Sieghart

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Sieghart (Grand Chase))
Ir para: navegação, pesquisa
Sieghart
Sieghart}
Informações gerais
Série de jogos Grand Chase
Temporadas
  • Season 2
  • Season 3
  • Chaos
  • Rebirth of Heroes
Dublador brasileiro Marcelo Campos
Informações pessoais
Terra natal Vermécia
Primeira aparição Arredores do Muro de Serdin

Ercnard Sieghart ou simplesmente Sieghart é um personagem fictício do jogo para computador Grand Chase.[1][2][3]

“Nem todos se tornam lendas como eu.”

— Sieghart ao vencer uma luta.

História[editar | editar código-fonte]

Há quase 6 séculos Sieghart já era conhecido como um desastre natural por todo reino de Canaban.[1] Seus feitos heroicos foram ganhando tamanha proporção que sua história foi adquirindo caráter lendário.[1] Diziam que ele era capaz de devastar montanhas e arrasar civilizações inteiras em um piscar de olhos, tudo isso graças à sua velocidade e a sua indiscutível força.[1] Mas tamanho talento era usado pelo bem de seu povo, e lhe garantiu diversos títulos: desde “o gênio da espada” até “o maior herói de Vermécia”.[1]

Com tamanha habilidade e coragem, Sieghart sempre defendeu seu reino de todos os monstros e ameaças, mas sempre apareciam mais e mais.[1] Dizem que sua habilidade também o tornou meio arrogante e superconfiante.[1] Isso o levou a procurar pela fonte de todo o mal em Vermécia, para destruí-la de uma vez por todas.[1]

Algum tempo após a partida de Sieghart, a notícia de que ele se sacrificou para aprisionar a Rainha das Trevas - Cazeaje - chegou ao reino de Canaban.[1] O grande herói nunca mais foi visto. Até ser recentemente encontrado pelo grupo da Grand Chase como se ainda fosse um jovem guerreiro.

Classes[editar | editar código-fonte]

Gladiador[editar | editar código-fonte]

O Gladiador é a primeira classe do Sieghart. Usa uma Lâmina, com a qual tem grande poder.[4] Possui dois tipos direfentes de ataques: Uma "Barra de Fúria" e uma "Barra de MP". A Barra de Fúria, assim como a do Jin.

Há cerca de 600 anos, o grande herói Sieghart ganhou o título de Gladiador ao provar que estava preparado para qualquer tipo de combate.[4] Usando uma simples Lâmina, Sieghart era capaz de derrotar o mais poderoso oponente.[4] Decidido a usar suas habilidades para extinguir a fonte de todo o mal de Vermécia, Sieghart abandonou sua família e partiu em jornada para destruir aquela que era conhecida como “Rainha das Trevas”.[4] Algum tempo depois, surgiu a notícia que ele havia sucedido e lacrado os poderes das trevas daquela conhecida como Cazeaje.[4] Entretanto, sua vitória foi às custas de seu próprio sacrifício e Sieghart nunca mais foi visto.[4] Para homenageá-lo, sua família adotou como novo sobrenome o nome do herói e todos lamentaram sua morte.[4]

O que ninguém sabia é que, por seus talentos e conquistas, ele havia sido escolhido pelo Deus da Imortalidade para defender os interesses dos deuses nos maiores confrontos do mundo, sobre os quais os habitantes de Vermécia mal tinham ideia, como os conflitos da lendária Arquimídia, a terra da guerra eterna, e a guerra dimensional que assolou Calnat.[4] Essas batalhas serviriam como treino para o Gladiador finalmente provar seu valor contra as forças do autoproclamado Deus Governante.[4] Para se preparar para esse destino, Sieghart foi transformado em um Imortal, e presenteado com a fagulha da imortalidade, deixou de envelhecer.[4] Mas o preço a se pagar por ela e por tanto poder não se mostrou barato.[4]

Em momentos críticos, Sieghart é capaz de canalizar toda a sua fúria para conseguir a força de um semideus.[4] O problema é que, apesar de ser um Imortal, Sieghart ainda é um simples humano.[4] Seu corpo não aguenta tamanhos esforços por muito tempo e ele ainda não aprendeu a lidar com tanto poder.[4]

Comandante[editar | editar código-fonte]

O Comandante é a segunda classe do Sieghart.[5][6] Ele usa uma Lança-Espada. Possui uma Barra de Fúria, assim como sua primeira classe.[5]

Sieghart passou os últimos 600 anos em campos de batalha, lutando incansavelmente ao lado do clã dos Imortais.[5] Não é a toa que hoje ele pareça tão calmo diante de um exército inimigo.[5] Há até mesmo aqueles que dizem ouvir suas gargalhadas, se divertindo e se deliciando com a situação enquanto luta.[5] Toda sua experiência lhe garantiu o título de Comandante quando Sieghart retornou para Canaban à procura da Grand Chase.[5] Os guerreiros que possuem este título comandam as tropas de defesa de Vermécia e são verdadeiros “Senhores da Guerra”.[5] Foi a própria Rainha de Canaban quem o nomeou, para homenageá-lo por seus feitos lendários.[5] Apesar dos anos, a lenda do herói que se sacrificou para aprisionar a Rainha das Trevas ainda era muito comentada e todos se regozijaram com o retorno do famoso guerreiro.[5]

Além disso, ela também o presenteou com as famosas Lança e Espada, armas que teoricamente serviam apenas como símbolo dos comandantes do reino.[5] Porém, mais uma vez demonstrando sua habilidade, Sieghart se mostrou mais do que hábil em usar essas armas de difícil manuseio em conjunto em combate.[5] Diferente do que fez no passado, Sieghart aceitou o título pelos benefícios que ele lhe concedia e também porque ele estava interessado na famosa Grand Chase e queria saber do que essa tropa realmente era capaz.[5]

General[editar | editar código-fonte]

O General é a terceira classe do Sieghart.[7][8] Ele utiliza uma espada dupla.[7] É a classe mais ágil e rápida do Sieghart, pois contêm combos rápidos e poderosos.

