Serra da Raiz

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Município de Serra da Raiz
"Igreja Matriz Senhor do Bonfim"
Igreja Matriz Senhor do Bonfim

Igreja Matriz Senhor do Bonfim
Bandeira indisponível
Brasão de Serra da Raiz
Bandeira indisponível Brasão
Hino
Aniversário 21 de janeiro
Fundação 1959
Gentílico serra-raizense ou serrano
Prefeito(a) Adailma Fernandes da Silva Lima[1] (PTB)
(2017 – 2020)
Localização
Localização de Serra da Raiz
Localização de Serra da Raiz na Paraíba
Serra da Raiz está localizado em: Brasil
Serra da Raiz
Localização de Serra da Raiz no Brasil
06° 41' 13" S 35° 26' 38" O06° 41' 13" S 35° 26' 38" O
Unidade federativa Paraíba
Região intermediária

João Pessoa IBGE/2017[2]

Região imediata

Guarabira IBGE/2017[2]

Região metropolitana Guarabira
Municípios limítrofes Caiçara,(N), Sertãozinho(S), Belém,(L) e Duas Estradas, Lagoa de Dentro (O).
Distância até a capital 138 km
Características geográficas
Área 28,984 km² [3]
População 3 204 hab. IBGE/2010[4]
Densidade 110,54 hab./km²
Altitude 331 m
Clima tropical As'
Fuso horário UTC−3
Indicadores
IDH-M 0,565 baixo PNUD/2000[5]
PIB R$ 13 347,357 mil IBGE/2008[6]
PIB per capita R$ 4 141,28 IBGE/2008[6]

Serra da Raiz é um município brasileiro do estado da Paraíba. Pertence a Região Geográfica Intermediária de João Pessoa e à Região Geográfica Imediata de Guarabira. Está distante 138 quilômetros de João Pessoa, a capital do estado. Sua instalação oficial ocorreu em 21 de janeiro de 1959. Apesar da criação recente, é considerada uma das mais antigas povoações do estado da Paraíba.

História[editar | editar código-fonte]

Padre Emídio Fernandes

A localidade de Serra da Raiz teve sua origem datada a partir do século XVIII com a concessão de sesmarias. A partir desse período foi construída uma rústica indústria de beneficiamento e fiação de algodão (bolandeira), pelo senhor Bento José da Costa, um dos primeiros moradores da povoação. Essa construção favoreceu para o desenvolvimento e crescimento do então povoado. Posteriormente foram construídas a Casa Grande, a Senzala, um curral e uma pequena Capela feita de taipa dedicada ao Senhor do Bonfim.

A pequena capela do Senhor do Bonfim foi construída numa parte de terra doada pelos moradores da localidade e elevada a categoria de paróquia no ano de 1870, pelo Padre Emídio Fernandes. Contudo, nos arquivos da Paróquia da Serra da Raiz está registrado como primeiro pároco o padre Sebastião Bastos de Almeida.

A região que compreende o município da Serra da Raiz é vinculada ao histórico episódio ocorrido na época da colonização da Paraíba no ano de 1574 denominado de Tragédia de Tracunhaém. Segundo historiadores, foi nessa região do município da Serra da Raiz que o índio Ininguaçu, teria arregimentado parte de sua tribo em busca de sua filha Iratembé, capturada por um mameluco que transitava na região da Serra da Copaoba. Os índios que eram da nação indígena dos potiguaras foram em direção ao Engenho Tracunhaém do proprietário Diogo Dias, na região que atualmente compreende a cidade pernambucana de Goiana, e lá teria ocorrido um grande massacre contra os moradores que viviam no engenho.

Padre Sebastião Bastos de Almeida. Primeiro pároco da paróquia da Serra da Raiz

Por esses fatos o município de Serra da Raiz é considerado por alguns historiadores como um dos primeiros aldeamentos da então Capitania da Paraíba, pois logo após a tragédia de Tracunhaém os colonizadores portugueses junto com os índios Tabajaras derrotaram a tribo Potiguara do então aldeamento da Copaoba, região que atualmente compreende os municípios de Serra da Raiz, Belém, Caiçara, Duas Estradas e Sertãozinho, e avançaram na colonização da Paraíba.

O nome do município, Serra da Raiz, derivou-se de uma raiz de propriedades medicinais que se encontrava na localidade, a qual foi muito utilizada no passado pelos silvícolas. No entanto, em divisões territoriais datadas de 31 de dezembro de 1936, o distrito passa a se chamar Barra da Raiz. Porém, com o decreto-lei estadual, datado de 15 de novembro de 1938, o topônimo do então distrito de Serra da Raiz foi alterado para Cupaoba, em alusão a primitiva denominação da região, mas anos depois voltou a denominar-se novamente de Serra da Raiz. Segundo a tradição oral um antigo religioso chamado Frei Herculano teria pedido a modificação do nome da vila para Jerusalém, porém o nome não foi mantido.

Antes da emancipação político-administrativa Serra da Raiz disputou acirradamente contra a cidade de Caiçara o domínio geopolítico da região. Esta rivalidade acarretou uma parcial paralisação do progresso dos dois povoados, fazendo com que os territórios da Serra da Raiz e de Caiçara fossem administrados pelo município de Guarabira até o ano de 1908, quando Caiçara foi emancipada e a Serra da Raiz ficou sendo figurada como distrito de Caiçara até o ano de 1959 quando foi definitivamente emancipada pela lei estadual nº 1962, de 21 de janeiro de 1959. Entre 1938 e 1943, ainda distrito de Caiçara, a localidade denominou-se Cupaoba[7].

Geografia[editar | editar código-fonte]

De acordo com o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), no ano de 2006 sua população era estimada em 3.239 habitantes. Área territorial de 29 km².

Referências

  1. Portal Eleições 2016. «Resultado das Eleições: Serra da Raiz-PB». Consultado em 04 de janeiro de 2017  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  2. a b Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). «Base de dados por municípios das Regiões Geográficas Imediatas e Intermediárias do Brasil». Consultado em 17 de agosto de 2017. Cópia arquivada em 10 de agosto de 2017 
  3. IBGE (10 out. 2002). «Área territorial oficial». Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consultado em 5 dez. 2010 
  4. «Censo Populacional 2010». Censo Populacional 2010. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 29 de novembro de 2010. Consultado em 11 de dezembro de 2010 
  5. «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil». Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2000. Consultado em 11 de outubro de 2008 
  6. a b «Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 11 dez. 2010 
  7. Histórico: Serra da Raiz Paraíba - PB

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre municípios da Paraíba é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.