Sincício

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Em biologia, um sincício ou sincítio[1] (ambos do grego σύν (syn) = «junto» + κύτος (kytos) = «caixa», referido aqui para «célula»), também chamado cenócito[2][3] (do grego κοινός koinós 'comum' + κύτος kytos 'caixa'), é uma célula multinucleada, ou seja, uma célula que contém muitos núcleos originada por fusão de células uninucleadas ou por muitas divisões celulares incompletas de células.[4] A maioria das células nos organismos eucariotas de plantas e animais têm um único núcleo,[5] pelo que os sincícios são formas especiais. Porém, nalguns organismos não só são estruturas comuns mas constituem também o estado mais predominante do seu ciclo de vida (em determinados nematódeos ou em mixomicetos, entre outros).

Descrição[editar | editar código-fonte]

Os sincícios podem resultar de várias divisões celulares sem citocinese e também da fusão de várias células. Um exemplo da fusão de células pode observar-se no embrião dos mamíferos, em que os trofoblastos se fundem para dar origem ao sinciciotrofoblasto, que forma a placenta. [6]

Outro caso acontece em algumas infeções virais. [7]

Referências

  1. García Peralta, Faustino (1973). Minerva Books, ed. Fundamentos de biologia (Livro digitalizado). Digitalizado a 28 de março de 2008 a partir do original na Universidade de Texas 10ª, reimpressa ed. [S.l.: s.n.] p. 72. Consultado em 28 de dezembro de 2013 
  2. González, A.M. & Arbo, M.M. Universidade Nacional do Nordeste, ed. «Glosario». Morfologia de Plantas Vasculares. Argentina. Consultado em 28 de dezembro de 2013 
  3. O termo aplica-se a espécies com parede celular. Complutense Oxford (1999). Editorial Complutense, ed. Diccionario de biología - Diccionarios Oxford-Complutense (Livro digitalizado) ilustrada ed. GoogleBooks: [s.n.] p. 117. ISBN 9788489784543. Consultado em 28 de dezembro de 2013 
  4. Watson, James (2008). «18 - Regulación génica durante el desarrollo». Biologia molecular do gene 5ª ed. Espanha: Ed. Médica Panamericana. p. 631. ISBN 978-84-7903-505-1. Consultado em 28 de dezembro de 2013 
  5. Muñoz Martínez, E. J.; García, X. (1998). «8 Citoesqueleto». In: Fundo de Cultura Económica. Fisiología. Células, órganos y sistemas (Livro digitalizado). GoogleBooks: [s.n.] p. 78. ISBN 9789681654467. Consultado em 28 de dezembro de 2013 
  6. Gonçalves, Fabiana Santos. "Segmentação" no site InfoEscola.com
  7. «"Aula Prática: Demonstração de efeito citopático induzido por alguns vírus em células cultivadas "in vitro" e de corpúsculos de inclusão em tecido infectado" ICB/ Depto. de Microbiologia/ Virologia» (PDF). Consultado em 12 de abril de 2012. Arquivado do original (PDF) em 14 de dezembro de 2010 
Ícone de esboço Este artigo sobre Biologia celular é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.