Serie A de 2018–19

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Campeonato Italiano de Futebol
Lega Calcio Serie A 2018-19
Dados
Participantes 20
Organização FIGC
Anfitrião Itália
Período 18 de agosto de 201826 de maio de 2019
Gol(o)s 1019
Partidas 380
Média 2,68 gol(o)s por partida
Campeão Flag of Piedmont.svg Juventus
Vice-campeão Flag of Campania.svg Napoli
Rebaixado(s) Flag of Tuscany.svg Empoli
Flag of Lazio.svg Frosinone
Flag of Veneto.svg Chievo
Melhor marcador Fabio Quagliarella (Sampdoria) – 26 gols
Melhor ataque (fase inicial) Atalanta – 74 gols
Melhor defesa (fase inicial) Juventus – 28 gols
Maiores goleadas
(diferença)
Fiorentina Flag of Tuscany.svg 6–1 Flag of Veneto.svg Chievo
Artemio FranchiFlorença
26 de agosto de 2018
 
Frosinone Flag of Lazio.svg 0–5 Flag of Liguria.svg Sampdoria
Benito StirpeFrosinone
15 de setembro de 2018
 
Internazionale Flag of Lombardy.svg 5–0 Liguria-Bandiera.png Genoa
Giuseppe MeazzaMilão
03 de novembro de 2018
 
Frosinone Flag of Lazio.svg 0–5 Flag of Lombardy.svg Atalanta
Benito StirpeFrosinone
20 de janeiro de 2019
Público 2 772 986
Média 23 108,2 pessoas por partida
◄◄ 2017–18 Soccerball.svg 2019–20 ►►

O Campeonato Italiano de Futebol de 2018-2019 (ou Serie A TIM) é a 87ª edição da competição máxima do futebol italiano.[1]

Regulamento[editar | editar código-fonte]

A Serie A é disputada por 20 clubes em dois turnos. Em cada turno, todos os times jogaram entre si uma única vez. Os jogos do segundo turno serão realizados na mesma ordem do primeiro, apenas com o mando de campo invertido. Não há campeões por turnos, sendo declarado campeão da Itália o time que obtiver o maior número de pontos após as 38 rodadas.

Critérios de desempate[editar | editar código-fonte]

Caso haja empate de pontos entre dois clubes, os critérios de desempates serão aplicados na seguinte ordem:

  1. Número de Pontos no Confronto Direto
  2. Saldo de Gols no Confronto Direto
  3. Saldo de Gols
  4. Gols Feitos
  5. Sorteio

Promovidos e Rebaixados[editar | editar código-fonte]

Pos. Rebaixados da Serie A
18º Flag of Calabria.svg Crotone
19º Flag of Veneto.svg Hellas Verona
20º Campania-Bandiera.png Benevento
Pos. Promovidos da Serie B
Flag of Tuscany.svg Empoli
Emilia-Romagna-Bandiera.png Parma
Flag of Lazio.svg Frosinone (Play-offs)

Participantes[editar | editar código-fonte]

Número de equipes por região[editar | editar código-fonte]

Posição Região Nº de equipes Equipes
1 Emilia-Romagna-Bandiera.png Emília-Romanha 4 Bologna, Parma, Sassuolo e SPAL
2 Flag of Lazio.svg Lácio 3 Frosinone, Lazio e Roma
Flag of Lombardy.svg Lombardia Atalanta, Internazionale e Milan
4 Flag of Liguria.svg Ligúria 2 Genoa e Sampdoria
Flag of Piedmont.svg Piemonte Juventus e Torino
Flag of Tuscany.svg Toscana Empoli e Fiorentina
7 Flag of Campania.svg Campânia 1 Napoli
Friuli-Venezia Giulia-Flag.png Friul-Veneza Júlia Udinese
Bandiera ufficiale RAS.jpg Sardenha Cagliari
Flag of Veneto.svg Vêneto Chievo

Informação dos clubes[editar | editar código-fonte]

