TAF Linhas Aéreas

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Este artigo é sobre Companhia Aérea. Para Terminologia da Aviação, veja TAF.
Boeing 737-200 da TAF.

A TAF Linhas Aéreas S.A. foi uma empresa aérea brasileira com sede na cidade de Fortaleza, estado do Ceará. Atualmente existe uma parte dela como Táxi-aéreo esporádico, usando Cessna Caravan 208.

Histórico[editar | editar código-fonte]

Empresa cearense de táxi aéreo sediada no Aeroporto Internacional de Fortaleza, a TAF, criada no início da década de 60, cresceu e resolveu entrar no mercado de voos regulares, com a desregulamentação promovida pelo governo. Em 17 de fevereiro de 1996, passou a se chamar TAF Linhas Aéreas S.A., começando a operar como linha aérea regional em 1º de março daquele mesmo ano. 

Operando inicialmente no transporte de passageiros e carga com nove aeronaves (quatro Cessna 208A Caravan, um 208B Grand Caravan e quatro Embraer EMB-110C Bandeirante) a TAF voava para Recife, Fortaleza, Sobral, Teresina, Parnaíba, Manaus, Belém, Iguatu, Juazeiro, Natal, Mossoró, Fernando de Noronha e João Pessoa. A TAF planejava também a aquisição de dois Embraer EMB-120 Brasília, compra que nunca se concretizou. 

No final da década de 90, a TAF expandiu as suas atividades realizando o transporte de cargas para a RPN - Rede Postal Noturna dos Correios, principalmente no Estado de Ceará.

A TAF enfrentou a dura competição da Nordeste Linhas Aéreas e, no final do ano 2000, trouxe um Boeing 737-200C, com o qual faz voos cargueiros que ligam São Luis, Teresina, Brasília e Rio. Trouxe depois um Boeing 737-200QC (Quick Change), para 119 passageiros ou 15 toneladas de carga. 

Além de se dedicar principalmente ao setor de carga aérea, a TAF também realiza fretamentos contratados, especialmente para várias localidades nos Estados do Rio Grande do Norte e Pernambuco. Em 2003, a TAF incorporou mais dois Boeing 737-200 e um 727-200F. 

A empresa chegou a fazer 3 voos semanais de passageiros e carga de porão, ligando Fortaleza à Belém, Macapá ,Cayena (Guiana Francesa) e Paramaribo (Suriname). No entanto, a partir de janeiro de 2010 as operações regulares com passageiros foram suspensas, retendo-se apenas ao mercado de cargas e fretamentos. Em 2010, a Anac retirou a licença de vôo e várias aeronaves foram encostadas pelos aeroportos do Brasil, sendo 3 Boeing 737-200 e 2 Boeing 727-200 em Fortaleza.

Frota[editar | editar código-fonte]

As Aeronaves na frota foram :

dentre vários executivos de aluguel e helicópteros.

Destinos de carga (Rede Postal Noturna)[editar | editar código-fonte]

Linha G
Linha U

Destinos Internacionais[editar | editar código-fonte]

  • América do Sul
  • América Central e Caribe
    • Aruba - Antilhas Holandesas

Fim dos voos regulares e atuação no taxi-aéreo[editar | editar código-fonte]

A TAF não opera mais voos comerciais regulares, atuando atualmente no serviço de taxi-aéreo com base no Aeroporto Internacional Pinto Martins, em Fortaleza. A empresa opera um Cessna 208 Caravan.

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre uma companhia aérea é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.