TVI

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
TVI
Televisão Independente
Tipo Canal de televisão Generalista privado, em sinal aberto (Free-to-Air)
País Portugal Portugal
Fundação 20 de fevereiro de 1993
por
Pertence a Media Capital
Presidente Mário Ferreira
Slogan Estamos aqui por si
Formato de vídeo 16:9
576i (SDTV)
1080i (HDTV)
Audiência 16,9% (média de 2021)
Afiliações TVI Internacional
TVI Ficção
TVI Reality
TVI HD
Cobertura Portugal Portugal
Países abrangidos pela TVI Internacional
Cobertura internacional Satélite
Países abrangidos pela TVI Internacional
Nome(s) anterior(es) (A) Quatro
Página oficial www.tvi.iol.pt
Disponibilidade por satélite
MEO
4
NOS
4
Disponibilidade por cabo
Nowo
4
MEO
4
NOS
4
Vodafone
4

A TVI é um canal de televisão português.

As emissões regulares do canal iniciaram-se a 20 de fevereiro de 1993, como o segundo canal privado e o quarto generalista, que nessa altura tinha o nome de "4", por ser o 4º canal de televisão.

No decorrer do ano de 1993, a emissão foi lentamente chegando a todo o território de Portugal Continental, através de uma rede própria de emissores. Cerca de um ano depois, a emissão chegou aos arquipélagos da Madeira e dos Açores, através da televisão por cabo.

Além da TVI a Média Capital possui a TVI Ficção, TVI Reality, TVI Internacional e CNN Portugal (que substituiu TVI24).

As novelas e séries da TVI estão ou já estiveram presentes em mais de 120 países. Com as plataformas de streaming a ganharem cada vez mais força na oferta de conteúdos, em 2021, a TVI tornou-se o primeiro canal de televisão português com presença na plataforma HBO.

História[editar | editar código-fonte]

Fundação[editar | editar código-fonte]

A TVI foi fundada por entidades ligadas à Igreja Católica, incluindo a Rádio Renascença, e RFM, a Universidade Católica Portuguesa, o Santuário de Fátima, o Seminário do Cristo-Rei, a Confederação Nacional dos Institutos Religiosos e a União das Misericórdias Portuguesas, e também pelo o Público e a Editorial Verbo. É atualmente detida pelo Grupo Media Capital.[carece de fontes?]

Com a TVI aparece o som estéreo em 1994 e o 16:9 Pal Plus a partir de Outubro de 1994.[carece de fontes?]

Media Capital[editar | editar código-fonte]

O grupo Media Capital entrou no capital social da TVI em 1997, ao comprar 30 por cento da estação, tendo Miguel Pais do Amaral assumido a presidência do grupo. Nesse ano começou a reformulação da estação de televisão que até então registava um fraco desempenho em termos de audiências e de receitas publicitárias. Logo no ano seguinte, a Sonae, associada à Cisneros e à Lusomundo, passa a deter a gestão da televisão depois de conseguir uma posição de relevo em várias assembleias-gerais. Em Outubro de 1998, a Sonae avança com um aumento de capital, e assim a Media Capital exerce o seu direito de preferência e adquire as posições da Sonae, da Cisneros e da Lusomundo, passando a deter mais de 90 por cento do capital.[carece de fontes?]

Prisa[editar | editar código-fonte]

Em 2005 a Prisa entra na TVI ao tornar-se, em Novembro, o accionista principal do grupo Media Capital. No ano seguinte, a Prisa lança uma oferta pública de aquisição sobre a totalidade das ações representativas do capital social da Media Capital, passando a controlar o grupo.[carece de fontes?]

Mudança para conteúdos portugueses[editar | editar código-fonte]

A TVI no início queria ser uma estação alternativa apostando em concursos e séries e novelas estrangeiras, tendo raros momentos portugueses, mas a partir do ano de 1998 a aposta passou a recair na ficção nacional (novelas e séries), talk shows e reality shows.[carece de fontes?]

Mudança de formato 4:3 para 16:9[editar | editar código-fonte]

A TVI emitiu a sua programação no formato 4:3 até 2015, apesar de anteriormente ter sido reconhecida como a primeira estação a implementar o sistema PALplus, em 1994, abandonando-o em 1997. A partir de outubro de 2015 que todos os canais (incluindo a TVI generalista) passaram a emitir em 16:9.[1][2]

Transmissão em HD[editar | editar código-fonte]

Apesar de ter sido o primeiro canal generalista português a emitir em HD em regime especial por ocasião do Euro 2008 e exclusivo na MEO em 2008, apenas começou a emitir regularmente em HD nativo em setembro de 2019. Todos os canais da TVI emitidos em território nacional começaram a emitir regularmente nesta resolução a partir desse mês nas operadoras NOS, MEO e Vodafone, ficando de fora a NOWO e a TDT.[carece de fontes?]

