Semônides

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Semônides (português brasileiro) ou Semónides (português europeu) (em grego, Σεμωνίδης - Semōnídēs, na transliteração) de Amorgos foi um poeta lírico grego que nasceu no século VII a.C. Cultivou iambo, cujo principal fragmento é o Iambo (ou Jambo) das mulheres (ou Sátira contra as mulheres), uma sátira corrosiva às mulheres. Semônides também escreveu elegias.

Obras relacionadas[editar | editar código-fonte]

O Jambo das mulheres foi traduzido por Daisi Malhadas & Maria Helena de Moura Neves e também por Frederico Lourenço. Vittorio de Falco e Aluizio Coimbra traduziram uma elegia.

  • FALCO, Vittorio de; COIMBRA, Aluizio F. Os elegíacos gregos de Calino a Crates. São Paulo, 1941
  • MALHADAS, Daisi; MOURA NEVES, Maria H. de. Antologia de poetas gregos de Homero a Píndaro. Araraquara: FFCLAr-UNESP, 1976
  • LOURENÇO, Frederico; vários. Poesia grega - de Álcman a Teócrito. Lisboa: Cotovia, 2006

Ligações externas[editar | editar código-fonte]