Sigismond Thalberg

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Sigismond Thalberg
Sigismond Thalberg, litografia de Joseph Kriehuber, 1841.
Nascimento 8 de janeiro de 1812
Pâquis
Morte 27 de abril de 1871 (59 anos)
Posillipo
Ocupação Compositor

Sigismond Thalberg (Pâquis, 8 de janeiro de 1812 — Posillipo, 27 de abril de 1871)[1] [2] foi um virtuoso[3] pianista e compositor suíço.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Recebeu as primeiras lições de piano de sua mãe, e em 1826, foi aluno de Ignaz Moscheles. Aos 14 anos, apresentou seu primeiro recital, em Londres.

A primeira apresentação foi a 17 de maio de 1826 em Londres.[4] Em Viena a 6 de abril de 1827, ele tocou o seu primeiro movimento e a 6 de maio do mesmo ano tocou Adagio e o Rondo de Hummel em Si menor.[5] Em 1830, conheceu Mendelssohn e Chopin. Thalberg em 1835-36 apresentou recitais solo em Paris, e obteve grande reconhecimento.

Em 1837, Liszt escreveu um artigo no jornal parisiense "Revue et Gazette Musicale", criticando as composições de Thalberg. Uma rivalidade surgiu entre Liszt e Thalberg.

Em 31 de março de 1837, a princesa Cristina Belgiojoso improvisa em seu salão um "duelo" entre Liszt e Thalberg. Liszt tocou a sonata "Hammerklavier" de Beethoven, o Konzertstück de Weber e a Fantasia Niobe, de sua autoria. Thalberg tocou a Fantasia Moisés e a Fantasia sobre "God save the Queen", ambas de sua autoria. Cristina Belgiojoso declarou que "Thalberg era o maior pianista e que Liszt era único".

Thalberg seguiu para Londres e em 1838 voltou a dar concertos em Paris. No mesmo ano, apresentou-se em Leipzig, Berlim e São Petersburgo. Em 1843, casou-se com Francesca Lablache. Em 1855, tocou no Rio de Janeiro e em Buenos Aires. Em 1856, apresentou vários concertos nos Estados Unidos. Em 1863 voltou ao Brasil. Após essa turnê, aos 51 anos, Thalberg decide encerrar sua carreira. Passa a residir numa vila em Posillipo, na Itália, que havia pertencido ao pai de Francesca. Thalberg, o compositor, é autor de cerca de uma centena de obras. Entre elas cabe destacar suas várias Fantasias sobre temas de óperas.

Referências

  1. SIGISMUND THALBERG biography (em inglês) centrothalberg.it. Visitado em 8 de agosto de 2012.
  2. Home > Catholic Encyclopedia > T > Sigismond Thalberg (em inglês) newadvent.org. Visitado em 8 de agosto de 2012.
  3. Sigismond Thalberg (1812-1871); CHE/AUT (em inglês) classicalarchives.com. Visitado em 8 de agosto de 2012.
  4. Hominick: Thalberg, p.8.
  5. Deutsch, Otto Erich: Schubert, Die Dokumente seines Lebens, Bärenreiter Kassel etc. 1964, p.421 e p.430.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]