Stirtonia tatacoensis

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.


Como ler uma infocaixa de taxonomiaStirtonia tatacoensis
Ocorrência: Mioceno 13,7–12,6 Ma
Taxocaixa sem imagem
Classificação científica
Filo: Chordata
Classe: Mammalia
Ordem: Primates
Família: Atelidae
Género: Stirtonia
Espécie: S. tatacoensis
Nome binomial
Stirtonia tatacoensis
Stirton, 1951

Stirtonia tatacoensis é uma espécie de primata fóssil, encontrado no sítio paleontológico de La Venta, na Colômbia. Foi descrito a partir de uma mandíbula, por Stirton, em 1951, que foi datada do período Mioceno, entre 12,6 e 13,7 milhões de anos atrás.[1] A morfologia geral o inclui como próximo do gênero Alouatta (bugios ou guaribas), e provavelmente eram folívoros.[1] Posteriormente, em 1985, foram encontrados dentes e fragmentos da maxila por Setoguchi.[1]

Referências

  1. a b c Hartwig, W. C. (2002). «Miocene Platyrrhines of the Northern Neotropics». The Primate Fossil Record. Cambridge: Cambridge University Press. pp. 175–188. ISBN 978-0-521-08141-2 
Ícone de esboço Este artigo sobre Primatas pré-históricos, integrado ao WikiProjeto Primatas é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.