Shrek 2

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Shrek 2
Shrek 2 (PT/BR)
Pôster promocional
 Estados Unidos
2004 •  cor •  93 min 
Direção Andrew Adamson
Kelly Asbury
Conrad Vernon
Produção Aron Warner
John H. Williams
David Lipman
Roteiro Andrew Adamson
Joe Stillman
J. David Stem
David N. Weiss
Elenco Mike Myers
Eddie Murphy
Cameron Diaz
Antonio Banderas
Julie Andrews
John Cleese
Rupert Everett
Jennifer Saunders
Gênero animação, aventura, comédia, fantasia
Música Harry Gregson-Williams
Edição Michael Andrews
Sim Evan-Jones
Companhia(s) produtora(s) DreamWorks Animation
Pacific Data Images
Distribuição DreamWorks Pictures
Lançamento França 15 de maio de 2004 (Festival de Cannes)
Estados Unidos 21 de maio de 2004
Brasil 18 de junho de 2004
Portugal 1 de julho de 2004
Idioma Inglês
Orçamento US$ 150 milhões [1]
Receita US$ 919.838.758[1]
Cronologia
Último
Shrek (2001)
Shrek the Third (2007)
Próximo
Site oficial
Página no IMDb (em inglês)

Shrek 2 é um filme norte-americano de 2004, do gênero animação computadorizada, produzido pela DreamWorks Animation. É a sequência do filme Shrek. O filme apresenta as vozes de Mike Myers, Eddie Murphy, Cameron Diaz, Antonio Banderas, Julie Andrews, John Cleese, Rupert Everett e Jennifer Saunders. O filme tem três diretores: além de Andrew Adamson e Kelly Asbury, Conrad Vernon também assina a direção.

Enredo[editar | editar código-fonte]

Gtk-paste.svg Aviso: Este artigo ou se(c)ção contém revelações sobre o enredo.

Depois de enfrentar o terrível dragão e o ganancioso Lorde Farquad para obter a mão da Princesa Fiona, Shrek agora enfrenta o seu maior desafio: os pais da noiva. Conhecê-los era, provavelmente, a última coisa na mente do ogro ao se casar com Fiona. Mas os trompetes reais sinalizam o fim da lua-de-mel quando seus sogros — o Rei e a Rainha de Tão Tão Distante — enviam um convite formal à princesa para o baile real em comemoração ao casamento com o seu “Príncipe Encantado”.

Todos os cidadãos do reino se reúnem para saudar o retorno da princesa e seu novo príncipe. No entanto, ninguém — nem mesmo os pais da noiva — imaginava que o reino iria receber dois ogros, e todos ficam perplexos com a ''nova aparência'' de sua querida princesinha e de seu marido. Fiona nem imagina como seu casamento frustrou os planos que seu pai tinha para ela… e para si mesmo. Agora o Rei tem que contar com a ajuda da poderosa e inescrupulosa Fada Madrinha, do belo, porém mau-caráter Príncipe Encantado e do famoso matador de aluguel, o Gato de Botas, para realizar a sua própria versão de “felizes para sempre”.

Gtk-paste.svg Aviso: Terminam aqui as revelações sobre o enredo.

Dublagem[editar | editar código-fonte]

Personagem Original Estados Unidos Dublador Brasil Dobrador Portugal
Shrek Mike Myers Bussunda José Jorge Duarte
Burro Eddie Murphy Mário Jorge Andrade Rui Paulo
Princesa Fiona Cameron Diaz Fernanda Crispim Cláudia Cadima
Gato de Botas Antonio Banderas Alexandre Moreno Paulo Oom
Rei Harold John Cleese Isaac Bardavid Rui Mendes
Rainha Lillian Julie Andrews Emília Rey Carmen Santos
Príncipe Encantado Rupert Everett Ettore Zuim João Craveiro Reis
Fada Madrinha Jennifer Saunders Márcia Coutinho Paula Fonseca
Homem-Biscoito Conrad Vernon Marcelo Coutinho Carlos Macedo
Irmã Feia Larry King Pedro Bial Rui Unas
Lobo Mau Aron Warner Luiz Carlos Persy Carlos Freixo
Pinóquio Cody Cameron Manolo Rey Paulo Oom
Os Três Porquinhos Cody Cameron Carlos Macedo,
Carlos Freixo
e André Maia

