Supercopa da Espanha de 2013

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Final da Supercopa da Espanha de 2013
Jogo de ida
Data 21 de agosto de 2013
Local Estádio Vicente Calderón, Madrid
Árbitro EspanhaESP Alberto Undiano Mallenco
Jogo de volta
Data 28 de agosto de 2013
Local Estádio Camp Nou, Barcelona
Árbitro EspanhaESP David Fernández Borbalán

A Supercopa da Espanha 2013 foi a 30ª edição do torneio. Foi disputada em partida de ida e volta entre o campeão do Campeonato Espanhol (Barcelona) e o campeão da Copa do Rei da Espanha (Atlético de Madrid), ambas na temporada 2012/2013.[1]

Transmissão[editar | editar código-fonte]

No Brasil[editar | editar código-fonte]

No Brasil, os jogos foram transmitidos pelo canal aberto TV Esporte Interativo[2].

Participantes[editar | editar código-fonte]

Equipe Classificação
Catalunha Barcelona Campeão La Liga de 2012–13
Comunidade autónoma de Madrid Atlético de Madrid Campeão Copa del Rey de 2012-13

Final[editar | editar código-fonte]

Jogo de ida[editar | editar código-fonte]

21 de agosto de 2013 Atlético de Madrid Comunidade autónoma de Madrid 1 – 1 Catalunha Barcelona Estádio Vicente Calderón, Madrid
23:00
David Villa Gol marcado aos 11 minutos de jogo 11' Relatório Neymar Gol marcado aos 67 minutos de jogo 67' Público: 54 851
Árbitro: EspanhaESP Alberto Undiano Mallenco
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Atlético Madrid
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Barcelona
GK 13 Bélgica Thibaut Courtois
RB 20 Espanha Juanfran Penalizado com cartão amarelo após 36 minutos 36'
CB 2 Uruguai Diego Godín
CB 23 Brasil Miranda
LB 3 Brasil Filipe Luís Penalizado com cartão amarelo após 39 minutos 39'
MF 4 Espanha Mario Suárez Penalizado com cartão amarelo após 56 minutos 56'
MF 14 Espanha Gabi (c)
RW 6 Espanha Koke Substituído após 73 minutos de jogo 73'
LW 19 Brasil Diego Costa Substituído após 79 minutos de jogo 79'
AM 10 Turquia Arda Turan Substituído após 76 minutos de jogo 76'
FW 9 Espanha David Villa
Substitutos:
GK 1 Espanha Daniel Aranzubia
DF 22 Argentina Emiliano Insúa
DF 24 Argentina Martín Demichelis
MF 5 Portugal Tiago
MF 11 Uruguai Cristian Rodríguez Entrou em campo após 79 minutos 79'
MF 27 Espanha Óliver Entrou em campo após 73 minutos 73'
FW 21 Brasil Léo Baptistão Entrou em campo após 76 minutos 76'
Treinador:
Argentina Diego Simeone
Atletico-Barca-2013-08-21.svg
GK 1 Espanha Víctor Valdés
RB 22 Brasil Daniel Alves
CB 3 Espanha Gerard Piqué
CB 14 Argentina Javier Mascherano
LB 18 Espanha Jordi Alba Penalizado com cartão amarelo após 60 minutos 60'
DM 16 Espanha Sergio Busquets Penalizado com cartão amarelo após 43 minutos 43'
CM 6 Espanha Xavi (c) Substituído após 89 minutos de jogo 89'
CM 8 Espanha Andrés Iniesta
RW 9 Chile Alexis Sánchez
LW 7 Espanha Pedro Substituído após 59 minutos de jogo 59'
CF 10 Argentina Lionel Messi Substituído após 46 minutos de jogo 46'
Substitutos:
GK 13 Espanha José Manuel Pinto
DF 2 Espanha Martín Montoya
MF 4 Espanha Cesc Fàbregas Entrou em campo após 46 minutos 46'
MF 12 México Jonathan dos Santos
MF 17 Camarões Alex Song Entrou em campo após 89 minutos 89'
FW 11 Brasil Neymar Penalizado com cartão amarelo após 86 minutos 86' Entrou em campo após 59 minutos 59'
FW 20 Espanha Cristian Tello
Treinador:
Argentina Gerardo Martino

