Semeadeira

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde agosto de 2015). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Uma plantadeira

A semeadora foi inventada por Jethro Tull em 1701: ela permitia que os fazendeiros propalassem as sementes em filas bem espaçadas numa profundidade específica. Antes disso eles simplesmente jogavam as sementes no chão, para que crescessem onde quer que caíssem. Algumas das sementes caíam em terra não preparada onde nunca germinavam, ou germinavam prematuramente e eram mortas por pragas, excesso de água ou fertilizante.

Esta invenção deu aos fazendeiros muito mais controle sobre a profundidade em que a semente era plantada e a habilidade de cobri-las sem ter que fazer outra volta. Este controle significava que as sementes germinavam com mais consistência e em terreno mais preparado.

Com o passar dos anos as semeadoras tornaram-se mais avançadas e sofisticadas, mas a tecnologia permanece substancialmente a mesma. A primeira semeadora era compacta o bastante para ser puxada por um único cavalo, mas o avanço da tecnologia com o advento de tratores e semeadoras mais eficientes permitiram aos fazendeiros germinar vários hectares de terra em um único dia.

Semeadora chinesa antiga

Ligações externas[editar | editar código-fonte]