Silvio Luiz de Oliveira de Paula

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Silvio Luiz
Silvio Luiz.jpg
Informações pessoais
Nome completo Silvio Luiz de Oliveira de Paula
Data de nasc. 1 de março de 1977 (41 anos)
Local de nasc. Rio de Janeiro,  Brasil
Altura 1,98 m
Informações profissionais
Clube atual Brasil [Audax sub20]
Posição Treinador de goleiros (ex-goleiro)
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
1997
1997
1998-2006
2006
2007
2008
2008-2009
2010
2010
2011
2011
2012
Brasil Mirassol
Brasil Sãocarlense
Brasil São Caetano
Brasil Corinthians
Brasil Vasco da Gama
Brasil Itumbiara
Brasil Boavista
Brasil Juventude
Brasil Duque de Caxias
Brasil Boavista
Brasil America-RJ
Brasil São Gonçalo EC
Seleção nacional
1999-2000 Brasil Brasil 5 (0)

Silvio Luiz de Oliveira de Paula, mais conhecido como Silvio Luiz (Rio de Janeiro, 1 de março de 1977) é um ex-futebolista brasileiro. Atualmente é preparador de goleiros do Olímpia Futebol Clube, equipe que disputa o Campeonato Paulista de Futebol - Série A3.

Carreira[editar | editar código-fonte]

O Goleiro Silvio Luiz de Paula, iniciou sua trajetória futebolística no núcleo do C.R. Vasco da Gama (Grêmio Recreativo dos Cinquenta no bairro de Irajá, em 1992, comandado Pelo Claudio Henrique e Gilmar de Oliveira), após ter sido liberado, foi para o Flamengo na categoria mirim , através do Jardel (comandava na época o grupo do Flamengo, que participava num torneio na Brahma E.C) foi combinado um jogo amistoso com o mirim do C.R. Do Flamengo no campo dos milionário, no IAPC De Irajá, sendo assim o Silvio Luiz foi convidado a fazer parte do mirim do C.R. do Flamengo Chegando até os Juniors. O próprio Silvio Luiz Pode confirmar a verdadeira historia do seu surgimento no futebol carioca e Brasileiro (Quem conta a historia de seu inicio é GILMAR DE OLIVEIRA. Rio De Janeiro, 24 de Janeiro de 2016).

Profissionalmente revelado pelo Mirassol, ficou conhecido após sua transferência para o São Caetano, no qual participou da conquista do Campeonato Paulista de 2004, além do vice-campeonato do Campeonato Brasileiro de 2000 e de 2001, e da Libertadores em 2002.

Após oito anos no clube, em abril de 2006, foi contratado pelo Corinthians. Teve uma passagem sem muito sucesso pelo time paulista retornando ao São Caetano em 2007. Apesar da volta não chegou a atuar no clube que o lançou ao estrelato. Ficou quatro meses afastado devido a indefinição no contrato. Semanas antes do início do Campeonato Brasileiro foi contratado pelo Vasco da Gama.

No Vasco, o jogador foi a escolha do treinador Celso Roth durante a maior parte do Campeonato Brasileiro, apesar de ter cometido algumas falhas. Após a demissão de Roth, Silvio Luiz foi barrado[1], primeiro por Romário, que desempenhou o papel de treinador da equipe durante um jogo, e depois por Valdir Espinosa que deixou o jogador como a sua terceira opção[2]. Tudo isso fez com que a diretoria do clube decidisse não renovar o contrato do jogador que terminava no fim do ano.

Após várias especulações sobre seu futuro, o Itumbiara o anunciou como reforço para o ano de 2008[3]. No Itumbiara teve a oportunidade de trabalhar com o treinador Paulo César Gusmão, que no passado já fora goleiro e treinador de goleiros.

Disputou o Campeonato Goiano de 2008, no qual o Itumbiara conquistou o título. Posteriormente se transferiu para o Boavista, no qual jogou por pouco tempo, pois em junho sofreu um grave acidente de carro que o fez se afastar dos gramados. Em dezembro de 2009 foi anunciado como novo reforço do Juventude. Em 2010, após dois anos de recuperação, foi apresentado como novo reforço do Duque de Caxias. Em 2011, retornou para o Boavista-RJ e meses depois acertou com o America para a disputa da Copa Rio.

No início de 2012, é uma das grandes atrações do Campeonato Estadual da Série C do Rio de Janeiro ao atuar pelo estreante São Gonçalo EC, juntamente com o volante Roberto Brum e o atacante Marcos Brito.

Em 2015, acertou sua transferência para o interior de São Paulo, onde disputará o Campeonato Paulista da Série A2 pelo time do Rio Branco de Americana como preparador de goleiros.

Títulos[editar | editar código-fonte]

Mirassol

São Caetano

Itumbiara

Seleção Brasileira

  • Torneio Pré-Olímpico: 2000

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]