Equipe Cidade Estádio (mando) Capacidade Material Esportivo
Atalanta Bérgamo Atleti Azzurri d'Italia 24.726 Espanha Joma
Bologna Bolonha Renato Dall'Ara 36.532 Itália Macron
Cagliari Cagliari Sardegna Arena 16.233 Itália Macron
Chievo Verona Marcantonio Bentegodi 38.402 Itália Givova
Empoli Empoli Carlo Castellani 16.800 Espanha Joma
Fiorentina Florença Artemio Franchi 47.282 França Le Coq Sportif
Frosinone Frosinone Benito Stirpe 16.125 Itália Legea
Genoa Génova Luigi Ferraris 36.685 Itália Lotto
Internazionale Milão Giuseppe Meazza 80.074 Estados Unidos Nike
Juventus Turim Allianz Stadium 41.254 Alemanha Adidas
Lazio Roma Olímpico de Roma 72.698 Itália Macron
Milan Milão San Siro 80.074 Alemanha Puma
Napoli Nápoles San Paolo 60.240 Itália Kappa
Parma Parma Ennio Tardini 27.906 Itália Erreà
Roma Roma Olímpico de Roma 72.698 Estados Unidos Nike
Sampdoria Génova Luigi Ferraris 36.685 Espanha Joma
Sassuolo Reggio Emilia Mapei Stadium 20.084 Itália Kappa
SPAL Ferrara Paolo Mazza 8.500 Itália Macron
Torino Turim Olímpico de Turim 27.994 Itália Kappa
Udinese Udine Friuli 30.642 Itália Macron

Mudança de técnicos[editar | editar código-fonte]

Clube Antecessor Motivo Data da vaga Pos Sucessor Data da
nomeação
Napoli Itália Maurizio Sarri Consenso mútuo 23 de maio de 2018 Pré-temporada Itália Carlo Ancelotti 23 de maio de 2018[2]
Bologna Itália Roberto Donadoni 24 de maio de 2018[3] Itália Filippo Inzaghi 13 de junho de 2018[4]
Cagliari Uruguai Diego López 30 de maio de 2018 Itália Rolando Maran 7 de junho de 2018[5]
Sassuolo Itália Giuseppe Iachini 5 de junho de 2018[6] Itália Roberto De Zerbi 13 de junho de 2018[7]
Udinese Croácia Igor Tudor 7 de junho de 2018 Espanha Julio Velázquez 7 de junho de 2018[8]
Chievo Itália Lorenzo D'Anna Demitido 9 de outubro de 2018[9] 20º Itália Giampiero Ventura 10 de outubro de 2018[10]
Genoa Itália Davide Ballardini 9 de outubro de 2018[11] 11º Croácia Ivan Jurić 9 de outubro de 2018[11]
Empoli Itália Aurelio Andreazzoli 5 de novembro de 2018[12] 18º Itália Giuseppe Iachini 5 de novembro de 2018[13]
Chievo Itália Giampiero Ventura Pediu demissão 13 de novembro de 2018[14] 20º Itália Domenico Di Carlo 13 de novembro de 2018[14]
Udinese Espanha Julio Velázquez Demitido 13 de novembro de 2018[15] 17º Itália Davide Nicola 13 de novembro de 2018[15]
Genoa Croácia Ivan Jurić 7 de dezembro de 2018[16] 14º Itália Cesare Prandelli 7 de dezembro de 2018[16]
Frosinone Itália Moreno Longo 19 de dezembro de 2018[17] 19º Itália Marco Baroni 19 de dezembro de 2018[17]
Bologna Itália Filippo Inzaghi 28 de janeiro de 2019[18] 18º Sérvia Siniša Mihajlović 28 de janeiro de 2019[18]
Roma Itália Eusebio Di Francesco 7 de março de 2019[19] Itália Claudio Ranieri 8 de março de 2019[20]
Empoli Itália Giuseppe Iachini 13 de março de 2019[21] 17º Itália Aurelio Andreazzoli 13 de março de 2019[21]
Udinese Itália Davide Nicola 20 de março de 2019[22] 16º Croácia Igor Tudor 21 de março de 2019[23]
Fiorentina Itália Stefano Pioli Pediu demissão 09 de abril de 2019[24] 10º

Classificação[editar | editar código-fonte]

Symbol arrow up.svg Atualizado em 13 de maio de 2019.

