Sociedade Lunar

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Museu Soho House, antiga residência do engenheiro Matthew Boulton e um dos pontos de encontros da Sociedade.

A Sociedade Lunar foi um clube de discussão e sociedade científica informal composta por importantes industrialistas, filósofos naturais e intelectuais que se reuniam regularmente na cidade de Birmingham, Inglaterra, entre os anos de 1765 e 1813. Era inicialmente denominada "Círculo Lunar" até que em 1775 adotou o nome "Sociedade Lunar". Tal título remete ao fato de seus membros reunirem-se somente nos períodos de lua cheia, quando a maior luminosidade tornava o regresso para casa mais fácil e seguro na ausência de iluminação pública. 1

Notas

  1. Desmond & Moore, 2000, p. 27.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Desmond, Adrian; Moore, James. Darwin a vida de um evolucionista atormentado. Geração Editorial, 2000. ISBN 8586028843
  • Schofield, Robert E. (1963). The Lunar Society of Birmingham: A Social History of Provincial Science and Industry in Eighteenth-Century England. London: Oxford University Press / Clarendon Press. pp. 491.
  • Schofield, Robert E. (1957). "The Industrial Orientation of Science in the Lunar Society of Birmingham". ISIS (Chicago, Il: University of Chicago Press) 48 (4): 408-415. doi:10.1086/348607.
  • Uglow, Jenny (2003). The Lunar Men: A Story of Science, Art, Invention and Passion (2. Aufl. ed.). Faber & Faber. pp. 608. ISBN 0-571-21610-2.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre História ou um historiador é um esboço relacionado ao Projeto História. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.