Sport Club Rio de Janeiro

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Rio de Janeiro
SC Rio.jpg
Nome Sport Club Rio de Janeiro
Fundação 15 de maio de 1914 (103 anos)
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
titular
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
alternativo
editar

Sport Club Rio de Janeiro é uma agremiação esportiva brasileira extinta fundada a 15 de maio de 1914.

História[editar | editar código-fonte]

Ficava sediada na Rua São Francisco Xavier com Avenida Boulevard 28 de Setembro, em Vila Isabel. Possuía as cores azul e preta. Entre os fundadores destacam-se Ernâni Silva de Almeida (presidente), Belmiro Alves (vice-presidente), Paulo Ramos Paz “Pazinho” (secretário), Guilherme Silva (tesoureiro), Waldemar Macieira (1° procurador), Carleto Botelho (2° procurador), Nicanor Tourinho (capitão-geral), Eliézer Leite (vice-capitão), Alberto Silva (comissão de sindicância), Arnaud Reis (comissão de sindicância) e Arsênio Brousse (comissão de sindicância). Foi reorganizado em 2 de julho de 1914, com as cores preto e branco. A partir de 1920 se tornou azul e branco[1].

Em 1918, foi o terceiro colocado do Campeonato Carioca da Terceira Divisão. Conseguiu o acesso à Segunda Divisão ao derrotar o último colocado da Segunda Divisão, Paladino Foot-Ball Club por 6 a 1 na repescagem[2].

Em 1919, foi vice-campeão da Segunda Divisão. O campeão e promovido à elite foi o Palmeiras Atlético Clube[2].

Foi sexto no Campeonato Carioca da Segunda Divisão, em 1920, em certame vencido pelo Carioca Foot-Ball Club[3].

Em 1921, é campeão da Série A da Segunda Divisão. Na fase final perde para o Bonsucesso Futebol Clube, campeão da Série B, o título do campeonato[4]. No mesmo ano conquista o Torneio Início da Segunda Divisão.

Em 1922, faz fraca campanha e termina em sexto na classificação da Série A, sendo eliminado na fase inicial[5].

Em 1923, faz novamente má campanha e termina em último no campeonato[6]. No ano seguinte é extinto.

Mandava seus jogos no extinto campo da Rua Morais e Silva, na Tijuca.

Títulos[editar | editar código-fonte]

  • 1919 - Vice-campeão da Segunda Divisão;
  • 1921 - Campeão da Série A da Segunda Divisão;
  • 1921 - Campeão do Torneio Início da Segunda Divisão

Fonte[editar | editar código-fonte]

  • VIANA, Eduardo. Implantação do futebol Profissional no Estado do Rio de Janeiro. Rio de Janeiro: Editora Cátedra, s/d.

Referências

Referências