Jogo de volta[editar | editar código-fonte]

28 de agosto de 2013 Barcelona Catalunha 0 – 0 Comunidade autónoma de Madrid Atlético de Madrid Estádio Camp Nou, Barcelona
23:00
Relatório Público: 74 536
Árbitro: EspanhaESP David Fernández Borbalán
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Barcelona
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Atlético Madrid
GK 1 Espanha Víctor Valdés
RB 22 Brasil Daniel Alves
CB 3 Espanha Gerard Piqué Penalizado com cartão amarelo após 54 minutos 54'
CB 14 Argentina Javier Mascherano
LB 18 Espanha Jordi Alba
DM 16 Espanha Sergio Busquets Penalizado com cartão amarelo após 30 minutos 30'
CM 6 Espanha Xavi (c)
CM 4 Espanha Cesc Fàbregas Penalizado com cartão amarelo após 28 minutos 28' Substituído após 73 minutos de jogo 73'
RW 9 Chile Alexis Sánchez Substituído após 65 minutos de jogo 65'
LW 11 Brasil Neymar
CF 10 Argentina Lionel Messi Erro 89'
Substitutos:
GK 13 Espanha José Manuel Pinto
DF 2 Espanha Martín Montoya
DF 15 Espanha Marc Bartra
MF 8 Espanha Andrés Iniesta Entrou em campo após 73 minutos 73'
MF 17 Camarões Alex Song
FW 7 Espanha Pedro Entrou em campo após 65 minutos 65'
FW 20 Espanha Cristian Tello
Treinador:
Argentina Gerardo Martino
GK 13 Bélgica Thibaut Courtois
RB 20 Espanha Juanfran
CB 2 Uruguai Diego Godín Penalizado com cartão amarelo após 88 minutos 88'
CB 23 Brasil Miranda
LB 3 Brasil Filipe Luís Expulso a 81 minutos 81'
CM 4 Espanha Mario Suárez
CM 14 Espanha Gabi (c) Penalizado com cartão amarelo após 81 minutos 81'
RW 6 Espanha Koke Penalizado com cartão amarelo após 26 minutos 26' Substituído após 89 minutos de jogo 89'
LW 10 Turquia Arda Turan Expulso a 90+1 minutos 90+1' Substituído após 72 minutos de jogo 72'
AM 19 Brasil Diego Costa Penalizado com cartão amarelo após 85 minutos 85'
CF 9 Espanha David Villa Substituído após 84 minutos de jogo 84'
Substitutos:
GK 1 Espanha Daniel Aranzubia
DF 24 Argentina Martín Demichelis
MF 5 Portugal Tiago
MF 8 Espanha Raúl García
MF 11 Uruguai Cristian Rodríguez Entrou em campo após 84 minutos 84'
FW 7 Espanha Adrián Entrou em campo após 72 minutos 72'
FW 21 Brasil Léo Baptistão Entrou em campo após 89 minutos 89'
Treinador:
Argentina Diego Simeone

Campeão[editar | editar código-fonte]

Supercopa da Espanha 2013
Flag of Spain.svg
BARCELONA
Campeão
(11° titulo)

Pós-Jogo[editar | editar código-fonte]

  • Com a conquista da torneio pelo Barcelona, Xavi tornou-se o futebolista espanhol com mais títulos oficiais, com 25 conquistas.[3]
  • A conquista do Barcelona representou, também, o primeiro título de Neymar com a camisa do clube.[4]

Referências

  1. «Supercopa: finais entre Atlético e Barça irão até madrugada na Espanha». Consultado em 13 de julho de 2013 
  2. Terra (31 de maio de 2013). «Esporte Interativo deve transmitir estreia de Neymar no Barça». Consultado em 21 de agosto de 2013 
  3. lancenet.com.br/ Maior da história? Xavi pode se tornar no espanhol com mais títulos
  4. esportes.terra.com.br/ Neymar: primeiro título pelo Barcelona, oitavo na carreira

Ver também[editar | editar código-fonte]