Skellefteå

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Suécia Skellefteå 
  Localidade  
Skellefteå vista do parque da cidade
Skellefteå vista do parque da cidade
Localização
Skellefteå está localizado em: Suécia
Skellefteå
Localização de Skellefteå
Coordenadas 64° 45' N 20° 57' E
Região Norlândia
Província Västerbotten
Condado Västerbotten
Comuna Skellefteå
Características geográficas
Área total 24,8 km²
População total (2018) 35 775 hab.
Densidade 1 442,5 hab./km²
Sítio www.skelleftea.se

Skellefteå (Nuvola apps arts.svg OUÇA A PRONÚNCIA) é uma localidade da província de Västerbotten, na região da Norlândia, no norte da Suécia. [1] É a sede da comuna de Skellefteå, no condado de Västerbotten. [1] Possui 24,8 quilômetros quadrados e de acordo com o censo de 2018, havia 35 775 habitantes.[2] Está localizada no ponto de encontro da estrada europeia E4 com o rio Skellefte, a 15 km da sua foz no mar Báltico.[3]

Etimologia e uso[editar | editar código-fonte]

O nome geográfico Skellefteå deriva de Skellefte, o nome do rio que atravessa a cidade. A origem de Skellefte é incerta, sendo possivelmente lapónica. [1] [4]

História[editar | editar código-fonte]

Skellefteå recebeu privilégios de cidade em 1845. [5] [6]

Comunicações[editar | editar código-fonte]

A cidade é atravessada pela estrada europeia E4 (Haparanda-Skellefteå-Estocolmo-Helsingborg) e pela estrada nacional 95 (Skellefteå-Noruega).
Dispõe do aeroporto de Skellefteå, em Falmark a 20 km a sul km da cidade, e do porto de Skellefteå na localidade vizinha de Skelleftehamn. [7]

Economia[editar | editar código-fonte]

Skellefteå é uma importante cidade industrial e comercial da Norlândia.[8] A maior instalação industrial é a fundição de Rönnskär (em Skelleftehamn) Está em construção a fábrica Northvolt, planeada para ser a maior fábrica da Europa de baterias de lítio para automóveis elétricos. [9] [10] [11]

Referências

  1. a b c «Skellefteå» (em sueco). Nationalencyklopedin ( Enciclopédia Nacional Sueca). Consultado em 24 de junho de 2021 
  2. CP 2018.
  3. Ernby 2001, p. 564.
  4. Wahlberg, Mats (2003). «Skellefteå». Svenskt ortnamnslexikon (Dicionário dos nomes das localidades suecas) (em sueco). Uppsala: Språk- och folkminnesinstitutet e Institutionen för nordiska språk vid Uppsala universitet. p. 277. 422 páginas. ISBN 91-7229-020-X 
  5. «Skellefteå» (em norueguês). Store norske leksikon (Grande Enciclopédia Norueguesa). Consultado em 24 de junho de 2021 
  6. Bent Valeur. «Skellefteå» (em dinamarquês). Den Store Danske Encyklopædi (Grande Enciclopédia Dinamarquesa). Consultado em 24 de junho de 2021 
  7. «CAPÍTULO». Libers junioratlas (em sueco). Estocolmo: Liber. 2016. p. PÁGINA. 144 páginas. ISBN 9789147118793 
  8. Magnusson 2004, p. 219.
  9. «Skellefteå» (em norueguês). Store norske leksikon (Grande Enciclopédia Norueguesa). Consultado em 24 de junho de 2021 
  10. Bent Valeur. «Skellefteå» (em dinamarquês). Den Store Danske Encyklopædi (Grande Enciclopédia Dinamarquesa). Consultado em 24 de junho de 2021 
  11. «ABB parceira da Northvolt na maior fábrica de baterias da Europa». Sapo. Consultado em 27 de outubro de 2017 

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Ernby, Birgitta; Gellerstam, Martin; Malmgren, Sven-Göran; Axelsson, Per; Fehrm, Thomas (2001). «Skellefteå». Norstedts första svenska ordbok (em sueco). Estocolmo: Norstedts ordbok. p. 767. ISBN 91-7227-186-8 
  • Magnusson, Thomas; Sjögren, Peter A. (2004). «Skellefteå». Vad varje svensk bör veta (em sueco). Estocolmo: Albert Bonniers Förlag e Publisher Produktion AB. 654 páginas. ISBN 91-0-010680-1