Reinos Unidos da Suécia e Noruega

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Suécia-Noruega)
Ir para: navegação, pesquisa
Förenade Konungarikena Sverige och Norge
De Forenede Kongeriger Norge og Sverige

Reinos Unidos
da Suécia e Noruega
Flag of Sweden.svg
 
Flag of Norway 1814.png
1814 – 1905 Flag of Sweden.svg
 
Flag of Norway.svg
Flag Brasão
Marca da União Real Brasão de Armas
Localização de Suécia-Noruega
Suécia e Noruega em 1905
Continente Europa
Região Escandinávia
País Suécia
Noruega
Capital Estocolmo (Suécia)
Cristiania (Noruega)
Língua oficial Suécia, dinamarquês, norueguês, línguas sami
Religião Luteranismo
Governo Monarquia constitucional
Monarca
 • 1814–1818 Carlos XIII & II
 • 1818–1844 Carlos XIV & III João
 • 1844–1859 Óscar I
 • 1859–1872 Carlos XV & IV
 • 1872–1905 Óscar II
Legislatura Legislaturas
 - Suécia Riksdag
 - Noruega Storting
Período histórico Século XIX
 • 14 de janeiro de 1814 Tratado de Kiel
 • 4 de novembro de 1814 Eleição de Carlos XIII da Suécia
 • 4 de novembro de 1814 Constituição da Noruega
 • 16 de outubro de 1875 União monetária
 • 7 de junho de 1905 Declaração de independência da Noruega
 • 13 de agosto de 1905 Dissolução
 • 26 de outubro de 1905 Óscar II abdica de seus direitos a Noruega
Área
 • 1905 774 184 km2
População
 • 1820 est. 3 550 000 
 • 1905 est. 7 560 000 
Moeda Riksdaler
(Suécia, 1814–1873)
Speciedaler
(Noruega, 1814–1873)
Coroa (1875–1905)

Os Reinos Unidos da Suécia e Noruega (em sueco: Förenade Konungarikena Sverige och Norge; em norueguês: De Forenede Kongeriger Norge og Sverige), ou simplesmente Suécia e Noruega, foi uma união pessoal dos reinos separados da Suécia e Noruega sob um monarca em comum e uma única política externa que durou desde 1814 até 1905, quando a Suécia pacificamente aceitou que a Noruega deixasse a união.[1]

Os dois estados mantiveram constituições, leis, legislaturas, administradores, igrejas e forças armadas separadas; os reis residiam principalmente em Estocolmo. O governo norueguês era presidido por vice-reis, que foram suecos até 1829 e passaram a ser noruegueses depois de 1856. Esse cargo depois ficou vago e por fim foi abolido em 1873. Políticas externas eram conduzidas pelo Ministério do Exterior da Suécia até a dissolução da união.

A Noruega desde o século XVI estava em uma união próxima com a Dinamarca, porém a aliança do Reino da Dinamarca e Noruega com o Império Francês de Napoleão Bonaparte fez com que o Reino Unido e a Rússia aprovassem a anexação do território pela Suécia como uma compensação pela perda da Finlândia em 1809, além de uma recompensa por juntar-se à sua coligação contra os franceses. Pelo Tratado de Kiel de 1814, o rei Frederico VI da Dinamarca foi forçado a ceder a Noruega para o rei Carlos XIII da Suécia. Entretanto, os noruegueses recusaram-se a se submeterem ao tratado e declararam sua independência, convocando uma assembleia constituinte.

A nova Constituição da Noruega foi adotada em 17 de maio de 1814 e o príncipe Cristiano Frederico da Dinamarca foi eleito rei. O príncipe herdeiro Carlos João da Suécia rapidamente liderou um exército em uma campanha contra a Noruega que culminou na Convenção de Moss, forçando Cristiano Frederico a abdicar do trono e uma revisão na constituição para que a união com os suecos fosse permitida. O parlamento norueguês elegeu Carlos XIII como rei em 4 de novembro, confirmando a união. As diferenças e tensões entre os dois estados continuaram pelas décadas seguintes, apesar de tentativas dos monarcas de aproximarem os reinos. A Noruega finalmente declarou sua independência unilateral em 7 de junho de 1905. A Suécia e o rei Óscar II aceitaram pacificamente a dissolução em 26 de outubro. Um plebiscito foi organizado e o príncipe Carlos da Dinamarca foi eleito o novo monarca norueguês, aceitando a oferta em 18 de novembro e tornando-se o rei Haakon VII.

Referências

  1. Magnusson, Thomas; et al. (2004). «Svensk-norska unionen». Vad varje svensk bör veta (em sueco) (Estocolmo: Albert Bonniers Förlag e Publisher Produktion AB). p. 79. ISBN 91-0-010680-1. 

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre História da Suécia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.