Sikêra Júnior

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Sikêra Júnior
Sikêra Júnior em julho de 2020.
Nome completo José Siqueira Barros Júnior
Pseudônimo(s) Sikêra Júnior
Nascimento 17 de junho de 1966 (54 anos)
Palmares, PE, Brasil
Residência Manaus, AM, Brasil
Nacionalidade brasileiro
Progenitores Mãe: Alaíde Siqueira
Pai: José Siqueira
Cônjuge Laura Peixoto[1]
Filho(s) Siqueira Neto
Larissa Siqueira
Viviane Siqueira
Henrique Siqueira
Ocupação Apresentador de televisão, ator, humorista, radialista e youtuber
Principais trabalhos Plantão Alagoas
Cidade em Ação
Alerta Amazonas
Alerta Nacional
Exterminadores do Além Contra a Loira do Banheiro

José Siqueira Barros Júnior, mais conhecido como Sikêra Júnior (Palmares, 17 de junho de 1966),[2] é um apresentador de televisão, radialista, ator, humorista e youtuber brasileiro. Atualmente, é apresentador do Alerta Amazonas, na TV A Crítica, em Manaus, e do Alerta Nacional, na RedeTV!.[3]

Biografia e carreira[editar | editar código-fonte]

Nascido em Palmares, começou a carreira no rádio aos 14 anos na Rádio Cultura dos Palmares. Ainda em Pernambuco, trabalhou em outras rádios da região e na Globo Nordeste.[4]

Ao chegar em Maceió, em 1999, trabalhou em estações locais de rádio como Antena 1 e Jovem Pan. No ano 2000 ingressou como repórter na TV Alagoas (atual TV Ponta Verde). Em 2012, assumiu a titularidade do Plantão Alagoas, onde exerceu a apresentação até o dia 22 de fevereiro de 2018 — último dia de trabalho na referida emissora.[4]

No final de 2016, tornou-se viral nas redes sociais, após jogar uma "praga" contra os usuários de maconha e afirmar que "eles iriam morrer antes do natal".[5] Após ficar 1 mês afastado devido a um infarto no início de 2017, surpreendeu o público retornando ao seu programa dentro de um caixão e fazendo novas provocações aos usuários de maconha. Suas trapalhadas durante as propagandas tornaram-se memes e difundiram-se rapidamente na internet, fazendo com que ficasse conhecido no Brasil todo, sendo convidado a participar do programa de entrevistas The Noite com Danilo Gentili.[6]

Em 2017, começou a apresentar um programa de auditório aos sábados chamado Programa do Sikêra, a atração durou até fevereiro de 2018 quando Sikêra deixou a TV Ponta Verde.

No ano de 2018, aceitou proposta do Sistema Arapuan de Comunicação, em João Pessoa, com quem assinou contrato para apresentar o programa policial Cidade em Ação, da TV Arapuan, afiliada à RedeTV!, cuja estreia ocorreu no dia 12 de março de 2018.[7]

Participou do filme Exterminadores do Além contra a Loira do Banheiro, gravado e lançado em 2018. Encenando o Diretor Nogueira, fez parte do elenco principal ao lado de Danilo Gentili, Léo Lins, Murilo Couto, Dani Calabresa, Pietra Quintela e Ratinho.[8]

Em 14 de junho de 2019, apresentou pela última vez o programa Cidade em Ação e deixou a TV Arapuan, de João Pessoa, para assinar com a TV A Crítica, de Manaus, onde apresenta o programa policial Alerta Amazonas, cuja estreia ocorreu em 23 de julho de 2019.[3][9] Em dezembro de 2019, foi anunciado como novo apresentador da RedeTV!, onde comanda o Alerta Nacional, seu primeiro programa em rede nacional e também o primeiro programa em rede nacional gerado a partir de Manaus. A estreia do novo projeto aconteceu no 28 de janeiro de 2020, a partir das 18 horas, no horário de Brasília.[10]

