Syngenta

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.


Syngenta Group Co., Ltd.
Syngenta Group Logo.png
Atividade Agricultura
Biotecnologia
Fundação (2020)
Pessoas-chave Erik Fyrwald
(Chief Executive Officer)
Li Fanrong
(Chairman of the Board of Directors)
Empregados 49,000 (2021)
Produtos Pesticidas
Sementes
flores
Receita Aumento US$ 28.2 Bilhões (2021)
Website oficial Syngenta Oficial

Syngenta Group é uma empresa com sede social em Xangai, China. A sede administrativa e o escritório central estão localizados em Basileia, Suíça, com localizações adicionais em Chicago e Tel Aviv.[1] Syngenta Group é especializado em tecnologia agricultura, particularmente em produtos semente e protecção de culturas, e serviços digitais. A empresa teve origem na Syngenta AG, fundada em 2000 e adquirida pela China National Chemical Corporation em 2015, uma empresa chinesa estatal.[2]

As suas unidades de negócio são a Syngenta Crop Protection, Syngenta Seeds, Adama, e Syngenta Group China. Em 2020, o Syngenta Group foi formado, reunindo a Syngenta, Adama, e o negócio agrícola de Sinochem sob uma única entidade.[3]

História[editar | editar código-fonte]

A empresa foi criada em novembro de 2000, a partir da fusão das divisões de agro-químicos da AstraZeneca e da Novartis. A empresa é também líder no setor de produtos transgénicos, tendo começado em 1997, com o milho Bt 11, desenvolvido no Brasil.[4]

Aquisições históricas[editar | editar código-fonte]

Syngenta
Syngenta <br />(Merged 2000)

Novartis Agribusiness

Zeneca Agrochemicals

Garst Seed Company
(Acq 2004)

Golden Harvest Seeds
(Acq 2004)

Circle One Global, Inc[5]
(Acq 2009)

Synergene Seed & Technology, Inc[6]
(Acq 2009)

Pybas Vegetable Seed Co., Inc[6]
(Acq 2009)

Maribo Seed[7](Acq 2010)

Pasteuria Bioscience, Inc[8]
(Acq 2012)

Devgen NV[9]
(Acq 2012)

Sunfield Seeds[10]
(Acq 2012)

MRI Seed Zambia Ltd[11]
(Acq 2013)

MRI Agro Ltd[11]
(Acq 2013)

Società Produttori Sementi[12]
(Acq 2014)

Lantmännen[13]
(Winter wheat & oilseed rape operations, Acq 2014)

Referências

  1. https://www.bloomberg.com/news/articles/2014-06-23/monsanto-said-to-have-weve-weighhed-40-billion-syngenta-deal
  2. «China is unloading its biggest-ever foreign acquisition». Fortune (em inglês). Consultado em 5 de outubro de 2022 
  3. «Syngenta: China formt den größten Agrochemie-Konzern der Welt». Handelsblatt (em alemão). Consultado em 4 de novembro de 2020 }
  4. Syngenta. "A Syngenta fez primeiro!" "Milho Bt 11.
  5. «Syngenta acquires innovative bio-control technology to improve usable crop yields». syngenta.com. Consultado em 5 de fevereiro de 2017. Arquivado do original em 13 de maio de 2015 
  6. a b «Syngenta acquires U.S. lettuce seed companies». syngenta.com. Consultado em 5 de fevereiro de 2017. Arquivado do original em 24 de setembro de 2015 
  7. «Syngenta acquires Maribo Seed sugar beet business from Nordic Sugar». syngenta.com. Consultado em 5 de fevereiro de 2017. Arquivado do original em 24 de setembro de 2015 
  8. «Syngenta to acquire Pasteuria Bioscience». syngenta.com. Consultado em 5 de fevereiro de 2017. Arquivado do original em 4 de maio de 2015 
  9. «Syngenta announces commencement of tender offer to acquire Devgen NV». syngenta.com. Consultado em 5 de fevereiro de 2017. Arquivado do original em 2 de abril de 2015 
  10. «Syngenta to acquire Sunfield Seeds». syngenta.com. Consultado em 5 de fevereiro de 2017. Arquivado do original em 29 de março de 2015 
  11. a b «Syngenta to acquire African corn seed business». syngenta.com. Consultado em 5 de fevereiro de 2017. Arquivado do original em 29 de março de 2015 
  12. «Syngenta acquires leading Italian durum wheat seed company». syngenta.com 
  13. «Syngenta to acquire Lantmännen's winter wheat and winter oilseed rape businesses in Germany and Poland». syngenta.com. Consultado em 5 de fevereiro de 2017. Arquivado do original em 29 de março de 2015 
O Commons possui uma categoria com imagens e outros ficheiros sobre Syngenta

Ligações externas[editar | editar código-fonte]