Suecado

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

Filmes suecados são regravações de famosos filmes de modo artesanal, independentes e com um baixíssimo orçamento. Tal prática foi batizada de "sweeded" ou em português: "suecar".

Os filmes suecados são elaborados sem a intenção de parodiar e sim re-fazer produções cinematrográficas de grande sucesso de modo a divertir e entreter, com uma produção criativa e amadora, o mesmo enredo do filme copiado de forma cômica e em filmagens de natureza rústicas, tecnicamente. Suas locações em nada lembram os originais e sempre utilizam atores amadores ou quase amadores. Outra característica do filme suecado é o seu tempo de duração. Geralmente não passam de simples curta-metragens[1].

O diretor francês Michel Gondry é um dos principais geradores e incentivadores deste gênero de produção[2]. Em seu filme Be Kind Rewind (Rebobine, por favor), descreve o ambiente e a forma que o gênero suecado é produzido[3] e o próprio diretor já atuou em suecados, como em "Suecou", uma reprodução de "Taxi Driver", de Martin Scorsese[4].

Este gênero de filme é moda na internet, sendo postados em sites de vídeo online e em alguns casos tendo ínumeras versões de uma mesmo filme[5].

Referências

  1. Na onda dos “suecados” Revista de Cinema Punctum da Universidade de Santa Catarina
  2. Excelente página do filme de Michel Gondry ensina a "suecar" com estilo Site Omelete - UOL
  3. Michel Gondry traz cultura da reciclagem a SP Folha de S.Paulo
  4. Michel Gondry faz versão cômica de "Taxi Driver" Folha de S.Paulo
  5. Tag: Suecado Site EdenPop - Portal POP