Swiss International Air Lines

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Swiss International Air Lines
IATA LX
ICAO SWR
Indicativo de chamada SWISS
Fundada em 2 de Abril de 2002
Principais centros
de operações
Aeroporto de Zurique
Outros centros
de operações
Aeroporto Internacional de Genebra
Programa de milhagem Miles and More
Serviço VIP SWISS Lounges: First, Business, Senator, Arrival
Aliança comercial Star Alliance
Frota 77
Destinos 102 em 46 países
Companhia
administradora
Swiss International Air Lines Group
Sede Basel, Suíça
Pessoas importantes Thomas Klühr (CEO)
Sítio oficial https://www.swiss.com/br/pt/
A sede da Swiss International Air Lines na Basileia.

A Swiss International Air Lines (SWISS) é uma companhia aérea suíça com sede no EuroAirport Basel-Mulhouse-Freiburg. É a principal companhia aérea suíça e possui rotas para a América do Norte, América do Sul, Europa, Ásia e África, num total de 102 destinos em 46 países. Desde o 1 de Julho de 2007, a Lufthansa Group é o único proprietário da Swiss International Air Lines.

História[editar | editar código-fonte]

A SWISS foi fundada em 2 de Abril de 2002, com uma frota inicial de 130 aeronaves, ocupando o lugar deixado pela falida Swissair. O capital da empresa, dividia-se da seguinte forma: 35.7% nas mãos de investidores privados (multinacionais suíças), 20.3% governo suíço, 10.2% governo de Zurique, 20.4% bancos suíços e 4.2% para outras organizações suíças.

A aviação mundial ainda sofria os efeitos da alta nos custos do combustível, resultado das guerras no Afeganistão e Iraque no início dos anos 2000 e os primeiros anos da SWISS foram muito difíceis. A empresa se viu obrigada a reduzir seu tamanho e frota. Os serviços intercontinentais foram reduzidos: a frota de jatos wide-body ficou com apenas 9 A330-200 e 9 A340-300. Muitos destinos foram cortados, ajustando sua malha aérea de acordo com a demanda.

Em meados de 2005, integrou-se ao grupo Lufthansa, mantendo sua identidade original e operando em conjunto com a empresa alemã, coordenando serviços, horários, frequências, além da entrada na aliança global Star Alliance. É atualmente uma das melhores empresas aéreas do mundo, classificada como 4 estrelas pelo ranking da consultoria Skytrax e é também uma das mais saudáveis financeiramente.

A SWISS opera, a partir dos aeroportos de Zurique e Genebra, voos para toda a Europa, África, Oriente Médio, Ásia, América do Norte e América do Sul. Na América do Sul, possui voo diário non-stop ligando Zurique a São Paulo e também entre Zurique e o Rio de Janeiro em sistema Codeshare, operado por sua subsidiária Edelweiss. E opera também em código partilhado para Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Brasília, Curitiba, Florianópolis e Porto Alegre, com frequência diária.

Prêmios recebidos recentemente[editar | editar código-fonte]

  • 2014 - World Travel Awards - Europe’s Leading Airline Business Class
  • 2013 - Passenger Choice Awards (USA) - Best Cabin Ambiance
  • 2013 - World Travel Awards - Europe’s Leading Airline Business Class
  • 2013 - Skytrax World Airline Awards – TOP 3 mundial - Catering de Classe Executiva
  • 2012 - World Travel Awards - Europe’s Leading Airline Business Class
  • 2012 - Skytrax World Airline Awards – Melhor Catering de Classe Executiva do Mundo.
  • 2011 - Skytrax World Airline Awards – Melhor Empresa Aérea da Europa Ocidental.
  • 2010 - Skytrax Passenger Choice Award – Melhor Empresa Aérea do Mundo em "Entrega de Bagagem".
  • 2010 - Skytrax World Airline Satisfaction Study – única empresa européia entre as TOP 20 mundiais.
  • 2010 - "Which?", a principal revista de consumidor do Reino Unido. Empresa Aérea Número 1 da Europa.
  • 2010 - Skytrax World Airline Awards - "Best Staff Service Excellence"
  • 2010 - Business Traveller Awards - "Best Airline for Europe"
  • 2010 - Business Traveller Awards - "Best Business Class for North and South America"
  • 2009 - Skytrax World Airline Awards - "Best Airline for Europe"
  • 2008 - World Airline Entertainment Association Awards - "Best Inflight Entertainment"
  • 2008 - Cargo Airline of the Year Awards - "Best European Cargo Airline" for Swiss WorldCargo
  • 2008 - Condé Nast Traveller Readers’ Awards - "Top Short-Haul Leisure Airline"

Frota[editar | editar código-fonte]

Swiss Bombardier CS300 in the 'Romandy' livery
Swiss Boeing 777-300ER wearing a special livery

A maio de 2018 the Swiss International Air Lines fleet consists of the following aircraft:[1]

Swiss International Air Lines Fleet
Aircraft In Service Orders Passengers Notes
F C Y Total Refs
Airbus A319-100 5 var 138 [2]
Airbus A320-200 19 var 168 [3] 3 aircraft are painted in "Star Alliance" livery
var 180 [3]
Airbus A320neo 10[4] TBA Deliveries from 2019
Airbus A321-100 6 var 219 [5]
Airbus A321-200 3
Airbus A321neo 5[4] TBA Deliveries from 2019 to 2022
Airbus A330-300 14 8 45 183 236 [6]
Airbus A340-300 6 8 47 164 219 [7] 5 aircraft to remain and will be refurbished[8][9]
Others to be transferred to Edelweiss Air[9]
Boeing 777-300ER 10 2[10] 8 62 270 340 [11] Two to be delivered in early 2020.
Airbus A220-100 8 2 var 125 [12] Worldwide launch customer
Replaced Avro RJ100s and some older A320 family aircraft
Airbus A220-300 11 9 var 145 [13]
Total 82 28  

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre aviação, integrado ao Projeto Aviação, é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
  1. «Swiss Aircraft Registry». Federal Office of Civil Aviation. Consultado em 7 de maio de 2018. 
  2. «Airbus A319-100 seat map». swiss.com. Consultado em 7 de novembro de 2016. 
  3. a b «Airbus A320-200 seat map». swiss.com. Consultado em 7 de novembro de 2016. 
  4. a b «Neue Swiss-Strategie» 
  5. «Airbus A321-100/200 seat map». swiss.com. Consultado em 7 de novembro de 2016. 
  6. «Airbus A330-300 seat map». swiss.com. Consultado em 7 de novembro de 2016. 
  7. «Airbus A340-300 seat map». swiss.com. Consultado em 7 de novembro de 2016. 
  8. «Swiss to upgrade Airbus A340s with new first, business class». Australian Business Traveller. Consultado em 8 de outubro de 2016. 
  9. a b «SWISS orders 10th Boeing 777; to refurbish Airbus A340-300 fleet». atwonline.com. Consultado em 8 de outubro de 2016. 
  10. Russell, Edward (7 de maio de 2018). «Lufthansa orders up to 16 Airbus and Boeing aircraft». Flightglobal. Consultado em 7 de maio de 2018. 
  11. «Boeing 777-300ER seat map». swiss.com. Consultado em 6 de agosto de 2016. 
  12. «CS100 seat map». swiss.com. Consultado em 6 de agosto de 2016. 
  13. «CS300 seat map». swiss.com. Consultado em 6 de agosto de 2016.