Tísias

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Tísias (em grego Τεισίας) foi um retórico grego do Século V a.C.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Natural de Siracusa (Magna Grécia), Tísias foi considerado, juntamente com Córax, o primeiro a ensinar, de modo profissional, a arte de falar em público (Sofisma[1]), e afirmava-se que Lísias e Isócrates teriam sido seus alunos.

Ele teria aprendido sua arte com Córax, que concordou em ensiná-lo em troca do dinheiro que ele, Tísias, haveria de ganhar, ao vencer a primeira causa que defendesse. Se não vencesse, nada teria que pagar, posto que a instrução teria sido inútil.

Tísias viveu em um período histórico que assinala a transição da tirania dos Dinomênidas para um governo democrático, e testemunhou grandes transformações no que se refere à legislação sobre a propriedade da terra.

Mas há dúvidas sobre sua existência histórica. Para alguns estudiosos, ele seria um personagem lendário. Para outros, ele e Córax seriam uma só pessoa.

O que se sabe sobre seu trabalho resume-se a referências nas obras de Platão, Aristóteles e Cícero.

Notas e referências

  1. No sentido original do termo, designando as técnicas ensinadas por um grupo altamente respeitado de professores retóricos na Grécia antiga

Referências[editar | editar código-fonte]

  • Bowder, Diana, Quem foi quem na Grécia Antiga, São Paulo: Art Editora/Círculo do Livro S/A, s/d