Suspeito

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

O nome suspeito, no contexto do Direito, designa uma pessoa relativamente à qual existam indícios, não muito fortes, que revelem sua proximidade com um crime que cometeu, participou, ou prepara-se para participar.

Quando os indícios são suficientes para formular uma acusação o suspeito é constituido arguido embora considerado inocente dos fatos da acusação até ser condenado ou confirmada a sua inocência.

(Isso é o nome que re inventaram para a mesma palavra, pois na verdade suspeito é sinonimo de duvidoso, pois todos veem um criminoso cometer um crime e usam a palavra suspeito com certeza que foi esse individuo e isso é errado.)

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

Estrutura fundamental do processo penal

Ícone de esboço Este artigo sobre direito é um esboço relacionado ao Projeto Ciências Sociais. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.