SiBiUFG

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
SiBi UFG
Nome completo Sistema de Bibliotecas da Universidade Federal de Goiás
Nascimento 24 de agosto de 1973 (46 anos)
Goiânia,  Goiás
Página oficial
https://www.bc.ufg.br/

Sistema Integrado de Bibliotecas da Universidade de Federal de Goiás ou SiBiUFG é um órgão da Reitoria da Universidade Federal de Goiás, formado por um Departamento Técnico e 10 bibliotecas, distribuídas por quatro cidades do Estado de Goiás.[1]

História do SiBiUFG[editar | editar código-fonte]

O Sistema de Bibliotecas da UFG (SiBi/UFG) foi criado em 24 de agosto de 1973 com a fusão de 13 bibliotecas departamentais que funcionavam em unidades de ensino, passando a reunir os acervos no mesmo prédio da Faculdade de Direito, Setor Universitário. Nascia assim a primeira unidade do SiBi/UFG: a Biblioteca Central (BC).[2]

No final da década de 1980 um acordo da UFG com o Ministério da Educação possibilitou a construção de um prédio específico para a biblioteca no Câmpus Samambaia, para onde a Biblioteca Central foi transferida em 1989. A mudança exigiu a divisão do acervo existente entre duas bibliotecas: o novo prédio da Biblioteca Central (BC), no Câmpus Samambaia, e a segunda unidade do Sibi, a Biblioteca Câmpus Colemar Natal e Silva (BSCAN), no, Setor Universitário. Com a criação dos campi no interior do Estado foram surgindo novas bibliotecas. Hoje o Sistema de Bibliotecas da UFG (SiBi/UFG), que é vinculado à Pró-Reitoria de Pós-Graduação (PRPG), é composto por dez unidades, sendo uma central e nove seccionais.

O Sibi/UFG reúne cerca de 350 mil exemplares de materiais, entre livros, CD de música, CD-Rom, partituras, discos de vinil, mapas, fitas em VHS e em DVD, além de um banco de teses e dissertações produzidas na UFG. As bibliotecas são informatizadas e participam do Portal Capes – que disponibiliza mais de 12 mil títulos de periódicos eletrônicos com textos completos e mais 80 bases de dados com resumos de documentos científicos. Também mantém convênios com o IBICT e com a Bireme para o serviço de Comutação Bibliográfica (Comut). Oferece diversos serviços, alguns deles restritos à comunidade da UFG – que é composta por estudantes de graduação e de pós-graduação com matrícula atualizada na instituição, servidores docentes e técnico-administrativos ativos e inativos. O SiBi também é responsável pelo Portal de Periódicos da UFG, pela Biblioteca Digital de Teses e Dissertações (BDTD) da instituição e pelo Repositório Institucional, coordenados pela Gerência de Recursos Tecnológicos (GRT).

O Sistema de Bibliotecas da UFG serve também de centro de pesquisa a todos os segmentos da sociedade que necessitam do insumo informacional para seu desenvolvimento. Neste sentido, seus acervos são abertos, a qualquer pessoa, para consulta, bem como seus espaços de estudo podem ser utilizados por quaisquer interessados.

Unidades[editar | editar código-fonte]

  • Biblioteca Central (BC) - Câmpus Samambaia, saída para Nerópolis
  • Biblioteca Seccional Câmpus Colemar Natal e Silva (BSCAN) - Setor Universitário
  • Biblioteca Seccional Câmpus Aparecida de Goiânia (BSCAP)
  • Biblioteca Seccional Centro de Ensino e Pesquisa Aplicados à Educação (BSCepae) - Câmpus Samambaia
  • Biblioteca Seccional Letras e Linguística (BSLL)
  • Biblioteca Seccional Museu Antropológico (BSMA)
  • Biblioteca Seccional Regional Catalão (BSRC)
  • Biblioteca Seccional Regional Goiás (BSRGO)
  • Biblioteca Seccional Regional Jataí - Unidade Riachuelo (BSREJ Riachuelo)
  • Biblioteca Seccional Regional Jataí - Flor-do-Cerrado (BSREJ Flor-do-Cerrado)

Números[editar | editar código-fonte]

  • 350 mil exemplares de materiais (livros, teses e dissertações, CD de música, CD-Rom, partituras, discos de vinil, mapas, fitas em VHS e em DVD)
  • 12 mil títulos de periódicos eletrônicos
  • 10 bibliotecas

Produtos e Serviços[editar | editar código-fonte]

  • Carteira da biblioteca
  • Ficha catalográfica
  • Capacitação de usuários
  • Comutação Bibliográfica
  • Consulta local
  • DOI - Digital Object Identifier
  • Empréstimo de suporte para notebook
  • Empréstimo entre bibliotecas (EEB)
  • Laboratório de Acessibilidade Informacional (LAI)
  • Laboratórios de Informática
  • MORE - Mecanismo Online para Referências
  • Pesquisa bibliográfica
  • Reserva de espaços
  • Serviços online
  • Visitas orientadas

Treinamentos Oferecidos[editar | editar código-fonte]

  • Capacitação no uso da biblioteca
  • Fontes de informação online
  • Orientações para normalização de trabalhos acadêmicos
  • Portal de Periódicos CAPES
  • Avaliação dos treinamentos

Biblioteca Digital de Teses e Dissertações[editar | editar código-fonte]

A Biblioteca Digital de Teses e Dissertações (BDTD) tem o objetivo de divulgar a produção científica produzida pelos pesquisadores das instituições de ensino superior. Trata-se de um produto criado pelo Instituto Brasileiro de Ciência e Tecnologia (IBICT).

A BDTD nacional disponibiliza, gratuitamente e on-line, as teses e dissertações produzidas e aprovadas pelos programas de pós-graduação Stricto sensu de todas as instituições brasileiras que aderiram à proposta da BDTD.

A Universidade Federal de Goiás (UFG) integra a BDTD nacional desde 2007, quando foi criada a BDTD UFG.

Laboratório de Acessibilidade Informacional[editar | editar código-fonte]

O Laboratório de Acessibilidade Informacional (LAI) nasceu de uma parceria entre o Sistema de Bibliotecas (Sibi) e o Núcleo de Acessibilidade da UFG com o objetivo de oferecer serviços e equipamentos de tecnologia assistiva para pessoas com deficiência.[3]

A finalidade do LAI é dar acessibilidade à comunicação e à informação para as pessoas com deficiência, viabilizando recursos tecnológicos para que possam usufruir das diversas situações pedagógicas comunicacionais e formativas a fim de assegurar que as pessoas com deficiência desfrutem em igualdade de oportunidade com as demais pessoas.

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]