Após seu triunfante retorno, não demorou muito para Sieghart se deparar com um novo e inesperado desafio: o tédio.[7] Tirando seus combates ao lado da Grand Chase, a vida do Comandante não apresentava a mesma emoção de antes.[7] Afinal, seu estilo de luta selvagem e inconsequente – além do fato de ser uma lenda viva – fazia com que poucos se arriscassem a enfrentá-lo.[7] Para mudar um pouco as coisas, Sieghart decidiu se livrar da vantagem que o longo alcance que sua Lança e Espada lhe proporcionavam.[7] Resolvendo regressar às origens, ele voltou às ruínas de seu antigo lar e resgatou as Espadas, relíquias de sua família – que por sinal foi rebatizada com seu próprio nome.[7]

De posse das novas armas, Sieghart passou a se mostrar ainda mais imprevisível e retomou o gosto pelo combate.[7] Com suas espadas cantando a canção da vitória e seu corpo ávido por novas batalhas, cada luta de Sieg passou a ser um espetáculo.[7] Isso garantiu que Sieghart fosse agora aclamado como General.[7] Não que o título realmente importe para o herói.[7] Principalmente diante do fato de que em toda parte, o título que ele recebeu foi de “Deus da Guerra”, dado por aqueles que testemunharam seu poder e fúria no campo de batalha e, claro, sobreviveram para contar a história.[7]

Avatar[editar | editar código-fonte]

O Avatar é a quarta classe de Sieghart.[9][10] Ele utiliza uma Soluna.[9] A arma é originalmente apenas uma Montante (tal qual como a Gladiadora), mas no meio do combo ela se divide ao meio, formando uma Espada, jutamente com a Montante. Além disso, todos os Ataques especiais e Combos dessa classe tem continuação - O JF (Just Frame) - assim como um dos ataques especiais do Iluminado (4ª Classe do Jin).

Para que o mundo permaneça estável, ao contrário do que muitos acreditam, não é necessário que a Escuridão seja eliminada por completo, mas sim que ela esteja em equilíbrio com a Luz.[9] No entanto, de tempos em tempos as Trevas prevalecem e é nessas ocasiões que os Deuses selecionam mortais valorosos para se tornarem membros do clã dos Imortais.[9] Responsáveis por restabelecer a ordem e proteger o mundo de uma catástrofe, os imortais devem evoluir até serem capazes de suportar toda a energia dos deuses, e se tornarem um avatar de seus poderes.[9] Esse era o papel que cabia a Sieghart quando ele foi escolhido para se tornar um Imortal.[9] Mas devido à ameaça de Thanatos, o autoproclamado Deus Governante, Sieghart precisou retornar para Vermécia e buscar a ajuda de outros heróis antes de estar completamente preparado para controlar o poder divino que recebeu.[9] Felizmente, lutar ao lado da Grand Chase apenas fortaleceu Sieg mais ainda, até que ele se provou digno de se tornar o mais novo Avatar do poder dos deuses.[9]

Como prova de sua coragem, força e resistência, o Herói de Vermécia recebeu dos Deuses a Soluna, uma exclusiva espada que apenas o Avatar seria capaz de empunhar.[9] Composta na verdade por duas espadas, a Soluna pode se dividir nas espadas Sol e Luna, que representam, respectivamente, a autoridade e a pureza dos deuses, e foi criada especialmente para que o guerreiro que a empunhe possa demonstrar toda a sua habilidade.[9]

Referências

  1. a b c d e f g h i «Sieghart - Introdução». games.levelupgames.uol.com.br. Consultado em 4 de Maio de 2011 
  2. «O Gladiador imortal e herói lendário, Sieghart». Consultado em 8 de julho de 2009 
  3. «Sieghart». Consultado em 2 de julho de 2009 
  4. a b c d e f g h i j k l m n «Gladiador - Descrição». games.levelupgames.uol.com.br. Consultado em 4 de Maio de 2011 
  5. a b c d e f g h i j k l «Comandante - Descrição». games.levelupgames.uol.com.br. Consultado em 4 de Maio de 2011 
  6. Revista Pôster Level Up! edição 24. «O Comandante». Consultado em 2 de outubro de 2009 
  7. a b c d e f g h i j k l «General - Descrição». games.levelupgames.uol.com.br. Consultado em 4 de Maio de 2011 
  8. «O General». Consultado em 6 de janeiro de 2010 
  9. a b c d e f g h i j «Avatar - Descrição». games.levelupgames.uol.com.br. Consultado em 4 de Maio de 2011 
  10. «O Avatar». Consultado em 16 de junho de 2010