Críticas à fusão Cofina com a TVI[editar | editar código-fonte]

Em outubro de 2019, jornalistas e comentadores da Sociedade Independente de Comunicação (SIC) criticaram a possível fusão Cofina/TVI. O comentarista do ‘Eixo do Mal’, Pedro Marques Lopes, escreveu no Twitter:

No dia em que o país está de luto por Freitas do Amaral, o jornal do principal grupo de comunicação social portuguesa (Media Capital + Cofina) enche a primeira página com ‘Vibradores tramam pedófilo arrependido'.

Daniel Oliveira, outro comentador do ‘Eixo do Mal’, disse que "o mais poderoso grupo de media português passará a estar nas mãos de um grupo que se dedica ao jornalismo sensacionalista e que tem uma agenda política clara. A compra da TVI pela Cofina é, em décadas, dos momentos mais determinantes para a nossa democracia". O jornalista Pedro Coelho, questionou:

Imaginem o efeito que teria num qualquer país se uma pequeníssima televisão tablóide tomasse conta de um canal nacional que foi 19 anos líder de audiências?'

[3] A Anacom deu parecer favorável, autorizando que a Cofina compre a TVI em novembro de 2019.[4] Em dezembro de 2019, cerca de cem trabalhadores da TVi protestaram contra a "incerteza" dos seus postos de trabalho com a venda do veículo de mídia.[5] Em março de 2020, a Cofina anunciou o cancelamento da compra.[6]

Pluris Investments[editar | editar código-fonte]

A 3 de Novembro 2020 o Grupo PRISA conclui a venda da participação dos restantes 64,69% da Media Capital, saindo da TVI depois de 15 anos como principal acionista.

Desde esta data, o Grupo Media Capital passou a ter a seguinte estrutura acionista, composta, na sua maioria, por capital português:

- Pluris Investments, SA – 30,22%

- Triun, SGPS, SA – 23%

- BIZ Partners – 11,97%

- CIN - Corp. Ind. Norte, SA – 11,2%

- Zenithodyssey, Ldª – 10%

- ABANCA Corporacion Industrial Y Empresarial, S.L.U. – 5,05%

- Fitas & Essências. Ldª – 3%

- Do Casal, SA – 2,5%

- António Carvalho – 1,8%

- Manuel Ferreira Lemos – 1%

- Outros – 0,26%

Direção da TVI[editar | editar código-fonte]

Programas/Informação
Cargo Pessoa
Diretor-Geral José Eduardo Moniz
Diretora de Entretenimento e Ficção Cristina Ferreira
Direção de Entretenimento e Ficção Lurdes Guerreiro, André Manso e João Patrício
Diretor Criativo e Inovação Filipe Terruta
Diretor de Antena Carlos Barata
Diretor de Operações e Meios Frederico Teves
Diretor de Novos Conteúdos Anselmo Crespo
Diretor de Informação Nuno Santos
Diretores Executivos de Informação Frederico Roque de Pinho e Pedro Santos Guerreiro
Subdiretores de Informação Raquel Matos Cruz, Paula Oliveira e Joaquim Sousa Martins

Cronologia[editar | editar código-fonte]

Alguns dos acontecimentos mais importantes da estação de televisão:

Ano Notas
1993 Início das emissões regulares no dia 20 de fevereiro, como a segunda estação de televisão privada em Portugal.
1994 A TVI chega a todo o país (continente e ilhas) em outubro. Chega a Portugal pela mão da TVI o formato 16:9. É abandonado em 1996.
1997 O grupo Media Capital entra no capital social da TVI, ao comprar 30 por cento da estação, tendo Miguel Paes do Amaral assumido a presidência do grupo.
A estação instala-se em Queluz de Baixo, unindo programação e informação. Até então, a primeira funcionava no edifício Altejo e a redacção no antigo cinema Berna, ambos em Lisboa.
1998 José Eduardo Moniz torna-se diretor geral da TVI.[7] A Igreja Católica deixa a TVI.
2000 Surge a presença na internet com a TVI Online.
A TVI começa a lutar pela liderança das audiências com a aposta em reality shows[7] e na ficção nacional nomeadamente em telenovelas e séries portuguesas.
2001 Início das transmissões do canal TVI Eventos, a 18 de outubro, para a transmissão de vários reality shows. A transmissão deste canal terminou em 2004.
Em 2001, a tvi torna-se, pela primeira vez na sua história, líder em prime-time e nos anos seguintes começa a ultrapassar SIC mensalmente nas audiências do dia, até chegar á liderança absoluta
2005 O Grupo Prisa assume oficialmente em novembro desse ano o estatuto de accionista principal do grupo Media Capital.
A TVI torna-se pela primeira vez líder absoluta de audiências no período chamado all-day (entre as 7h e as 2h30), tendo ultrapassado a SIC, após 10 anos de liderança consecutiva.
2008 No dia 7 de junho, obtém a sua maior audiência diária de sempre durante o jogo Portugal-Turquia, no Euro 2008.
2009 A TVI lança o seu canal de notícias para o cabo o TVI24, a 26 de fevereiro. José Eduardo Moniz sai da TVI.
2010 Início das emissões da TVI Internacional, a 30 de maio, com o objetivo de chegar à vasta comunidade portuguesa espalhada pelo o mundo, assim como, aos países de língua oficial portuguesa.
Início das emissões da TVI Direct, lançado a 4 de outubro, criada especificamente para a transmissão durante 24 horas por dia do reality show Secret Story - Casa dos Segredos.
A telenovela Meu Amor da TVI é a primeira portuguesa nomeada e vencedora dos Prémios Emmy Internacional, na categoria de Melhor Telenovela.
2011 José Fragoso, José Alberto Carvalho e Judite de Sousa, todos vindos da RTP, tornam-se respectivamente Director-Geral, Director de Informação e Directora-Adjunta de Informação da TVI.
A TVI e a Plural Entertainment inauguram a Cidade dos Sonhos na Quinta dos Melos.
2012 A TVI altera o seu slogan para "Juntos criamos a sua televisão" (numa campanha institucional especial da Media Capital).[8]
A 15 de outubro, lança o canal cabo TVI Ficção no MEO, dedicado exclusivamente à ficção nacional.
2013 A 25 de janeiro, lança o canal cabo +TVI, na NOS, dedicado ao entretenimento.
A 20 de fevereiro, a TVI celebra o seu 20.º aniversário.
2014 No dia do seu 21.º aniversário, muda o separador e muda ligeiramente seu logótipo. A Media Capital nomeia Bruno Santos como diretor de programas da TVI.
José Eduardo Moniz regressa à TVI como consultor de ficção.
2015 José Eduardo Moniz acumula mais funções e passa a prestar serviços de consultoria sobre toda a programação da TVI, excetuando na área de Informação.[9][10]
A 3 de junho, lança a nova plataforma digital TVI Player, com acesso a conteúdo em direto e on demand de todos os canais do universo TVI.[11]
A 3 de outubro, todos os canais do universo TVI passaram a transmitir no formato 16:9, abandonando o 4:3.[1][2] No mesmo dia, dá início à emissão dos canais TVI África e TVI Reality.[12][13]
A 15 de março começa a telenovela A Única Mulher que viria a ser uma das novelas com mais episódios da TVI, chegando a acabar em 2017, a razão foi o seu grande sucesso que marcou Portugal.
A 1 de dezembro, é encerrada a emissão do canal temático +TVI.[14]
2017 A a 20 de fevereiro a TVI dá uma radical mudança gráfica. Sendo assim, abandona o seu logótipo em esfera 16 anos depois e passa a ter como logótipo "TVI". O renovado estúdio de informação também entrou no dia em que se assinalou o 24.º aniversário, com a presença de Marcelo Rebelo de Sousa, atual Presidente da República e figura histórica do canal.[15] A 13 de Março estreia o Apanha se Puderes com a apresentação de Cristina Ferreira e Pedro Teixeira, um programa que rebentou em audiência e colocou a TVI na liderança ao Finais de Tarde
2018 A novela Ouro Verde da TVI é a terceira telenovela portuguesa (segunda da TVI) vencedora dos Prémios Emmy Internacional, na categoria de Melhor Telenovela.
2019 Em fevereiro foi o seu último mês de liderança após 150 meses de liderança consecutiva.
A 30 de Setembro, todos os canais do universo TVI emitidos em território nacional começaram a emitir em HD nativo.
2020 A 1 de Maio de 2020 o Grupo PRISA vende 30,22% da sua participação na empresa à Pluris Investments de Mário Ferreira ficando com 64,69%.
Em meados de Junho de 2020, as emissões do canal TVI África são interrompidas.
A 13 de Setembro de 2020 a TVI estreia um novo grafismo acompanhado do novo slogan "Está nas nossas vidas". A mudança aconteceu às 20h, no mesmo dia em que a informação é renovada, Cristina Ferreira volta à TVI e estreia Big Brother - A Revolução, com o regresso de Teresa Guilherme.
A 3 de Novembro o Grupo PRISA conclui a venda da participação dos restantes 64,69% da Media Capital, saindo da TVI depois de 15 anos como principal Acionista.
2021 O daytime da tvi muda completamente com a estreia dos programas Dois às 10 e Goucha substituindo o Você na TV! e a A Tarde É Sua, respetivamente.
No dia 12 de setembro, Com a estreia da oitava edição do Big Brother a TVI adquiriu nessa noite um total de 1.500.000 de espectadores.
A 31 de dezembro a tvi acaba o ano como líder do dia , na passagem de ano o Big brother foi líder com 1.100.000 espectadores, e também foi divulgado que a estação foi líder 31 dias de 2021.
2022 O canal começa o ano a liderar na ficção nacional com as novelas Festa É Festa e Quero É Viver

