Synthwave

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Synthwave
Origens estilísticas Música eletrônica, new wave, trilhas sonoras dos anos 80
Contexto cultural Meados da década de 2000, Estados Unidos
Subgêneros
Chipsynth
Darksynth
Future vision
Outrunwave
Progressive synthwave
Spacesynth
Gêneros de fusão
Extreme power metal[1][2]
Synthpunk
Synthclash
Symphobreaks
Synth-overload
Outros tópicos
Vaporwave
Chillwave
Electroclash
Nu skool breaks
Eurobeat

Synthwave é um estilo musical que surgiu em meados dos anos 2000, influenciado por músicas e trilhas sonoras dos anos 80.[3][4]

Musicalmente, o synthwave foi fortemente inspirado pela new wave e trilhas sonoras de filmes, videogames e séries de televisão da década de 80 e 90. A partir de meados dos anos 2000, o gênero se desenvolveu a partir de várias comunidades de nicho na internet, alcançando maior popularidade no início de 2010. Compositores como John Carpenter, Vangelis e Tangerine Dream são frequentemente citados como influências. O estilo é principalmente instrumental, e normalmente contém elementos clichê dos anos 80 nas músicas, como baterias eletrônicas, "gated reverb", sintetizadores analógicos, tudo para se assemelhar com as trilhas e a ambientação daquele período, porém, o synthwave incorporou técnicas modernas de produção como compressão de cadeia lateral e também com uma mistura de gêneros modernos de música eletrônica como electro house.

Esteticamente, o synthwave ganhou uma perspectiva de retrofuturismo, sendo também chamado de retrowave, emulando cenas de ficção científica e ação dos anos 80. Exemplos de estéticas vistas em filmes e videogames são: F-Zero, In Time, Drive, Grand Theft Auto: Vice City, Hotline Miami e Far Cry 3: Blood Dragon.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Extreme Power Metal: Dragonforce on New Record». New Noise Magazine. 27 de Setembro de 2019. Consultado em 7 de Outubro de 2019. We worked with him [Coen Janssen] very closely to bring the DragonForce sound and also his style into it. So, it’s still DragonForce keyboarding—you know, the video game sound. We have a bit more of a retro, synthwave [sound] in it as well, along with the big orchestra stuff.” 
  2. «DragonForce - "Extreme Power Metal" Album Review». 4 de Outubro de 2019. Consultado em 7 de Outubro de 2019. Marketed as a very ‘80s-themed album, DragonForce combines the styles of synth and outrun with the band’s very own tried-and-true heavy metal sound. As an homage to this style of music, this comes as a surprise to many longtime DragonForce fans, but it’s quite a joy to listen to. With something as popular as synthwave making a resurgence, it's both fun and interesting to see this style reimagined and reinvented for a brand new audience. Metalheads and synthwave listeners can come together in the wake of this new hybrid of music 
  3. «Cópia arquivada». Consultado em 8 de julho de 2015. Arquivado do original em 25 de setembro de 2016 
  4. Neuman, Julia. «A Retrowave Primer: 9 Artists Bringing Back the '80s». MTV. Consultado em 8 de Julho de 2015 
Ícone de esboço Este artigo sobre música é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.