Bilheteria[editar | editar código-fonte]

O filme estreou nos Estados Unidos no dia 19 de maio de 2004 e arrecadou $108,037,878, ficando em primeiro lugar nas bilheterias, e na época bateu o recorde de maior arrecadação em um único dia ($44,797,042). Também contém a segunda maior abertura da história, atrás apenas de Homem-Aranha.

Arrecadou ótimos $441,226,247 na América do Norte e $478,612,511 nos outros países. Somando, a arrecadação foi de $919,838,758, a décima oitava maior da história.  

Recepção[editar | editar código-fonte]

Comentários do filme foram, em geral positivos, conquistando 88% no Rotten Tomatoes por ‎233 votos, levando o consenso "Pode não ser tão fresco como o original, mas humor tópica e personagens secundários coloridos fazem Shrek 2 um vencedor em seu próprio direito''[2] . No Metacritic, o filme mantém uma pontuação de 75% em 100, com base em 40 críticos, indicando "revisões positivas''.[3]

Vídeo game[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Shrek 2 (jogo eletrônico)
  • Shrek 2 (Shrek 2: Team Action) (2004)
  • Shrek 2 Activity Center: Twisted Fairy Tale Fun (2004)[4]
  • Shrek 2: Beg for Mercy (2004)[5]
  • Shrek Super Slam (2005)
  • Shrek Smash n' Crash Racing (2006)

Piadas e paródias[editar | editar código-fonte]

  • Na cena em que Shrek acidentalmente beija a Pequena Sereia, em vez de Fiona, é uma paródia do filme A Um Passo da Eternidade.
  • O castelo de Tão Tão Distante é uma paródia ao castelo da Disney.
  • Na cena em que o Gato de Botas começa a atacar Shrek e a percorrer todo o seu corpo, arranhando-o, em um certo momento, ele sai pela sua barriga, rasgando sua camisa. Essa parte é uma sátira ao filme Alien.
  • A terra de Tão Tão Distante é uma paródia a Hollywood, inclusive possui o mesmo tipo de letreiro na montanha.
  • Na cena da chegada a Tão Tão Distante, é possível ver o logo do Burger King.
  • Na cena do biscoito gigante, Mongo pega um copo contendo o logo da Starbucks.
  • O número musical da Fada Madrinha com a mobília do quarto de Fiona faz paródia às canções Bibidi Babidi Boo, de Cinderela e À Vontade de A Bela e a Fera.
  • A cena onde o Gato de Botas risca a letra P (de Puss in Boots, seu nome original) no tronco de uma árvore com sua espada faz referência ao Zorro.
  • Na cena em que Shrek derruba o balde de poções na fábrica da Fada Madrinha, dois operários se transformam em um castiçal e em um relógio, fazendo uma paródia dos personagens de A Bela e a Fera.
  • A cena em que Pinóquio, o Homem-Biscoito, Os Três Porquinhos e o Lobo Mau vão salvar Shrek, Burro e o Gato de Botas do calabouço onde estão presos é uma paródia ao filme Missão Impossível, inclusive contendo a música tema do mesmo.
  • A cena em que vários personagens de contos de fadas, incluindo a Fada Madrinha, chegam ao Castelo de Tão Tão Distante é uma paródia ao Tapete Vermelho do Óscar.
  • O biscoito gigante Mongo é uma paródia de monstros da ficção como Frankenstein e Godzilla.
  • Levando o humor do filme para um lado mais adulto, a cena em que Shrek, o gato e o burro estão sendo presos por guardas do reino, um desses encontra um saco de erva de gato com o Gato de Botas, que diz não ser dele. Isso faz referência ao porte de drogas ilícitas.

