Sono REM

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Sono rem)
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

O sono R.E.M., ou Rapid Eye Movement ("movimento rápido dos olhos"), é a fase do sono na qual ocorrem os sonhos mais vívidos. Durante esta fase, os olhos movem-se rapidamente e a atividade cerebral é similar àquela que se passa nas horas em que se está acordado.[1] As pessoas que são acordadas durante o sono REM, normalmente, sentem-se alertas, com maior índice de atenção, ou mais dispostas e prontas para a atividade normal. Os movimentos dos olhos associados ao REM são gerados pelo núcleo geniculado lateral do tálamo e associados a ondas occipitais. Durante o sono REM o tônus muscular da pessoa diminui consideravelmente.[1] Também chamado sono paradoxal, termo que caiu em desuso.

No R.E.M., o cérebro bloqueia os neurônios motores, para que o corpo não obedeça as ordens sonhadas ou as encene. O resultado é conhecido como Paralisia do sono.

Este tipo de sono só é conhecido em mamíferos, embora tenha sido observado uma forma primitiva em répteis e aves, ao contrário do sono Não-Rem, existente na maioria dos animais.[1]

Duração do sono REM[editar | editar código-fonte]

Durante uma noite de sono, uma pessoa normalmente tem cerca de 4 ou 5 períodos de REM, que são bem curtos no começo da noite e mais longos no final. É comum acordar por um curto período de tempo no fim de um acesso de REM. O tempo total de sono em REM ronda os 90 a 120 minutos por noite para adultos. Entretanto a quantidade relativa de sono REM diminui acentuadamente com a idade. Um bebê recém-nascido dorme mais de 80% do tempo total de sono em sono REM; enquanto uma pessoa de 70 anos dorme menos de 10% em sono REM. A média para adultos jovens é 20% do tempo total de sono ser em sono R.E.M.

Distúrbios[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. a b c Brown, Ritchie E.; Basheer, Radhika; McKenna, James T.; Strecker, Robert E.; McCarley, Robert W. (2012-7). «CONTROL OF SLEEP AND WAKEFULNESS». Physiological reviews. 92 (3): 1087–1187. ISSN 0031-9333. PMC PMC3621793Acessível livremente Verifique |pmc= (ajuda). PMID 22811426. doi:10.1152/physrev.00032.2011  Verifique data em: |data= (ajuda)
Ícone de esboço Este artigo sobre psiquiatria é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.