Soyuz-2-1v

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Translation Latin Alphabet.svg
Este artigo ou seção está a ser traduzido (desde julho de 2019). Ajude e colabore com a tradução.
Lançamento de um Soyuz-2-1v levando o satélite militar Kosmos 2525 em 28 de março de 2018.

O Soyuz-2-1v (em russo: Союз 2.1в , União 2.1v), ou 14A15,[1] conhecido no início do desenvolvimento como Soyuz-1 (em russo: Союз 1 , União 1), é um veículo lançador descartável russo. Ele é derivado do Soyuz-2.1b, e é um membro da família R-7 de foguetes. Ele é fabricado pelo TsSKB Progress, em Samara. Os lançamentos são efetuados a partir do Cosmódromo de Plesetsk no Noroeste da Rússia, do Cosmódromo de Baikonur no Cazaquistão,[2] e também a partir do Cosmódromo de Vostochny no Leste da Rússia.[3]

Fotogaleria do Paris Air Show de 2011[editar | editar código-fonte]

A Rússia exibiu um modelo do foguete Soyuz-2-1v durante o Show Aéreo de Paris de 2011 em Le Bourget.

Referências

  1. «Rus/Souyz-2 launch vehicle» (em Russian). Plesetsk. Consultado em 30 Dezembro 2013 
  2. «"Soyuz-1" middle class launch vehicle». Samara Space Centre. Consultado em 11 Abril 2009. Arquivado do original em 19 Abril 2009 
  3. Peslyak, Alexander (24 Julho 2013). «Vostochny Cosmodrome clears the way to deep space». Russia Beyond The Headlines. Consultado em 30 Dezembro 2013 
Ícone de esboço Este artigo sobre foguetes é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.