Pos Equipes Pts J V E D GM GS SG M Classificação ou rebaixamento
1 Flag of Piedmont.svg Juventus (Q) 89 36 28 5 3 69 27 +42 Estável Fase de Grupos da Liga dos Campeões da UEFA de 2019–20
2 Flag of Campania.svg Napoli 76 36 23 7 6 68 32 +36 Estável
3 Flag of Lombardy.svg Internazionale 66 36 19 9 8 54 28 +26 Estável
4 Flag of Lombardy.svg Atalanta 65 36 19 8 9 73 44 +29 Estável
5 Flag of Lombardy.svg Milan 62 36 17 11 8 50 34 +16 Estável Fase de Grupos da Liga Europa da UEFA de 2019–20
6 Flag of Lazio.svg Roma 62 36 17 11 8 64 47 +17 Estável 2ª Pré-Eliminatória da Liga Europa da UEFA de 2019–20
7 Flag of Piedmont.svg Torino 60 36 15 15 6 48 32 +16 Estável
8 Flag of Lazio.svg Lazio 58 36 17 7 12 52 40 +12 Estável
9 Flag of Liguria.svg Sampdoria 49 36 14 7 15 58 51 +7 Estável
10 Emilia-Romagna-Bandiera.png Sassuolo 42 36 9 15 12 52 57 –5 Estável
11 Emilia-Romagna-Bandiera.png SPAL 42 36 11 9 16 40 50 –10 Estável
12 Bandiera ufficiale RAS.jpg Cagliari 40 36 10 10 16 34 51 –17 Estável
13 Emilia-Romagna-Bandiera.png Bologna 40 36 10 10 16 42 51 –9 Aumento2
14 Flag of Tuscany.svg Fiorentina 40 36 8 16 12 47 44 +3 Baixa1
15 Emilia-Romagna-Bandiera.png Parma[a] 38 36 10 10 16 39 59 –20 Baixa1
16 Friuli-Venezia Giulia-Flag.png Udinese 37 36 9 10 17 34 50 –16 Aumento1
17 Liguria-Bandiera.png Genoa 36 36 9 11 16 38 56 –18 Baixa1
18 Flag of Tuscany.svg Empoli 35 36 9 8 19 46 67 –21 Estável Zona de rebaixamento à Serie B de 2019–20
19 Flag of Lazio.svg Frosinone 24 36 5 10 21 29 67 –38 Estável
20 Flag of Veneto.svg Chievo[b] 18 36 2 12 22 25 75 –50 Estável

(Q) Qualificado para a fase indicada

Notas:

  • a ^ O Parma foi punido pela FIGC com a perda de cinco pontos por tentativa de manipulação do resultado do jogo contra o Spezia, no qual venceu por 2 a 0 (partida válida pela quadragésima segunda e última rodada da Serie B de 2017–18) e consequentemente garantiu o acesso do clube à Serie A.[25] No dia 9 de agosto de 2018, o recurso do clube foi acatado, e com isso não começará o campeonato com cinco pontos negativos.[26]
  • b ^ O Chievo perdeu 3 pontos por fraudar contabilidade.[27]

Confrontos[editar | editar código-fonte]

