Sultan bin Salman bin Abdulaziz al-Saud

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Sultan bin Salman bin Abdulaziz Al Saud
Nascimento 27 de junho de 1956 (64 anos)
Riade, Arábia Saudita
Progenitores Mãe: Sultana bint Turki Al Sudairi
Pai: Salman da Arábia Saudita
Alma mater Universidade de Denver, Universidade de Syracuse
Ocupação Piloto de caça
Carreira espacial
Especialista de carga
Tempo no espaço 7d 01h 38m[1]
Seleção 1985[1]
Missões STS-51-G
Insígnia da missão Sts-51-g-patch.png
Aposentadoria 24/06/1985[1]

Sultan bin Salman bin Abdulaziz al-Saud (27 de junho de 1956, Riade) é um astronauta da Nasa, neto do rei Ibn Saud da Arábia Saudita e o único saudita a ter ido ao espaço.[2]

Piloto civil e piloto de combate, al-Saud foi ao espaço na nave Discovery como especialista de carga em junho de 1985. Integrante de uma tripulação internacional de sete membros que continha americanos e franceses além dele, Al-Saud representou a Associação Árabe de Satélites de Comunicações, ajudando a colocar em órbita o primeiro satélite árabe, o Arabsat-1B.

Ele também foi responsável por outras atividades em seu país ligadas a eventos internacionais. Em 1984, um ano antes de subir ao espaço, foi diretor do Comitê Olímpico de Informação da Arábia Saudita, junto aos Jogos de Los Angeles; diretor do Departamento de Propaganda do Ministério de Informação saudita e fundador da Associação dos Exploradores do Espaço, entidade internacional que congrega todos os astronautas e cosmonautas que já foram ao espaço, na qual serviu como diretor por vários anos.

Abdulaziz al-Saud é hoje coronel da força aérea saudita, habilitado em voo de diversos tipos de aeronaves, tanto civis quanto militares.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b c «Astronaut: Salman Al-Saud» 
  2. «Astronomy among Arabs» (em inglês). Nature Middle East. Consultado em 18 de Agosto de 2018. Cópia arquivada em 19 de Agosto de 2018