Em 23 de abril de 2020, foi afastado do programa por um mês, em virtude dele ter apresentado diversos sintomas do COVID-19, durante a pandemia do novo coronavírus. No dia anterior, ele passou mal enquanto apresentava o programa e foi substituído urgentemente na edição regional do programa pela jornalista Mayara Rocha.[11] Após ter testado negativo, foi confirmado em uma contraprova, em 29 de abril, que o apresentador estava com a doença.[12]

Durante o período em que Sikêra esteve afastado, os programas Alerta Nacional e Alerta Amazonas foram apresentados por Mayara Rocha, que posteriormente ganhou a companhia do jornalista Bruno Fonseca, que interpreta o personagem "Brunoso" na atração, ficando no ar até 25 de maio, quando Sikêra, já recuperado da COVID-19, retornou a apresentação numa empilhadeira quebrando a parede do "estúdio".[13]

Carreira[editar | editar código-fonte]

Televisão[editar | editar código-fonte]

Programas
Ano Título Emissora Papel
20002012 Plantão Alagoas TV Ponta Verde Repórter[14]
20122018 Apresentador[14][15][16]
20172018 Programa do Sikêra
20182019 Cidade em Ação TV Arapuan
2019–presente Alerta Amazonas TV A Crítica
2020–presente Alerta Nacional RedeTV!

Cinema[editar | editar código-fonte]

Ano Título Personagem
2018 Exterminadores do Além contra a Loira do Banheiro Diretor Nogueira[17]

Internet[editar | editar código-fonte]

Ano Título Cargo Plataforma
2010–presente Sikêra Júnior Apresentador YouTube

Controvérsias[editar | editar código-fonte]

Declaração machista[editar | editar código-fonte]

Em junho 2018, o apresentador declarou que "mulher que não pinta as unhas é sebosa e nojenta".[18]

Ataques à imprensa[editar | editar código-fonte]

Em março de 2020, o Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Amazonas (SJP-AM) divulgou uma nota de repúdio contra Sikêra Júnior, após o apresentador declarar que:

em redações de jornais e de TV’s existem os que escrevem contra o país (...) [e os] que só querem atrapalhar (...) as outras emissoras de televisão no Brasil, quesito Tv e Rádio, estão mudando. A gente vai tirar quem tá atrapalhando, quem só escreve contra o país, quem só quer atrapalhar o processo né? Quem quer torcer contra (...) chega de tanto esquerdista escondido nas redações das TVs.[19]

Em trecho da nota do sindicato, consta: "A fala do apresentador de TV agride a função social e a ética do Jornalismo e os jornalistas; tenta enquadrá-los em uma percepção reducionista e deformada do que é o exercício jornalístico ao afirmar que na maioria das redações dos jornais e das TVs tem aqueles que 'escrevem contra o País' e 'que só querem atrapalhar'. Mais do que isso, propõe a forma mais primária de manipulação da informação, que é tudo o que Jornalismo não é: colocar pessoas favoráveis a uma ideologia para trabalharem, supostamente, em favor dela."[19]

Após a nota, o apresentador expôs a presidente do sindicato em rede social dizendo: "Essa é Dora Tupinambá, presidente do Sindicato dos Jornalistas do Amazonas. A que fez nota de repúdio contra mim! Tá explicado". O comentário é devido a duas fotos de Dora Tupinambá, com as legendas que dizem: "Mulher não vota em Bolsonaro" e "#EleNão" Em uma terceira imagem tem uma publicação do SJP-AM com a imagem de Marielle Franco.[20]

Rede social deletada[editar | editar código-fonte]

Em abril de 2020, O apresentador teve sua página no Facebook excluída por violar as condutas da rede social. Sikêra Júnior disse que estava sofrendo uma censura da empresa americana. Depois, sua página voltou a ser exibida normalmente na rede social.[21][22][23]

Posicionamento na pandemia de Covid-19[editar | editar código-fonte]

