Seu Jorge

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Seu Jorge
Seu Jorge em abril de 2015.
Informação geral
Nome completo Jorge Mário da Silva
Nascimento 8 de junho de 1970 (45 anos)
Local de nascimento Belford Roxo,  Rio de Janeiro[1]
 Brasil
Gênero(s) [2] [3] [4] [5] [6] [7]
Ocupação(ões)
Instrumento(s)
Modelos de instrumentos Baixos: Fender Urge Bass, Fender Precision Bass, Fender Jazz Bass, Amplificadores Ampeg SVT 3, Marshall JCM 800, Fender Twin reverb, Guitarras: Fender Telecaster, Fender Stratocaster, Gibson Les Paul Custom Efeitos: Pod HD 500
Período em atividade 1998-atualmente
Gravadora(s) Universal Music[8]
Afiliação(ões)
Página oficial http://www.seujorge.com/

Seu Jorge,[12] nome artístico de Jorge Mário da Silva (Belford Roxo,[1] 8 de junho de 1970) é um ator, cantor, compositor e multi-instrumentista brasileiro de MPB, R&B, samba e soul.

Biografia de Seu Jorge[editar | editar código-fonte]

Seu Jorge em uma apresentação.

primogenio de 4 filhos (os outros são Charles, Vitório e Rogério), Seu Jorge teve uma infância dura mas tranquila no bairro Gogó da Ema, em Belford Roxo. Começou a trabalhar com dez anos de idade em uma borracharia, primeira de várias ocupações como contínuo, marceneiro e descascador de batatas em um bar. Serviu ao Exército Brasileiro em 1989-1990, no Rio de Janeiro, no Depósito Central de Armamento - DCArmt, fez curso de corneteiro militar no 2º Batalhão de Infantaria Motorizado Escola (Regimento AVAÍ), mas não se adaptou à vida militar, sendo licenciado em janeiro de 1990.

As variadas profissões nunca ofuscaram o seu verdadeiro desejo de se tornar músico. Desde adolescente, frequentava as rodas de samba cariocas acompanhando o pai e os irmãos em bailes funksepuatia bailes charmes da periferia, e cedo começou a se profissionalizar cantando na noite. Foi aí que a morte de seu irmão Vitório em uma chacina levou a família à desestruturação, e Seu Jorge acabou virando sem-teto por cerca de três anos. A virada se deu quando o clarinetista Paulo Moura o convidou para fazer um teste para um musical de teatro. Foi aprovado e acabou participando de mais de 20 espetáculos com o Teatro da Universidade do Rio de Janeiro, como cantor e ator.[13]

Além da carreira musical, Seu Jorge é um dos donos da cervejaria Karavelle e de dois bares na cidade de São Paulo.[14]

Carreira[editar | editar código-fonte]

Participou da formação da banda Farofa Carioca, que lançou seu primeiro CD em 1998 com uma mistura dos ritmos negros de várias partes do mundo, como samba, reggae, jongo, funk e rap.[15] A partir daí, Seu Jorge tem sua carreira engrenada e passa a participar de vários projetos, como um disco de tributo a Tim Maia e a participação em estúdio e na turnê da banda brasileira Planet Hemp, em 2000.[16]

Participou também em diversos filmes em sua carreira, como Cidade de Deus, The life Aquatic, Tropa de Elite 2, The escapist, E ai comeu ? entre outros.[17] Seu Jorge é sobrinho de Jovelina Pérola Negra e primo do sambista Dudu Nobre. Ganhou o apelido do amigo Marcelo Yuka.[17] . Em 2012 participou da Cerimônia de Encerramento das Olimpíadas de Londres 2012, durante o segmento carioca. Cantou as músicas Nem Vem Que Não Tem de Wilson Simonal e Aquele Abraço de Gilberto Gil.

Em janeiro de 2013, Seu Jorge decidiu mudar-se junto com sua família para Los Angeles com o intuito de buscar segurança e educação para suas filhas, além de dedicar-se mais à carreira de ator.[14] [18]

Em junho de 2013, ao ser criticado por um usuário no Twitter, Seu Jorge retrucou referindo-se ao Brasil como uma "merda de país" que não o havia ajudado em nada.[19]

Discografia[editar | editar código-fonte]

Seu Jorge

Com o grupo Farofa Carioca[editar | editar código-fonte]

  • 1998 - Moro no Brasil[15]

Carreira solo[editar | editar código-fonte]

Estúdio[editar | editar código-fonte]

Ao vivo[editar | editar código-fonte]

Participações[editar | editar código-fonte]

Videografia em DVD[editar | editar código-fonte]

Filmografia[editar | editar código-fonte]

Dados fornecidos pelo AdoroCinema:[32]

Televisão[editar | editar código-fonte]