José Eduardo Moniz regressa ao cargo de Diretor-Geral da TVI.

Profissionais TVI[editar | editar código-fonte]

Apresentadores[editar | editar código-fonte]

Atuais[editar | editar código-fonte]

Apresentador Anos
Manuel Luís Goucha 1993
2002 - presente
Iva Domingues 2000 - 2018
2020 - presente
Cristina Ferreira 2002 - 2018
2020 - presente
Mónica Jardim 2004 - presente
Marisa Cruz 2004 - presente
Marta Cardoso 2010 - 2019
2022 - presente
Rita Pereira 2011 - presente
Nuno Eiró 2011 - 2016
2021 - presente
Pedro Teixeira 2014 - presente
João Montez 2014 - presente
Tatiana Figueiredo 2014 - presente
Santiago Lagoá 2015 - presente
Sérgio Ferreira 2015 - presente
Ruben Rua 2016 - presente
João Valentim 2016 - 2018
2020 - presente
Alice Alves 2017 - presente
Maria Cerqueira Gomes 2019 - presente
Isabel Figueira 2019 - presente
Luís Borges 2019 - presente
Ana Guiomar 2020
2022 - presente
Cláudio Ramos 2020 - presente
Mafalda de Castro 2020 - presente
Maria Botelho Moniz 2020 - presente
Rúben Vieira 2020 - presente
Sofia Ribeiro 2020 - presente
Helena Coelho 2020 - presente
Sofia Vasconcelos 2020 - presente
Sara Sousa Pinto 2021 - presente
Fanny Rodrigues 2021 - presente
José Lopes 2021 - presente
Ana Rita Clara 2021 - presente
David Carreira 2022 - presente

Antigos Apresentadores[editar | editar código-fonte]