Como o presidente Jair Bolsonaro, o apresentador vinha apresentando um posicionamento contra o isolamento social, minimizando a doença em alguns aspectos em meio a Pandemia de COVID-19, até ser hospitalizado como suspeito de um dos portadores do vírus.[24] No entanto, seu primeiro teste teve diagnóstico negativo para o COVID-19.[25] Posteriormente, em Dao Alerta Nacional confirmou ter sido infectado pelo coronavírus, onde também declarou que se arrependeu de ter subestimado a doença.[26]

Críticas a Drauzio Varella[editar | editar código-fonte]

Em 30 de maio de 2020, em live realizada pela RedeTV!, o apresentador se atrasou 40 minutos em relação ao horário programado e quando apareceu vestia uma camisa de força, provocando o médico Drauzio Varella.[27] A camisa de força usada pelo artista era uma alusão ao nome da sua banda (Banda Manicômio).

Críticas a manifestantes e ao Congresso Nacional[editar | editar código-fonte]

Em junho de 2020, o apresentador afirmou que "o Brasil tinha mais liberdade na ditadura que agora, porque hoje tudo que a gente fala é recriminado", ele disse que o Brasil é um país de moda, e cita as manifestações da morte de George Floyd e questiona porque não há manifestações por morte de negros no Brasil. Questionado se estaria nas manifestações contra Congresso, Sikêra disse que sim "está na hora de dar um freio". E reafirmou que continua apoiando o presidente Jair Bolsonaro.[28]

Condenação por transfobia[editar | editar código-fonte]

Em agosto de 2020, o apresentador foi condenado a pagar R$ 30 mil à modelo transexual Viviany Beleboni, após chamá-la de "raça desgraçada".[29] Sikêra exibiu em seu programa uma imagem da modelo ao falar sobre um crime cometido por um casal de lésbicas.[30]

Defesa ao aborto da menina de 10 anos[editar | editar código-fonte]

Em agosto de 2020, o apresentador comentou o caso da menina de dez anos que foi estuprada pelo próprio tio, no Espírito Santo, Sikêra diz que a criança tem 10 anos e que o corpo ainda não formado, ele diz que fará de tudo para expor em rede nacional o rosto do criminoso que estuprou e engravidou a sobrinha.[31]