Premiações[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b Perfil. Página visitada em 07 de agosto de 2013.
  2. «Seu Jorge lança o disco 'Músicas para churrasco vol. 2'» Divirta-se [S.l.] 1 de abril de 2016. Consultado em 14 de janeiro 2016. 
  3. «Seu Jorge faz música para divertir, mas sem se esquecer do lugar de onde veio (e para o qual não quer voltar)» Rolling Stone Brasil [S.l.] 25 de mai de 2015. Consultado em 14 de janeiro 2016. 
  4. «Seu Jorge abandona cavaco e investe em soul em novo disco» Folha de S.Paulo [S.l.] 25 de maio de 2015. Consultado em 14 de janeiro 2016. 
  5. «Seu Jorge tempera festa brasileira com samba, soul e R&B» Destak Jornal [S.l.] 21 de maio de 2015. Consultado em 14 de janeiro 2016. 
  6. «Seu Jorge no Perfil da MPB» Rádio Inconfidência [S.l.] 15 de outubro de 2013. Consultado em 14 de janeiro 2016. 
  7. «Depois do Almaz, Seu Jorge mergulha no samba-funk com o disco 'Músicas para churrasco 1'» O Globo [S.l.] 07 de julho de 2011. Consultado em 15 de janeiro 2016. 
  8. «Seu Jorge assina com nova gravadora» Billboard Brasil [S.l.] 31 de janeiro de 2011. Consultado em 31/01/2011. 
  9. «Seu Jorge e Ed Motta tocam juntos em Brasília» Portal Terra [S.l.] 25 de março de 2005. Consultado em 14 de janeiro 2016. 
  10. «De casa nova, Ed Motta lança 'Poptical'» Estadão [S.l.] 04 de junho de 2003. Consultado em 18 de janeiro 2016. 
  11. «Bruno Mazzeo, Marcos Palmeira e Emilio Orciolo estrelam filme em que não pegam ninguém» O Dia [S.l.] 20 de junho de 2012. Consultado em 18 de janeiro 2016. 
  12. a b «Seu Jorge Live Montreux» (em inglês). Amazon. Consultado em 10 de janeiro de 2012. 
  13. «Seu Jorge». Caras. Consultado em 10 de janeiro de 2012. 
  14. a b «Prestes a completar um ano em Los Angeles, Seu Jorge conta como é a vida na ponte Brasil-EUA». O Globo. Consultado em 3 de fevereiro de 2014. 
  15. a b «Farofa Carioca». Dicionário Cravo Albin da Música Popular Brasileira. Consultado em 10 de janeiro de 2012. 
  16. Altas Horas. «Marcelo D2 fala sobre a volta do Planet Hemp». Consultado em 10 de janeiro de 2012. 
  17. a b «Seu Jorge - Biografia». Dicionário Cravo Albin da Música Popular Brasileira. Consultado em 10 de janeiro de 2012. 
  18. «Seu Jorge muda para os EUA e fará Jimi Hendrix no cinema». UOL. Consultado em 3 de fevereiro de 2014. 
  19. «No Twitter, Seu Jorge chama Brasil de "merda de país" que não o ajudou "em nada"». Metro1. Consultado em 3 de fevereiro de 2014. 
  20. «CD Seu Jorge - Cru». Americanas.com.br. Consultado em 10 de janeiro de 2012. 
  21. «Seu Jorge - Talento e pluraridade musical fazem parte de sua marca». MPB Total. Consultado em 10 de janeiro de 2012. 
  22. «A Invasão do sagaz homem Fumaça - Planet Hemp». LastFM. Consultado em 10 de janeiro de 2012. 
  23. «CD Jota Quest - Discotecagem pop variada». Americanas.com.br. Consultado em 10 de janeiro de 2012. 
  24. «Trilha Sonora do filme Cidade de Deus». Planeta da Música. Consultado em 10 de janeiro de 2012. 
  25. «Bolsão». Bolsão. Consultado em 10 de janeiro de 2012. 
  26. «Daniela Mercury e Seu Jorge emocionam fioliões na BA». O Estado de S. Paulo. Consultado em 10 de janeiro de 2012. 
  27. «Melhor assim». O Viés. Consultado em 10 de janeiro de 2012. 
  28. «Diego Torres e Seu Jorge cantam com Ivete Sangalo em Salvador». Site oficial da cantora. Consultado em 10 de janeiro de 2012. 
  29. «Tão comum - Sandy e Seu Jorge». TV UOL. Consultado em 10 de janeiro de 2012. 
  30. «DVD Seu Jorge - MTV apresenta Seu Jorge...». Americanas.com.br. Consultado em 10 de janeiro de 2012. 
  31. «DVD Ana Carolina & Seu Jorge». Americanas.com.br. Consultado em 10 de janeiro de 2012. 
  32. «Seu Jorge». AdoroCinema. Consultado em 10 de janeiro de 2012. 
  33. «Seu Jorge leva o prêmio de melhor cantor». Prêmio Multishow de Música Brasileira (site oficial). Consultado em 10 de janeiro de 2012. 
  34. «Caetano, Seu Jorge e Beth Carvalho ganham prêmios no Grammy Latino». O Globo. Consultado em 23 de novembro de 2012. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Seu Jorge
Wikiquote
O Wikiquote possui citações de ou sobre: Seu Jorge