  ATA BOL CAG CHV EMP FIO FRO GEN INT JUV LAZ MIL NAP PAR ROM SAM SAS SPA TOR UDI
Atalanta 4–1 0–1 1–1 0–0 3–1 4–0 2–1 4–1 2–2 1–0 1–3 1–2 3–0 3–3 0–1 3–1 2–1 0–0 2–0
Bologna 1–2 2–0 3–0 3–1 0–0 0–4 1–1 0–3 0–1 0–2 0–0 3–2 4–1 2–0 3–0 2–1 0–1 2–2 2–1
Cagliari 0–1 2–0 2–1 2–2 2–1 1–0 1–0 2–1 0–2 1–2 1–1 0–1 2–1 2–2 0–0 2–2 2–1 0–0 1–2
Chievo 1–5 2–2 0–3 0–0 3–4 1–0 0–0 1–1 2–3 1–1 1–2 1–3 1–1 0–3 0–0 0–2 0–4 0–1 0–2
Empoli 3–2 2–1 2–0 2–2 1–0 2–1 1–3 0–1 1–2 0–1 0–0 2–1 3–3 0–2 2–4 3–0 2–4 4–1 2–1
Fiorentina 2–0 0–0 1–1 6–1 3–1 0–1 0–0 3–3 0–3 1–1 0–1 0–0 0–1 1–1 3–3 0–1 3–0 1–1 1–0
Frosinone 0–5 0–0 1–1 0–0 3–3 1–1 1–2 1–3 0–2 0–1 0–0 0–2 3–2 2–3 0–5 0–2 0–1 1–2 1–3
Genoa 3–1 1–0 1–1 2–0 2–1 0–0 0–0 0–4 2–0 2–1 0–2 1–2 1–3 1–1 1–1 1–1 1–1 0–1 2–2
Internazionale 0–0 0–1 2–0 2–0 2–1 2–1 3–0 5–0 1–1 0–1 1–0 1–0 0–1 1–1 2–1 0–0 2–0 2–2 1–0
Juventus 1–1 2–0 3–1 3–0 1–0 2–1 3–0 1–1 1–0 2–0 2–1 3–1 3–3 1–0 2–1 2–1 2–0 1–1 4–1
Lazio 1–3 3–3 3–1 1–2 1–0 1–0 1–0 4–1 0–3 1–2 1–1 1–2 4–1 3-0 2–2 2–2 4–1 1–1 2–0
Milan 2–2 2–1 3–0 3–1 3–0 0–1 2–0 2–1 2–3 0–2 1–0 0–0 2–1 2–1 3–2 1–0 2–1 0–0 1–1
Napoli 1–2 3–2 2–1 0–0 5–1 1–0 4–0 1–1 4–1 1–2 2–1 3–2 3–0 1–1 3–0 2–0 1–0 0–0 4–2
Parma 1–3 0–0 2–0 1–1 1–0 1–0 0–0 1–0 0–1 1–2 0–2 1–1 0–4 0–2 3–3 2–1 2–3 0–0 2–2
Roma 3–3 2–1 3–0 2–2 2–1 2–2 4–0 3–2 2–2 2–0 3–1 1–1 1–4 2–1 4–1 3–1 0–2 3–2 1–0
Sampdoria 1–2 4–1 1–0 2–0 1–2 1–1 0–1 2–0 0–1 2–0 1–2 1–0 3–0 2–0 0–1 0–0 2–1 1–4 4–0
Sassuolo 2–6 2–2 3–0 4–0 3–1 3–3 2–2 5–3 1–0 0–3 1–1 1–4 1–1 0–0 0–0 3–5 1–1 1–1 0–0
SPAL 2–0 1–1 2–2 0–0 2–2 1–4 0–3 1–1 1–2 2–1 1–0 2–3 1–2 1–0 2–1 1–2 0–2 0–0 0–0
Torino 2–0 2–3 1–1 3–0 3–0 1–1 3–2 2–1 1–0 0–1 3–1 2–0 1–3 1–2 0–1 2–1 3–2 1–0 1–0
Udinese 1–3 2–1 2–0 1–0 3–2 1–1 1–1 2–0 0–0 0–2 1–2 0–1 0–3 1–2 1–0 1–0 1–1 3–2 1–1

Desempenho[editar | editar código-fonte]

Clubes que lideraram o campeonato ao final de cada rodada:

Rodadas
1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 37 38
ATA JUV

Clubes que ficaram na última posição do campeonato ao final de cada rodada:

Rodadas
1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 37 38
FRO CHV

Estatísticas[editar | editar código-fonte]

Hat-tricks[editar | editar código-fonte]

Jogador Para Contra Resultado Data
Eslovénia Josip Iličić Atalanta Chievo 5–1 (V) 21 de outubro de 2018
Bélgica Dries Mertens Napoli Empoli 5–1 (M) 02 de novembro de 2018
Colômbia Duván Zapata Atalanta Udinese 3–1 (V) 09 de dezembro de 2018
Eslovénia Josip Iličić Atalanta Sassuolo 6–2 (V) 29 de dezembro de 2018
Colômbia Duván Zapata4 Atalanta Frosinone 5–0 (V) 20 de janeiro de 2019
Notas

