Supercopa da Croácia de Futebol

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Supercopa Croata de Futebol
Dados gerais
Organização Hrvatski nogometni savez
Edições 12
Local de disputa  Croácia
Número de equipes 2
Sistema Partida única
editar

A Supercopa da Croácia de Futebol (em croata: Hrvatski nogometni superkup) é uma partida de futebol entre os vencedores do Campeonato Croata de Futebol e da Copa da Croácia. A Supercopa sempre é realizada no início de uma nova temporada de futebol e só é realizada quando diferentes clubes vencem as duas competições mais importantes da temporada anterior (ou seja, a partida não é disputada quando um clube completa a "Dobradinha Nacional"). O campeão vigente é o Dinamo Zagreb.[1]

Desde o estabelecimento das competições croatas de futebol, no ano de 1992, as duas potências locais Dinamo Zagreb e Hajduk Split fizeram a dobradinha em doze ocasiões (Dinamo Zagreb 11 e Hajduk Split 1) e o Rijeka logrou o feito em uma ocasião. A Supercopa não foi realizada em períodos entre 1995-2001, 2007-2009, 2011-2012 e 2015-2018. Em três ocasiões, a Supercopa não foi disputada por diversas razões - em 1999, o Dínamo se recusou a jogar contra o Osijek, dizendo que o jogo não se encaixava em sua programação. Em 2000 e 2001, Hajduk e Dínamo não chegaram a um acordo sobre as regras e se deveriam ser jogadas em aprtida única ou ida e volta e em que ordem.

Em 2002, a Federação Croata de Futebol assumiu a organização da Supercopa e transformou-a em um jogo oficial único, com 30 minutos de prorrogação seguidos de uma disputa de pênaltis, caso necessário, que deve ser disputada uma semana antes do início da seguinte temporada de futebol.[2]

Desde 2002, a partida sempre era organizada pelo clube que conquistava o título da liga, com exceção do próprio ano de 2002, quando o NK Zagreb, que era o atual campeão nacional, mas optou por "mandar" a partida no Estádio Maksimir, casa do seu rival de final Dínamo, dizendo que jogar no Maksimir os ajudaria a se prepararem para o próximo jogo de qualificação para a Liga dos Campeões da UEFA. O seu estádio em Kranjčevićeva havia sido declarado impróprio para as competições da UEFA e foi forçado a mandar seus jogos europeus no Maksimir.[2]

Vencedores[editar | editar código-fonte]

Dínamo Zagreb (6 vezes), Hajduk Split (5 vezes) e Rijeka (1 vez) são os únicos clubes que venceram a Supercopa da Croácia. Seis das doze Supercopas disputadas até hoje foram decididas em Dérbis Eternos entre Hajduk e Dínamo.

Legenda[editar | editar código-fonte]

* Jogo foi para a prorrogação (T.E.)
Jogo decidido nas cobranças de pênaltis (P.K.) após prorrogação
Jogo decidido no gol de ouro na prorrogação
Partidas de ida e volta
Ano Vencedor Placar Vice Local Público
1992 Hajduk Split (1) 0–0 (T.E.), (3–1 P.K.) Inker Zaprešić Maksimir, Zagreb 10.000
1993 Hajduk Split (2) 4–4, 0–0 (G.F.) Croatia Zagreb Maksimir, Zagreb
Poljud, Split
30.000
30.000
1994 Hajduk Split (3) 1–0, 0–1 (T.E.),
(5–4 P.K.)
Croatia Zagreb Poljud, Split
Maksimir, Zagreb
30.000
15.000
1995
HAJDUK SPLIT (VENCEU A DOBRADINHA EM 1994–95)
1996
N/A (CROATIA ZAGREB VENCEU A DOBRADINHA EM 1995–96)
1997
N/A (CROATIA ZAGREB VENCEU A DOBRADINHA EM 1996–97)
1998
N/A (CROATIA VENCEU A DOBRADINHA EM 1997–98)
1999
N/A (CROATIA ZAGREB (Liga) E OSIJEK (Copa) CLASSIFICADOS)
2000
N/A (DÍNAMO ZAGREB (Liga) E HAJDUK SPLIT (Copa) CLASSIFICADOS)
2001
N/A (HAJDUK SPLIT (Liga) E DÍNAMO ZAGREB (Copa) CLASSIFICADOS)
2002 Dinamo Zagreb (1)  3–2 ‡ NK Zagreb Maksimir, Zagreb 10.000
2003 Dinamo Zagreb (2) 4–1 Hajduk Split Maksimir, Zagreb 7.000
2004 Hajduk Split (4) 1–0 Dinamo Zagreb Poljud, Split 17.000
2005 Hajduk Split (5)  1–0 * Rijeka Poljud, Split 18.000
2006 Dinamo Zagreb (3) 4–1 Rijeka Maksimir, Zagreb 15.000
2007
N/A (DÍNAMO ZAGREB VENCEU A DOBRADINHA EM 2006–07)
2008
N/A (DÍNAMO ZAGREB VENCEU A DOBRADINHA EM 2007–08)
2009
N/A (DÍNAMO ZAGREB VENCEU A DOBRADINHA EM 2008–09)
2010 Dinamo Zagreb (4) 1–0 Hajduk Split Maksimir, Zagreb 8.000
2011
N/A (DÍNAMO ZAGREB VENCEU A DOBRADINHA EM 2010–11)
2012
N/A (DÍNAMO ZAGREB VENCEU A DOBRADINHA EM 2011–12)
2013 Dinamo Zagreb (5) 1–1 (4–1 P.K.) Hajduk Split Maksimir, Zagreb 12.000
2014 Rijeka (1) 2–1 Dinamo Zagreb Kantrida, Rijeka 8.000
2015
N/A (DÍNAMO ZAGREB VENCEU A DOBRADINHA EM 2014–15)
2016
N/A (DÍNAMO ZAGREB VENCEU A DOBRADINHA EM 2015–16)
2017
N/A (RIJEKA VENCEU A DOBRADINHA EM 2016–17)
2018
N/A (DÍNAMO ZAGREB VENCEU A DOBRADINHA EM 2017–18)
2019 Dinamo Zagreb (6) 1–0 Rijeka Maksimir, Zagreb 5.075

