Ska jazz

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book-4.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo, comprometendo a sua verificabilidade (desde Fevereiro de 2008).
Por favor, adicione mais referências inserindo-as no texto. Material sem fontes poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Ska Jazz
Origens estilísticas Ska
Jazz
Contexto cultural Início da década de 1990.
Instrumentos típicos guitarra elétrica - baixo elétrico - teclado - bateria - trompete - trombone - saxofone alto - saxofone tenor - saxofone barítono
Outros tópicos
Terceira onda ska

Ska jazz é um gênero musical que mistura a melodia do jazz, e o ritmo e harmonia do ska.

É considerado um subgênero da terceira onda ska, porém, sem a influência do punk rock fortemente presente nessa onda.

As bandas geralmente contêm uma ou duas guitarras elétricas, baixo elétrico, teclado, bateria, e uma seção de metais, dos quais geralmente fazem parte o trompete, o trombone, o saxofone alto, o saxofone tenor e o saxofone barítono.

Casualmente podem ter um ou mais vocalistas, mas o gênero é primariamente focado na parte instrumental. Os metais geralmente conduzem a melodia, e ocasionalmente os solos improvisados.

Origens[editar | editar código-fonte]

O termo Ska-Jazz foi cunhado por Rock Steady Freddie do New York Ska-Jazz Ensemble em 1994. O jazz de Ska às vezes é considerado um subgênero de terceira onda ska, mas os primeiros artistas, como Tommy McCook, consideraram eles próprios músicos de jazz. Antes de Rock Steady Freddie, Ska-Jazz era apenas mais um toque de jazz sem o próprio nome. A improvisação de jazz é comumente usada no jazz Ska. As bandas de jazz de Ska geralmente contêm uma ou duas guitarra elétrica, um baixo, teclados, um kit de bateria e uma seção de chifre (composto de qualquer combinação dos seguintes: trompete, trombone, saxofone alto, saxofone tenor e saxofone barítono). Ocasionalmente, pode haver um ou mais vocalistas s, mas o gênero é focado principalmente em músicas instrumentais. O instrumento de bronze geralmente carrega a melodia, e há muitos [[improvisação musical] improvisados] solos. A seção rítmica coloca acentos na off beats, dando assim à música uma sensação diferente do que o jazz direto.[1] O histórico de viagens combinadas com ska e jazz atravessa fronteiras nacionais e se integra com outros estilos musicais, tornando-se uma das formas mais híbridas e transnacionais de música popular pós-guerra.[2]

Referências

  1. Barton, Paul Alfred, Americans and Their Idols: The Return of Soul, Style, Country, Pop, Poetry. Infinity Publishing, 2006, p. 1.
  2. Bogdanov, Vladimir, All Music Guide to Soul: The Definitive Guide to R&B and Soul, Hal Leonard Corp., 2003.



Ícone de esboço Este artigo sobre ska é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.


Ícone de esboço Este artigo sobre Jazz é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.