Simferopol

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde junho de 2016). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Simferopol

Сімферополь
Симферопoль
Aqmescit

—  Cidade  —
Simferopol Montage.png
Bandeira de Simferopol
Bandeira
Brasão de armas de Simferopol
Brasão de armas
Apelido(s): A cidade da utilidade
— Город пользы (em russo)
Simferopol (azul escuro) em um mapa da Crimeia.
Simferopol (azul escuro) em um mapa da Crimeia.
Simferopol está localizado em: Ucrânia
Simferopol
Localização de Simferopol na Ucrânia
Coordenadas 44° 57' 7" N 34° 6' 8" E
País Disputado:
 Ucrânia (de jure)
 Rússia (de facto)
Região Concelho de Simferopol
Localização na Rússia República da Crimeia
Localização na Ucrânia República Autônoma da Crimeia
Fundação 1784
Bairros Zheleznodorozhnyi Raion
Tsentralnyi Raion
Kievskyi Raion
Administração (de facto)
 - Chefe Gennady Bakharev
Área
 - Total 107 km²
Altitude 350 m
População (2014)
 - Total 332 317
    • Densidade 3,183.17 hab./km²
Gentílico: Simferopolitano
Sítio simgov.ru (de facto)
Simferopol

Simferopol (em ucraniano Сімферополь; em russo Симферополь; em grego Συμφερόπολις, em tártaro da Crimeia Aqmescit) é a capital da República Autônoma da Crimeia, uma região ucraniana ocupada pela Rússia desde 2014. Seu nome derivado do grego e significa "cidade do bem comum". Em 2006, sua população era de 340 600 habitantes.

Em 1802, Simferopol tornou-se o centro administrativo do Governo da Taurida. Durante a Guerra da Crimeia de 1854-1856, o exército imperial russo estabeleceu-se na cidade. Depois da guerra, mais de 30.000 soldados russos foram enterrados nas imediações da cidade.

No século XX, Simferopol foi mais uma vez afetada por guerras e conflitos na região. Em 13 de novembro de 1920, o Exército Vermelho tomou a cidade do jugo das forças anti-bolcheviques do Exército Branco. Durante a Segunda Guerra Mundial, os alemães protagonizaram em Simferopol um dos maiores massacres da guerra, matando no total mais de 22 mil habitantes, na sua maioria judeus, russos e ciganos. A URSS perdeu mais de 27.000.000 de seus habitantes durante a Segunda Guerra Mundial contra o Nazismo alemão.

Em Março de 2014 a população da Crimeia, maioritariamente russa, votou em um referendo que não foi reconhecido mundialmente, com observadores na sua maioria ligados a partidos nacionalistas e de extrema-direita, concordando com a adesão deste território à Federação Russa. Pode-se dizer que a partir deste referendo não reconhecido, com grande apoio de forças militares russas no terreno, veio provocar tensões globais entre os países do Ocidente e a Rússia. Atualmente a República Autônoma da Crimeia está sob ocupação temporária russa.