Resultados por equipe[editar | editar código-fonte]

Apenas cinco clubes dsputaram a Supertaça desde 1992. O Osijek também se classificou para a Supertaça ao vencer a Copa da Croácia de 1998-99, mas a partida não foi realizada, pois o clube não conseguiu chegar a um acordo com o Dínamo Zagreb sobre a data do jogo.

Clube Vencedores Vice-campeões
Dinamo Zagreb[3] 6 4
Hajduk Split 5 3
Rijeka 1 3
Inter Zaprešić[4] 0 1
NK Zagreb 0 1

Detalhes dos jogos[editar | editar código-fonte]

1992[editar | editar código-fonte]

18 de julho de 1992 Hajduk Split 0 – 0 Inker Zaprešić Estádio Maksimir, Zagreb
20:00 (UTC+2)
Relatório
(Croata)
Público: 10,000
Árbitro: Dragutin Poljak (Zagreb)
    Penalidades  
Bilić Convertido
Miše Convertido
Španjić Erro
Vučević Convertido
3–1 Convertido Soldo
Erro Perković
Erro Antolić
Erro Brlek
 

1993[editar | editar código-fonte]

Jogo de ida[editar | editar código-fonte]

1 de agosto de 1993 Dinamo Zagreb 4 – 4 Hajduk Split Estádio Maksimir, Zagreb
20:15 (UTC+2)
Cvitanović Gol marcado aos 21 minutos de jogo 21'
Vlaović Gol marcado aos 41 minutos de jogo 41', Gol marcado aos 71 minutos de jogo 71'
Gašpar Gol marcado aos 64 minutos de jogo 64'
Relatório
(Croata)
Računica Gol marcado aos 15 minutos de jogo 15'
Mornar Gol marcado aos 43 minutos de jogo 43', Gol marcado aos 54 minutos de jogo 54'
Pralija Gol marcado aos 69 minutos de jogo 69'
Público: 30,000
Árbitro: Antun Burilo (Osijek)

Jogo de volta[editar | editar código-fonte]

7 de agosto de 1993 Hajduk Split 0 – 0 Croatia Zagreb Estádio Poljud, Split
20:15 (UTC+2)
Relatório
(Croata)
Público: 30,000
Árbitro: Veljko Matković (Rijeka)

Com resultado agregado de 4–4, o Hajduk Split foi declarado campeão pelo critério de gols marcados fora de casa


1994[editar | editar código-fonte]

Jogo de ida[editar | editar código-fonte]

24 de julho de 1994 Hajduk Split 1 – 0 Dinamo Zagreb Estádio Poljud, Split
20:30 (UTC+2)
Mornar Gol marcado aos 43 minutos de jogo 43' Relatório
(Croata)
Público: 30,000
Árbitro: Ivan Vranaričić (Đakovo)

Jogo de volta[editar | editar código-fonte]

31 de julho de 1994 Dinamo Zagreb 1 – 0 Hajduk Split Estádio Maksimir, Zagreb
20:30 (UTC+2)
Cvitanović Gol marcado aos 68 minutos de jogo 68' (pen.) Relatório
(Croata)
Público: 15,000
Árbitro: Željko Širić (Osijek)
    Penalidades  
Cvitanović Convertido
Šašivarević Convertido
Pamić Erro
Halilović Convertido
Ladić Erro
3–4 Convertido Andrijašević
Convertido Rapaić
Erro Meštrović
Convertido Vukas
Convertido Štimac
 

Com resultado agregado de 1–1, o Hajduk Split venceu por 4–3 nas cobranças de pênaltis


2002[editar | editar código-fonte]

