Splash (filme)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book-4.svg
Esta página cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde março de 2018). Ajude a inserir referências. Conteúdo não verificável poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Splash
Splash, a Sereia (PRT)
Splash - Uma Sereia em Minha Vida (BRA)
 Estados Unidos
1984 •  cor •  111 min 
Direção Ron Howard
Produção Michael I. Rachmil
Daniel Melnick
Roteiro Lowell Ganz
Babaloo Mandel
Bruce Jay Friedman
Brian Grazer (história)
Elenco Tom Hanks
Daryl Hannah
Eugene Levy
John Candy
Gênero Comédia romântica
Fantasia
Música Lee Holdridge
Cinematografia Donald Peterman
Edição Daniel P. Hanley
Mike Hill
Companhia(s) produtora(s) Touchstone Films
Distribuição Buena Vista Distribution
Lançamento Estados Unidos 9 de Março de 1984
Brasil 13 de Julho de 1984
Portugal 26 de Outubro de 1984
Idioma inglês
Orçamento US$ 8 milhões
Receita US$ 69,821,334
Cronologia
Splash, Too
Página no IMDb (em inglês)

Splash é um filme norte-americano de 1984, do gênero comédia romântica e fantasia, dirigida por Ron Howard, estrelado por Tom Hanks e Daryl Hannah.

Splash foi um dos primeiros filmes do estúdio Touchstone Pictures, criado pela Walt Disney Company para a realização de filmes de teor mais adulto.

Teve uma sequência, Splash, Too, filme para a televisão também produzido pela Disney, dirigido por Greg Antonacci e escrito por Bruce Franklin Singer. Foi estrelado por Todd Waring como Allen Bauer e Amy Yasbeck como a sereia Madison Bauer.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Gtk-paste.svg Aviso: Este artigo ou se(c)ção contém revelações sobre o enredo.

Em 1964, aos 8 anos, um jovem chamado Allan Bauer estava passando às férias com a família no litoral perto de Cape Cod. Ao fazer um passeio turístico em um pequeno barco, Allen vê algo na superfície do oceano que o deixa fascinado. Allen pula na água, apesar de não poder nadar. Ele agarra as mãos de uma garota que está inexplicavelmente debaixo da água e uma conexão instantânea se forma entre os dois. Allen agora pode respirar debaixo da água enquanto estiver segurando as mãos dela. No entanto, Allen é puxado de volta para a superfície pelas mãos do barqueiro e os dois são separados, embora aparentemente ninguém mais veja a garota. Allen chega a acreditar que o encontro foi uma alucinação de que ele quase morreu, mas seu vínculo com a garota misteriosa prova-se tão forte que suas relações posteriores com as mulheres fracassam quando ele busca subconscientemente a conexão que ele sentia com a misteriosa garota.

Vinte anos depois, Allen (Tom Hanks) é co-proprietário de uma empresa de frutas e legumes de um atacado em Nova York junto com seu irmão, o mulherengo Freddie (John Candy). Deprimido após seu último rompimento, Allen retorna a Cape Cod, onde ele encontra o excêntrico cientista Dr. Walter Kornbluth (Eugene Levy). Depois, sozinho, Allen sofre um acidente quando sua lancha quebra e ele cai no mar, batendo a cabeça. Ele acorda, com dor de cabeça, em uma praia deserta onde encontra uma bela mulher nua com longos cabelos loiros e com incapacidade de falar (Daryl Hannah). Depois de beijá-lo, ela mergulha no mar, onde se transforma em uma sereia e deixa Allen novamente sozinho na praia. Kornbluth que estava mergulhando para procurar provas de estranhas criaturas do mar, também avista a sereia em sua forma verdadeira, e isso o torna obcecado em encontrá-la novamente.

A sereia encontra a carteira de Allen na água e vai até um barco afundado, onde encontra um mapa. Usando a carteira de Allen para descobrir de onde ele é, ela decide encontrá-lo em Nova York. Chegando nua a cidade, ela é presa enquanto estava na Estátua da Liberdade, onde é presa por atentado ao pudor. Usando informações de Allen, a polícia contata Allen e a garota misteriosa é liberada para que fique aos seus cuidados. Ela aprende a falar inglês assistindo à televisão e está ansiosa para ver a cidade grande pela primeira vez em sua vida. Incapaz de dizer seu nome real em linguagem humana, ela escolhe se chamar Madison após ver a placa da avenida Madison Avenue em Manhattan. Ela diz a Allen que ela estará em Nova York para "seis dias cheios de diversão enquanto a lua estiver cheia", mas se ela ficar mais tempo, ela nunca mais poderá voltar para casa (a razão para isso é inexplicável). Apesar do ocasional comportamento incomum de Madison, ela e Allen se apaixonam. Allen propõe matrimônio a Madison, mas ela recusa e foge. Depois de considerar sua razão para vir à cidade em primeiro lugar, Madison retorna para Allen e concorda em se casar com ele, com a promessa de contar a verdade sobre si mesma em um próximo jantar dignitário para receber o presidente dos Estados Unidos.

