil Sampaio Corrêa
Alisson ATQ Brasil Boavista
Lucão ATQ Brasil Vasco da Gama
Edson Hulk ATQ Brasil América-RN
Mauricinho ATQ Brasil Vasco da Gama
Rodrigo ATQ Brasil Flamengo
Zé Lucas ATQ Espanha Melistar Melilla

Desempenho na Copa do Mundo FIFA de Futebol de Areia[editar | editar código-fonte]