Trilha sonora[editar | editar código-fonte]

  1. "Accidentally in Love" (Adam Duritz, Dan Vickrey, David Immerglück, Matthew Malley)Counting Crows
  2. "Holding Out for a Hero" (Dean Pitchford, Jim Steinman) — Frou Frou
  3. "Changes" (David Bowie)Butterfly Boucher com David Bowie
  4. "As Lovers Go (Ron Fair Remix)" (Chris Carrabba)Dashboard Confessional
  5. "Funkytown" (Steven Greenberg)Lipps, Inc.
  6. "I'm on My Way" (Clint Bierman, Rich Price) — Rich Price
  7. "I Need Some Sleep" (Mark Oliver Everett)Eels
  8. "Ever Fallen in Love" (Pete Shelley)Pete Yorn
  9. "Little Drop of Poison" (Kathleen Brennan, Tom Waits)Tom Waits
  10. "You're So True" (Joseph Arthur)Joseph Arthur
  11. "People Ain't No Good" (Nick Cave)Nick Cave & the Bad Seeds
  12. "Fairy Godmother Song" (Andrew Adamson, Aron Warner, Dave Smith, Harry Gregson-Williams, Stephen Barton, Walt Dohrn)Jennifer Saunders
  13. "Livin' la Vida Loca" (Desmond Child, Robi Rosa)Eddie Murphy & Antonio Banderas
  14. "Holding Out for a Hero" (faixa bônus) — Jennifer Saunders

Far Far Away Idol[editar | editar código-fonte]

Far Far Away Idol é um curta-metragem que vem como extra no DVD de Shrek 2. O curta é baseado no American Idol e tem participação especial de Simon Cowell.

Enredo[editar | editar código-fonte]

O curta ocorre depois que Shrek 2 termina. Nele, alguns personagens do filme cantam e dançam músicas populares da época. Ao final das apresentações, o espelho mágico pede para que o público (quem está assistindo ao DVD) escolha o vencedor, como acontece no American Idol. No entanto, ao escolher certos personagens, quem acaba vencendo é Simon. Os únicos que, ao serem escolhidos, cantam novamente são: Shrek e Fiona, Burro e o Gato de Botas.

Trilha sonora[editar | editar código-fonte]

  1. "Disco Inferno", da banda The Trammps, cantada pelo Burro.
  2. "Mr. Roboto", da banda Styx, cantada por Pinóquio.
  3. "Girls Just Want to Have Fun", da cantora Cyndi Lauper, cantada pela Irmã Feia.
  4. "Hungry Like the Wolf", da banda Duran Duran, cantada pelo Lobo Mau e pelos Três Porquinhos.
  5. "I'm Too Sexy", da banda Right Said Fred, cantada pelo Príncipe Encantado.
  6. "I Can See Clearly Now", do cantor Johnny Nash, cantada pelos Três Ratos Cegos. Como estão em grupo, eles mudam a letra da canção para ''We Can See Clearly Now''.
  7. "Sugar, Sugar", da banda The Archies, cantada pelo Homem-Biscoito, juntamente com uma pequena fada.
  8. "Hooked on a Feeling", da banda Blue Swede, cantada pelo Capitão Gancho.
  9. "These Boots Are Made for Walkin'', da cantora Nancy Sinatra, cantada pelo Gato de Botas.
  10. "What I Like About You", da banda The Romantics, cantada por Shrek e Fiona.
  11. "My Way", do cantor Frank Sinatra, cantada por Simon.

Referências

  1. a b Shrek 2 (2004) Box Office Mojo. Visitado em 01-03-2011.
  2. Shrek 2 www.rottentomatoes.com (2004-05-19). Visitado em 2016-01-20.
  3. Shrek 2 Metacritic. Visitado em 2016-01-20.
  4. Shrek 2 Activity Center: Twisted Fairy Tale Fun - PC - IGN (2013-01-27). Visitado em 2016-01-20.
  5. Shrek 2: Beg for Mercy (Game Boy Advance) IGN. Visitado em 2016-01-20.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]