Apresentador Anos
Júlio Isidro 1993 - 1997
Olga Cardoso 1993 - 1994
Margarida Reis 1993
Mila Ferreira 1993 - 1996
Rogério Samora 1993 - 1995
António Vaz Pinto 1993 - 1994
Carla Caldeira 1993
Rosa Lobato de Faria 1993
Bárbara Guimarães 1994 - 1997
João Baião 1994
Cristina Caras Lindas 1994 - 1997
1999 - 2001
Nuno Graciano 1994 - 1996
Rita Stock 1994 - 1995
Rita Ribeiro 1994 - 1995
Nunes Forte 1994
Paulo Matos 1994
Susana Santos 1994
Cristina Valente 1994
Julie Sergeant 1994
Adelaide de Sousa 1994
Maria de Lima 1994 - 1998
António Cordeiro 1994 - 1998
Carlos Cunha 1994
António Branco 1994 - 2003
2006 - 2007
Fernanda Mestrinho 1995 - 1996
Ana Zanatti 1996
Joaquim de Almeida 1996
Diogo Infante 1996
Clara Pinto Correia 1996
Paula Castelar 1998 - 2002
Pedro Miguel Ramos 1999 - 2005
Ana Paula Reis 1999 - 2000
Nuno Homem de Sá 1999 - 2000
João Melo 1999 - 2000
Cristina Möhler 1999 - 2000
2004
Sónia Brazão 1999 - 2000
Rute Marques 1999 - 2000
Teresa Guilherme 2000 - 2003
2011 - 2018
2020 - 2021
Carlos Ribeiro 2000 - 2006
2020
Luísa Castel-Branco 2000 - 2001
Fernanda Serrano 2000 - 2003
2012
2019 - 2020
Rita Seguro 2000 - 2010
Diogo Morgado 2000 - 2004
Paulo Salvador 2001
Ana Malhoa 2002
Sofia Alves 2002
Rita Salema 2002
Rui Vasco Neto 2002 - 2004
Júlia Pinheiro 2003 - 2010
Gisela Serrano 2003
Paulo Pires 2003
Leonor Poeiras 2003 - 2020
José Carlos Araújo 2004
Vanessa Oliveira 2004 - 2005
José Pedro Vasconcelos 2004 - 2010
José Castelo Branco 2005
João Kléber 2005 - 2008
2022
Manuel Melo 2006
2008
2012 - 2021
Carlos Afonso 2006
Liliana Aguiar 2007 - 2010
Raquel Matos Cruz 2007 - 2008
Jorge Kapinha 2008 - 2010
Andreia Teles 2008 - 2010
Joana Cruz 2008
Andreia Rodrigues 2008
Teresa Peres 2008
Pedro Fernandes 2008 - 2009
2019 - 2021
Alexandra Lencastre 2009
2013
2019
Herman José 2009
Pedro Granger 2009 - 2010
2019
Yoshi Amao 2009 - 2010
Fátima Lopes 2010 - 2021
Marcos Pinto 2011
João Paulo Rodrigues 2012 - 2013
João Mota 2012
Isabel Silva 2013 - 2021
Vera Fernandes 2013 - 2015
Olívia Ortiz 2013 - 2019
Pimpinha Jardim 2014 - 2022
Gustavo Santos 2014 - 2020
José Carlos Pereira 2015
Marta Andrino 2015 - 2019
Inês Gutierrez 2016 - 2022
Bruno Cabrerizo 2016 - 2017
Ljubomir Stanisic 2017 - 2020
Ana Lúcia Matos 2017 - 2020
Ana Sofia Martins 2017 - 2020
Adriano Toloza 2017 - 2018
Júlia Palha 2018 - 2019
Flávio Furtado 2019
Luana Piovani 2019
Marco Horácio 2020
Ana Arrebentinha 2021
Ana Garcia Martins 2022
Gilmário Vemba 2022

Jornalistas[editar | editar código-fonte]

Atuais[editar | editar código-fonte]

Jornalistas Anos
Lurdes Baeta 1993 - presente
Paulo Salvador 1994 - presente
Cristina Reyna 1995 - presente
José Gabriel Quaresma 1995 - presente
Pedro Carvalhas 1998 - presente
Conceição Queiroz 1999 - presente
Júlio Magalhães 2000 - 2011
2021 - presente
Raquel Matos Cruz 2000 - presente
Paulo Pereira 2000 - presente
José Carlos Araújo 2000 - presente
Miguel Fernandes 2000 - 2008
2016 - presente
Joaquim Sousa Martins 2003 - presente
Ana Sofia Cardoso 2004 - presente
Sílvia Martins 2004 - presente
Hugo Matias 2005 - presente
Rita Rodrigues 2009 - presente
Marcos Pinto 2009 - 2013
2014 - presente
Vítor Moura 2009 - presente
Maria João Rosa 2009 - presente
José Alberto Carvalho 2011 - presente
Pedro Santos Guerreiro 2011 - presente
João Póvoa Marinheiro 2015 - presente
Catarina Cardoso 2016 - presente
Andreia Palmeirim 2016 - presente
Francisco David Ferreira 2016 - presente
Sara Sousa Pinto 2018 - presente
José Eduardo Moniz 2019
2022 - presente
Catarina Canelas 2019 - presente
João Pedro Rodrigues 2019 - presente
Carla Rodrigues 2019 - presente
João Fernando Ramos 2020 - presente
Pedro Benevides 2020 - presente
Sara Pinto 2021- presente
Joaquim Franco 2021 - presente
Andreia Vale 2021 - presente
Carla Moita (sem informação)
Daniela Rodrigues
Laura Ravéra
Cátia Nobre 2022 - presente
Laura Figueiredo 2022 - presente
Pedro Filipe Silva 2022 - presente
Sandra Felgueiras 2022 - presente
Nuno Santos 2022 - presente
André Neto de Oliveira 2022 - presente

