Soyuz TMA-14

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Soyuz TMA-14
Insígnia da missão
Estatísticas da missão
Espaçonave Soyuz TMA-14
Número de tripulantes 3
Lançamento 26 de março de 2009, 11:49:18 UTC
Cosmódromo de Baikonur
Aterrissagem 11 de outubro de 2009, 04:32 UTC
Espetes do Casaquistão
Imagem da tripulação
Da esquerda para direita: Simonyi, Padalka, Barratt
Da esquerda para direita:
Simonyi, Padalka, Barratt
Navegação
Último
Último
Soyuz-TMA-13-Mission-Patch.png Soyuz TMA-13
Soyuz TMA-15 Soyuz TMA-15
Próximo
Próximo

Soyuz TMA-14 foi uma missão da Soyuz à Estação Espacial Internacional (ISS) sendo a 101ª missão tripulada do programa Soyuz. O lançamento ocorreu em 26 de março de 2009 do Cosmódromo de Baikonur.

A nave levou os integrantes da Expedição 19 à ISS, o cosmonauta Gennady Padalka e o astronauta Michael Barratt, que comandou a missão de longa duração na estação espacial, além do empresário norte-americano Charles Simonyi, que com este voo tornou primeiro homem a viajar duas vezes ao espaço como turista espacial.

A nave ficou acoplada à ISS durante toda a duração das expedições 19 e 20 para servir como veículo de escape de emergência.

Tripulação[editar | editar código-fonte]

Tripulação lançada na Soyuz TMA-14
Tripulação retornada na Soyuz TMA-14

Concurso da insígnia da missão[editar | editar código-fonte]

A insígnia da missão Soyuz TMA-14, foi criada a partir de um concurso promovido pela Roscosmos, a agência espacial russa, entre crianças de diversos países que contam com agências espacias, entre outubro e dezembro de 2008. Em 29 de dezembro, a russa Anna Chibiskova, de 12 anos, natural de Moscou, teve seu desenho escolhido e incorporado à insígnia oficial, derrotando uma norte-americana, uma cazaque e outra russa.[1]

Referências

Ver também[editar | editar código-fonte]