Dirty South

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Southern hip hop)
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde abril de 2012). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Southern hip hop
Origens estilísticas Hip hop - Miami bass - Hardcore hip hop
Contexto cultural 1980s, Dixie, EUA
Instrumentos típicos Bateria eletrônica - Toca-discos - Rap - Sampler - Sintetizador - Beatbox
Popularidade Alta nos anos 2000
Formas derivadas Crunk
Subgêneros
Snap - Chopped and screwed - Bounce
Formas regionais
Mobile - Atlanta - Florida (Tampa - Miami) - Tennessee (Nashville - Memphis) - Mississippi - Louisiana (Nova Orleans - Baton Rouge) - Texas (Dallas - Houston)

Dirty South é um estilo de se cantar rap e hip-hop no Sul dos Estados Unidos, é composto por varias cidades, é também conhecido por Southern hip hop ou também Southern rap. A maioria dos rappers da nova geração vem da Dirty South, mas, também é lugar de lendas do rap como Scarface e U.G.K.

Principais cidades[editar | editar código-fonte]

  • Atlanta e Houston: hoje são as maiores cidades, ATL é caracterizado por ser a maior fábrica de novos rappers e Houston é a cidade com mais lendas e rappers mais sérios como U.G.K.
  • Memphis: depois de Atlanta e Houston, Memphis é sem dúvidas a terceira melhor cidade da Dirty South, com lendas como Three 6 Mafia.
  • Miami: esta cada vez aumentando seu espaço, mais ainda é uma cidade fraca, não tem nenhuma lenda, mais tem um bass que o único lugar em que se faz é lá, isso difere bastante a cidade.

Principais criações[editar | editar código-fonte]

Crunk[editar | editar código-fonte]

Ritmo criado por Master P, com beats bem pesados muito dançantes, é o subgenêro do rap que mais faz as pessoas balançarem, um grande exemplo de Crunk é "Get Low" que está na trilha do jogo Need For Speed Underground.

Chopped and screwed[editar | editar código-fonte]

(Também conhecido por Slow Down), um efeito que deixa a música mais lenta, com isso a batida fica muito mais pesada, e as letras ficam mais sinistras. Esse efeito também foi criado com a intenção de se curtir na onda do Purple Drink, uma bebida alucinógena que fazia parte da cultura entre os rappers de alguns lugares do sul, como Houston, Memphis, Texas etc. esse é com certeza o melhor efeito que criaram para modificar uma música, seu criador o DJ Screw, já falecido, o dia de sua morte foi como a perda de um irmão por vários rappers, pois alguns amavam tanto que laçavam CDs inteiros em chopped and screwed, o único brasileiro com licença para usar é o Eazy Kaos.

Principais rappers[editar | editar código-fonte]

Georgia[editar | editar código-fonte]

Texas[editar | editar código-fonte]

Tennessee[editar | editar código-fonte]

Florida[editar | editar código-fonte]

Louisiana[editar | editar código-fonte]

Artistas notáveis[editar | editar código-fonte]

Gravadoras notáveis[editar | editar código-fonte]

  • Screwed Up Click
  • Swisha House
  • Hypnotize Minds
  • Bad Boy South
  • Block Entertainment
  • BME Records
  • Body Head Entertainment
  • Disturbing Tha Peace
  • Grand Hustle
  • Chamillitary Entertainment
  • Clover G Records
  • Def Jam South
  • Slip-N-Slide
  • So So Def
  • Trill Entertainment
  • YMCMB

Na Espanha[editar | editar código-fonte]

Na Espanha o subgénero influenciou a alguns dos artistas da discográfica Uglyworkz, como Mitsuruggy, Látex Diamond, Sholo Truth, Trad Montana ou Madrid Pimps.