Télam

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Logotipo da Télam

A Télam é a principal agência pública de notícias da Argentina. É subordinada à Secretaria de Meios Públicos, do Ministério das Comunicações da Argentina. Fundada em 1945, conta com um serviço de broadcast, enviado para TVs, rádios, jornais e sites de todo o país e um site na Internet.

A agência tem cerca de 250 jornalistas em sua estrutura, com sucursais e correspondentes em todas as capitais de províncias do país e nas principais cidades argentinas.[1] Possui convênios com várias agências de notícias latino-americanas, como a Agência Brasil e a Agência Bolivariana de Noticias, da Venezuela.

Referências

  1. Lana Cristina; Rodrigo Savazoni (14 de janeiro de 2007). «Agência Brasil assina acordo com Telam, agência pública de notícias da Argentina». EBC. Agência Brasil. Consultado em 26 de agosto de 2018 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre meios de comunicação é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.