21 de julho de 2002 Dinamo Zagreb 3 – 2 (T.E.) NK Zagreb Estádio Maksimir, Zagreb
20:15 (UTC+2)
Marić Gol marcado aos 1 minutos de jogo 1'
Zahora Gol marcado aos 41 minutos de jogo 41'
Petrović Gol de ouro marcado a 92 minutos de jogo 92'
Relatório
(Croata)
Samardžić Gol marcado aos 17 minutos de jogo 17'
Krpan Gol marcado aos 30 minutos de jogo 30'
Público: 10,000
Árbitro: Željko Širić (Osijek)

2003[editar | editar código-fonte]

20 de julho de 2003 Dinamo Zagreb 4 – 1 Hajduk Split Estádio Maksimir, Zagreb
20:00 (UTC+2)
Tomić Gol marcado aos 30 minutos de jogo 30'
Sedloski Gol marcado aos 48 minutos de jogo 48'
Eduardo Gol marcado aos 75 minutos de jogo 75'
Zahora Gol marcado aos 90+2 minutos de jogo 90+2'
Relatório
(Croata)
T. Rukavina Gol marcado aos 23 minutos de jogo 23' Público: 7,000
Árbitro: Ivan Bebek (Rijeka)

2004[editar | editar código-fonte]

17 de julho de 2004 Hajduk Split 1 – 0 Dinamo Zagreb Estádio Poljud, Split
20:45 (UTC+2)
Blatnjak Gol marcado aos 49 minutos de jogo 49' Report
(Croata)
Público: 17,000
Árbitro: Ivan Vranaričić (Đakovo)

2005[editar | editar código-fonte]

15 de julho de 2005 Hajduk Split 1 – 0 (T.E.) Dinamo Zagreb Estádio Poljud, Split
21:00 (UTC+2)
Kranjčar Gol marcado aos 103 minutos de jogo 103' Relatório
(Croata)
Público: 18,000
Árbitro: Željko Širić (Osijek)

2006[editar | editar código-fonte]

19 de julho de 2006 Dinamo Zagreb 4 – 1 Rijeka Estádio Maksimir, Zagreb
20:15 (UTC+2)
Etto Gol marcado aos 20 minutos de jogo 20'
Modrić Gol marcado aos 40 minutos de jogo 40'
Eduardo Gol marcado aos 62 minutos de jogo 62' (pen.), Gol marcado aos 67 minutos de jogo 67'
Relatório
(Croata)
Bolić Gol marcado aos 51 minutos de jogo 51' Público: 15,000
Árbitro: Draženko Kovačić (Križevci)

2010[editar | editar código-fonte]

17 de julho de 2010 Dinamo Zagreb 1 – 0 Hajduk Split Estádio Maksimir, Zagreb
21:00 (UTC+2)
Bišćan Gol marcado aos 77 minutos de jogo 77' Relatório
(Croata)
Público: 8,000
Árbitro: Draženko Kovačić (Križevci)

2013[editar | editar código-fonte]

6 de julho de 2013 Dinamo Zagreb 1 – 1 Hajduk Split Estádio Maksimir, Zagreb
20:30 (UTC+2)
Čop Gol marcado aos 34 minutos de jogo 34' Relatório
(Croata)
Caktaš Gol marcado aos 76 minutos de jogo 76' (pen.) Público: 12,000
Árbitro: Ante Vučemilović (Osijek)
    Penalidades  
Šimunić Convertido
Čop Convertido
Halilović Convertido
Antolić Convertido
4–1 Convertido Vršajević
Erro Jozinović
Erro Tomičić
 

2014[editar | editar código-fonte]

11 de julho de 2014 Rijeka 2 – 1 Dinamo Zagreb Estádio Kantrida, Rijeka
20:30 (UTC+2)
Samardžić Gol marcado aos 11 minutos de jogo 11'
Moisés Gol marcado aos 69 minutos de jogo 69'
Relatório
(Croata)
Sigali Gol marcado aos 38 minutos de jogo 38' Público: 8,000
Árbitro: Zlatko Šimčić (Koprivnica)

2019[editar | editar código-fonte]

13 de julho de 2019 Dinamo Zagreb 1 – 0 Rijeka Estádio Maksimir, Zagreb
20:00 (UTC+2)
Gojak Gol marcado aos 41 minutos de jogo 41' Relatório
(Croata)
Público: 5,075
Árbitro: Mario Zebec (Cestica)

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Dinamo srušio Rijeku i osvojio Superkup: Gojak presudio majstorijom» (em croata). gol.hr. 13 de julho de 2019. Consultado em 18 de setembro de 2019 
  2. a b «Hrvatski superkup». Slobodna Dalmacija (em croata). 15 de julho de 2005. Consultado em 16 de agosto de 2009 
  3. Durante os anos 90, o Dínamo Zagreb se chamou HAŠK Građanski e depois Croatia Zagreb até voltar a se chamar Dinamo Zagreb em 2000.
  4. O Inter Zaprešić se chamou Inker Zaprešić até 2003.