Referências

  1. Leo, Dias (29 de abril de 2020). «Família e amigos de Sikêra Jr. também foram contaminados pelo coronavírus». TV e Famosos - UOL. Consultado em 6 de junho de 2020 
  2. RedeTV!. «Sikêra Jr faz 54 anos e recebe homenagem emocionante». RedeTV! - Alerta Nacional. Consultado em 24 de junho de 2020 
  3. a b SOUZA, Pedro (22 de junho de 2019). «Sikêra Júnior é apresentado como novo reforço da TV A Crítica». A Crítica. Consultado em 1 de maio de 2020 
  4. a b «É uma etapa 'assustadora', diz Sikêra Júnior sobre estreia em rede nacional». Jornal do Commercio. 4 de janeiro de 2020. Consultado em 26 de Fevereiro de 2020 
  5. «Apresentador diz que maconheiros morrerão até o Natal e viraliza na internet». Natelinha Uol. Consultado em 16 de junho de 2019 
  6. «Apresentador que infartou após "matar" maconheiros volta à TV em caixão». Uol. Consultado em 16 de junho de 2019 
  7. «Sikêra Jr troca SBT de Alagoas pela RedeTV!». Observatório da Televisão. Consultado em 16 de junho de 2019 
  8. «Após fazer filme com Danilo Gentili, Sikêra Júnior avalia experiência no cinema: "Não gostei"». Observatório do Cinema. Consultado em 16 de junho de 2019 
  9. «Apresentador Sikêra Júnior deixa Sistema Arapuan e deve atuar em emissora de Manaus». PB Hoje. Consultado em 16 de junho de 2019 
  10. Perline, Gabriel (14 de dezembro de 2019). «RedeTV! promove apresentador de Manaus que derrota diariamente o Jornal Nacional». Notícias da TV - UOL. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  11. «RedeTV! afasta Sikêra Jr. por suspeita de contaminação do novo coronavírus». Uol. Consultado em 23 de abril de 2020 
  12. César, Daniel; Nascimento, Sandro (29 de abril de 2020). «Sikêra Jr testa positivo para o novo coronavírus». NaTelinha. Consultado em 29 de abril de 2020 
  13. «Sikêra Jr. chega em empilhadeira na volta ao Alerta Nacional após contrair Covid-19». F5 - Folha UOL. 25 de maio de 2020. Consultado em 12 de junho de 2020 
  14. a b «Sikera Jr traz seu "Novo Espetáculo" ao Recife». Entrevista Vip. Consultado em 23 de junho de 2019 
  15. «Sikêra Jr troca SBT de Alagoas pela RedeTV!». Observatorio da Televisão. Consultado em 23 de junho de 2019 
  16. «Sikêra Júnior é o novo apresentador da TV A Crítica em Manaus». TV Cariri. Consultado em 23 de junho de 2019 
  17. «Novo filme de Danilo Gentili será inspirado em 'Os caça-fantasmas'». www.uai.com.br. 13 de junho de 2018. Consultado em 14 de junho de 2018 
  18. «Cinco declarações polêmicas de Sikêra Jr na TV - Televisão». NaTelinha. Consultado em 19 de agosto de 2020 
  19. a b Jonas Wesley (2 de março de 2020). «Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Amazonas (SJP-AM)». azonas1. Consultado em 18 de março de 2020. Cópia arquivada em 18 de março de 2020 
  20. Bruno Pacheco (4 de março de 2020). «Após nota de repúdio, Sikera Jr atiça milícia virtual contra presidente do sindicato». amazonas1. Consultado em 18 de março de 2020. Cópia arquivada em 18 de março de 2020 
  21. «Facebook exclui perfil de Sikêra Jr, apresentador da RedeTV!». IstoÉ. 2 de abril de 2020. Consultado em 4 de abril de 2020 
  22. «Sikêra Júnior perde conta no Facebook e diz sofrer censura». Observatório da TV. Consultado em 4 de abril de 2020 
  23. «Perfil do apresentador Sikêra Jr no Facebook é reativado». Pleno.News. Consultado em 20 de abril de 2020 
  24. Erick Mota (25 de outubro de 2020). «Sikêra Jr. muda discurso anti-isolamento após suspeita de covid-19». Congresso em Foco. UOL. Consultado em 25 de abril de 2020. Cópia arquivada em 25 de abril de 2020 
  25. «Estou me recuperando, diz Sikêra Jr, apos teste negativo para Covid-19». Diario de Pernambuco. 24 de abril de 2020 
  26. «Sikêra Jr. está com coronavírus». O Antagonista. 29 de abril de 2020. Consultado em 29 de abril de 2020 
  27. «Sikêra Júnior usa camisa de força e critica Bolsonaro em live da RedeTV!». ISTOÉ Independente. 31 de maio de 2020 
  28. Curitiba, Blog República de (11 de junho de 2020). «"O Brasil tinha mais liberdade na ditadura que agora", diz Sikêra Júnior». República de Curitiba. República de Curitiba. Consultado em 11 de junho de 2020 
  29. «Sikêra Jr. terá de pagar R$ 30 mil à atriz trans 'crucificada' na Parada LGBT». Catraca Livre. 7 de agosto de 2020. Consultado em 9 de agosto de 2020 
  30. «Opinião - Rogério Gentile: Apresentador é condenado após chamar modelo trans de raça desgraçada». Folha de S.Paulo. 7 de agosto de 2020. Consultado em 9 de agosto de 2020 
  31. «Sikêra Jr sobre menina que fez aborto: "Neste caso eu sou a favor"». BOL Vídeos. Consultado em 18 de agosto de 2020 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]