Enquanto isso, Kornbluth, percebendo que a mulher nua em Nova York era a sereia que ele havia encontrado, persegue o casal tentando expô-la como uma sereia, molhando-a com água. Muitas tentativas são mal sucedidas, e Kornbluth acaba com vários ferimentos, incluindo um braço muito machucado. Kornbluth finalmente fica à espreita com tanques de água no jantar dignitário, jogando água em Madison com uma mangueira e provando com sucesso a existência de sereias. Madison é tomada por agentes do governo e levada para um laboratório secreto, chefiada pelo rival de Kornbluth, o Dr. Ross (Richard B. Shull), para exames. Kornbluth lamenta suas ações depois que ele descobre que os cientistas estão planejando dissecar Madison, enquanto ele só queria provar para todos que não estava louco, e não matar a sereia.

Allen fica chocado com a verdade sobre Madison, mas quando ele expressa sua desilusão para seu irmão, Freddie o repreende, dizendo a seu irmão o quão inacreditavelmente feliz ele estava com ela ao seu lado. Percebendo que ainda ama Madison, Allen tenta fazer contato com funcionários do governo para deixá-lo ver Madison, mas sem sucesso. Ele então confronta Kornbluth, que cheio de culpa, concorda em ajudá-lo a resgatar a sereia.

Representando cientistas suecos, Freddie, Allen e Kornbluth entram no laboratório e levam Madison e conseguem libertar Madison. Freddie se oferece para ser preso no lugar de Allen, enquanto Kornbluth tenta, sem sucesso, impedir que as tropas dos EUA capturem o casal. Apesar de estarem sendo perseguidos pelas tri opas, Allen e Madison voltam para as docas no Porto de Nova York. Madison diz a Allen que ele pode sobreviver debaixo de água enquanto estiver com ela, fazendo com que Allen perceba que ela era a jovem garota que ele conheceu quando criança. Embora Madison o avise que, se ele for morar no mar, não poderá mais voltar, Allen pula na água atrás dela. Eles iludem seus perseguidores e Allen joga sua jaqueta, significando que ele abandonou sua vida miserável em terra seca para ser feliz no mar com Madison. O casal nada de mãos dadas pelo fundo do oceno, enquanto os créditos rolam. A cena final mostra o casal nadando ao que parece ser um reino submarino.

Gtk-paste.svg Aviso: Terminam aqui as revelações sobre o enredo.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Ator / Atriz Personagem
Tom Hanks Allan Bauer
Daryl Hannah "Madison", a sereia
John Candy Freddie Bauer
Eugene Levy Dr. Walter Kornbluth
Jeff Doucette Junior
Dody Goodman Dra. Stilmer
Shecky Greene Sr. Buyrite
Richard B. Shull Dr. Ross
Bobby Di Cicco Jerry
Howard Morris Dr. Zidell
Patrick Cronin Michaelson
Royce D. Applegate Buckwalter
Tony Longo Augie
Nora Denney Srs. Stein
Joe Grifasi Manny
Rance Howard McCullough
Lowell Ganz Stan (guia turístico)
Babaloo Mandel Rudy
Clint Howard Convidado de casamento
Lee Delano Sargento Leleandowski
Migdia Chinea Valera Wanda
Eileen Saki Dr. Fujimoto
Al Chesney Jack, o pescador
Charles Macaulay Presidente
Jodi Long Repórter
Bill Smitrovich Ralph Bauer
Joe Cirillo Policial
Fil Formicola Policial

Recepção da crítica[editar | editar código-fonte]

Splash tem aclamação por parte da crítica especializada. Com tomatometer de 92% em base de 38 críticas, o Rotten Tomatoes publicou um consenso: “Uma perfeita luz, calorosamente engraçada comédia romântica, que é mantida à tona por direção discreta de Ron Howard e performances encantadoras de Tom Hanks e Daryl Hannah”. Tem 58% de aprovação, por parte da audiência, usada para calcular a recepção do público a partir de votos dos usuários do site.[1]

Principais prêmios e indicações[editar | editar código-fonte]

Oscar 1985 (EUA)

  • Indicado na categoria de Melhor Roteiro Original.

Globo de Ouro 1985 (EUA)

  • Indicado na categoria de Melhor Filme - Comédia / Musical.

Prêmio Saturno 1985 (Academy of Science Fiction, Fantasy & Horror Films, EUA)

  • Venceu na categoria Melhor Atriz (Daryl Hannah).
  • Indicado também nas categorias de Melhor Diretor, Melhor Filme de Fantasia, Melhor Maquiagem e Melhor Ator Coadjuvante (John Candy).

NSFC Award 1985 (EUA)

  • Vencedor na categoria de Melhor Roteiro.

Referências

  1. «Splash» (em inglês). Rotten Tomatoes. Consultado em 29 de março de 2014 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Applications-multimedia.svg A Wikipédia tem o