4 Jogador marcou 4 gols ; (M) – Mandante (V) – Visitante

Referências

  1. «Mudanças na Serie A 2018/19: boxing day e mercado fechará antes da primeira rodada». UOL trivela. 5 de março de 2018 
  2. «Presidente do Napoli anuncia saída de Sarri e fecha com Ancelotti». GloboEsporte.com. 23 de maio de 2018. Consultado em 20 de junho de 2018 
  3. «BOLOGNA CONFIRM DONADONI DEPARTURE» (em inglês). goal.com. 24 de maio de 2018. Consultado em 20 de junho de 2018 
  4. «Até 2020! Filippo Inzaghi é o novo treinador do Bologna». Lance!. 13 de junho de 2018. Consultado em 20 de junho de 2018 
  5. «ROLANDO MARAN É O NOVO TREINADOR DO CAGLIARI». Record.pt. 7 de junho de 2018. Consultado em 20 de junho de 2018 
  6. «GIUSEPPE IACHINI DEIXA COMANDO TÉCNICO DO SASSOULO». Record.pt. 5 de junho de 2018. Consultado em 20 de junho de 2018 
  7. Alessandro Dinoia (13 de junho de 2018). «Sassuolo, ufficiale: Roberto De Zerbi è il nuovo allenatore». Eurosport (em italiano). Consultado em 20 de junho de 2018 
  8. «ESPANHOL JULIO VELAZQUEZ É O NOVO TREINADOR DA UDINESE». SapoDesporto. 7 de junho de 2018. Consultado em 20 de junho de 2018 
  9. «Lorenzo D'Anna foi despedido do comando técnico do Chievo». ojogo. 9 de outubro de 2018. Consultado em 29 de outubro de 2018 
  10. «Ex-técnico da seleção italiana, Ventura acerta com o lanterna Chievo». esportes.r7.com. 10 de outubro de 2018. Consultado em 29 de outubro de 2018 
  11. a b «Dois dias após derrota no Italiano, Genoa demite técnico e anuncia substituto». ojogo. 9 de outubro de 2018. Consultado em 29 de outubro de 2018 
  12. «Em baixa no Italiano, Empoli demite técnico no dia de seu aniversário». esportes.r7.com. 5 de novembro de 2018. Consultado em 18 de novembro de 2018 
  13. «Na zona de rebaixamento do Italiano, Empoli anuncia o seu novo treinador». esportes.estadao.com.br. 6 de novembro de 2018. Consultado em 18 de novembro de 2018 
  14. a b «Em crise, Chievo anuncia Di Carlo para substituir Ventura». jb.com.br. 13 de novembro de 2018. Consultado em 18 de novembro de 2018 
  15. a b «Julio Velázquez despedido do comando técnico da Udinese». desporto.sapo.pt. 13 de outubro de 2018. Consultado em 18 de novembro de 2018 
  16. a b «Genoa demite técnico e acerta com Cesare Prandelli, ex-seleção italiana». terra.com.br. 7 de dezembro de 2018. Consultado em 8 de dezembro de 2018 
  17. a b «Frosinone substitui treinador Moreno Longo por Marco Baroni». record.pt. 19 de dezembro de 2018. Consultado em 26 de janeiro de 2019 
  18. a b «Ameaçado de queda, Bologna demite Inzaghi e contrata Mihajlovic como técnico». estadao.com.br. 28 de janeiro de 2019. Consultado em 2 de fevereiro de 2019 
  19. «Roma anuncia a saída de Di Francesco, técnico da campanha histórica na Liga dos Campeões». globoesporte.globo.com. 7 de março de 2019. Consultado em 18 de março de 2019 
  20. «Roma anuncia retorno de Claudio Ranieri como treinador». globoesporte.globo.com. 8 de março de 2019. Consultado em 18 de março de 2019 
  21. a b «Empoli despede Giuseppe Iachini e faz regressar treinador Aurelio Andreazzoli». dn.pt. 13 de março de 2019. Consultado em 18 de março de 2019 
  22. «Udinese demite técnico Davide Nicola». uol.com.br. 20 de março de 2019. Consultado em 9 de abril de 2019 
  23. «Igor Tudor regressa ao comando técnico da Udinese». sapo.pt. 21 de março de 2019. Consultado em 9 de abril de 2019 
  24. «Stefano Pioli apresenta demissão com palavras duras». abola.pt. 9 de abril de 2019. Consultado em 9 de abril de 2019 
  25. «Parma iniciará Série A italiana com 5 pontos negativos». Terra. 23 de julho de 2018. Consultado em 23 de julho de 2018 
  26. «Parma tem recurso acatado e não começará Italiano com menos cinco pontos». Istoé. 9 de agosto de 2018. Consultado em 9 de agosto de 2018 
  27. «Chievo é punido por irregularidades e perde três pontos na Serie A». Terra. 14 de setembro de 2018. Consultado em 24 de setembro de 2018 
  28. a b «Italian Serie A Scoring Stats - 2018-19» (em inglês). ESPN. Consultado em 20 de novembro de 2018 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]