Strikeforce: Fedor vs. Rogers

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Strikeforce: Fedor vs. Rogers
Detalhes
Promoção Strikeforce
Data 02009-11-07 7 de novembro de 2009
Local Sears Centre[1]
Cidade Estados Unidos Hoffman Estates, Illinois
Cronologia
Strikeforce Challengers: Gurgel vs. Evangelista Strikeforce: Fedor vs. Rogers Strikeforce Challengers: Woodley vs. Bears

Strikeforce/M-1 Global: Fedor vs. Rogers foi um evento de artes marciais mistas promovido pelo Strikeforce em parceria com o M-1 Global, ocorrido em 02009-11-07 7 de novembro de 2009 no Sears Centre em Hoffman Estates, Illinois. Esse foi o primeiro evento de MMA na televisão desde o agora extinto EliteXC transmitir seu evento final, EliteXC: Heat, na CBS em 4 de Outubro de 2008. O evento contou com quatro lutas no card principal com o time de transmissão com Gus Johnson, Frank Shamrock e Mauro Ranallo.[2] O evento acumulou aproximadamente 4,040,000 telespectadores, com um pico de 5,060,000 na CBS.[3]

Background[editar | editar código-fonte]

Gegard Mousasi era originalmente esperado para defender seu Cinturão Meio Pesado do Strikeforce, mas eventualmente competiu em uma luta não válida pelo título.[4]

Uma luta já anunciada entre Bobby Lashley e Ron Waterman foi movida para um outro evento mais tarde, porém, sem um lugar oficial.[4]

A luta feminina entre Marloes Coenen e Erin Toughill foi colocada para servir de luta reserva,[5] mas foi cancelada quando Toughill se retirou da luta devido a uma condição médica desconhecida.[6] Roxanne Modafferi entrou para enfrentar Coenen no evento.[7]

EA Sports mostrou um trailer de pré-visualização para o novo jogo EA Sports MMA que sairia em 2010 durante o evento.

A luta entre os meio médios Mark Miller e Deray Davis era esperada para acontecer no card preliminar, mas foi cancelada.[8]

Resultados[editar | editar código-fonte]

Card Principal (CBS)
Categoria Vencedor Perdedor Método Round Tempo Notas
Pesados Rússia Fedor Emelianenko derrotou Estados Unidos Brett Rogers Nocaute (soco) 2 1:48
Médios Estados Unidos Jake Shields derrotou Estados Unidos Jason Miller Decisão Unânime (48-47, 49-46 e 49-46) 5 5:00 Pelo Cinturão Peso Médio do Strikeforce.
Meio Pesados Arménia Gegard Mousasi derrotou Camarões Rameau Thierry Sokodjou Nocaute Técnico (socos) 2 3:43
Pesados Brasil Fabrício Werdum derrotou Brasil Antônio Silva Decisão Unânime (29-28, 29-28 e 29-28) 3 5:00
Card Preliminar
Penas Feminino Países Baixos Marloes Coenen derrotou Estados Unidos Roxanne Modafferi Finalização (chave de braço) 1 1:05
Catchweight (150 lbs) Estados Unidos Jeff Curran derrotou Estados Unidos Dustin Neace Finalização (lesão na costela) 1 1:39
Médios Estados Unidos Shamar Bailey derrotou Estados Unidos John Kolosci Decisão Unânime (29-27, 29-27 e 29-27) 3 5:00 Bailey perdeu um ponto por agarrar o calção de Kolosci.
Médios Estados Unidos Nate Moore derrotou Estados Unidos Louis Taylor Finalização (socos) 2 3:24
Meio Médios Brasil Christian Uflacker derrotou Estados Unidos Jonatas Novaes Decisão Unânime (29-26, 30-25 e 30-25) 3 5:00 Novaes perdeu dois pontos por dois tiros de meta.

Audiência na TV[editar | editar código-fonte]

Em termos de audiência, o evento acumulou em média de 3.79 milhões de telespectadores para o tempo estipulado das 9-11pm. O evento principal, que aconteceu após as 11pm, acumulou 5.46 milhões de telespectadores. No total, as duas horas de transmissão acumulou 4.04 milhões de telespectadores e uma audiência doméstica de 2.5.[9]

Referências[editar | editar código-fonte]

Ligações Externas[editar | editar código-fonte]