Antigos[editar | editar código-fonte]

Jornalistas Anos
Artur Albarran 1993 - 1996
Ana Lourenço 1994 - 2000
Clara de Sousa 1993 - 1996
Paula Magalhães 1993 - 2019
José Carlos Castro 1994 - 2012
Manuela Moura Guedes 1995 - 2009
Pedro Pinto 2000 - 2020
Henrique Garcia 2000 - 2018
Rute Cruz 2007 - 2008
Patrícia Matos 2007 - 2020
Cláudia Lopes 2009 - 2019
2020 - 2021
Judite de Sousa 2011 - 2019
2021 - 2022
Pedro Mourinho 2020 - 2022

Entretenimento[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Lista de talk shows da TVI

Ficção[editar | editar código-fonte]

Telenovelas Nacionais[editar | editar código-fonte]

Telenovelas Internacionais[editar | editar código-fonte]

Séries Nacionais[editar | editar código-fonte]

Minisséries Nacionais[editar | editar código-fonte]

Sitcoms Nacionais[editar | editar código-fonte]

Telefilmes Nacionais[editar | editar código-fonte]

Séries Internacionais[editar | editar código-fonte]

Informação[editar | editar código-fonte]

  • 1993-1994 - Artur Albarran[16]
  • 1993 - Referendo[17]
  • 1993-2002 - Última Edição
  • 1993-1995 - Informação 4
  • 1993-1998 - Quatro Ventos
  • 1994-1996 - Novo Jornal[18]
  • 1994 - Quatro Estações
  • 1995-1996 - Tempo Informação
  • 1994-1997 - Encontro
  • 1995-2003 - TVI Jornal[19]
  • 1997-2000 - Directo XXI
  • 2000-2003 - Diário Económico/Financial Times
  • 2000-2011 - Jornal Nacional
  • 2003-presente - Diário da Manhã
  • 2003-2013 - Meteorologia
  • 2003-presente - Jornal da Uma
  • 2003-2013 - TVI Negócios
  • Ocasional - Especial Informação / TVI Urgente
  • 2008 - InfoPraias
  • 2008-2009 - Jornal Nacional - 6ªFeira | com Manuela Moura Guedes
  • 2008-2009 - Cartas na Mesa | com Constança Cunha e Sá
  • 2010 - Reportagem TVI[20]
  • 2011-presente - Jornal das 8
  • 2011-2020 / 2021-presente - Repórter TVI[21]
  • 2019-2020 - Primeira Hora
  • 2021-Presente - Esta Manhã

Desporto[editar | editar código-fonte]

Programas[editar | editar código-fonte]

  • 1993 - Prolongamento
  • 1993-2002 - Contra Ataque
  • 1994-1997 - Fora de Jogo
  • 1996 - Em Resumo
  • 1996 - Primeira Fila
  • 2010-2011 - Contra-Ataque
  • 2010-2011 - Vamos à Bola
  • 2016-2017 - Futebol Mais
  • 2020 - Mais Transferências
  • 2021 - Diário do Euro 2020

Competições[editar | editar código-fonte]

Infanto-juvenil[editar | editar código-fonte]

  • 1992 - Circo Alegria[22]
  • 1993-1994 - A Casa do Tio Carlos[23]
  • 1994-1996 - Clube da Manhã[24]
  • 1994-1996 - Hora do Recreio
  • 1994-1998 - Vamos ao Circo
  • 1998-2002 | 2006 - Batatoon
  • 1999-2001 - Mix Max
  • 2000-2001 - Animax
  • 2000-2001 - Rita Catita[25]
  • 2002-2003 - Super Batatoon
  • 2002-2003 - Sempre a Abrir
  • 2012 - Kid Canal
  • 2012 - Os Mundos de Mia

Documentários[editar | editar código-fonte]

  • 2003 - Os Animais do Mundo
  • 2010-2017 - África Selvagem
  • 2011 - Ilhas dos Antípodas
  • 2021- 2022 - Vida Animal
  • 2021 - As Grandes Maravilhas do Mundo
  • 2022 - As Grandes Cidades do Mundo
  • 2022- presente - Os Novos Vets

Outros[editar | editar código-fonte]

Especiais TVI[editar | editar código-fonte]

Eventos e Emissões Especiais[editar | editar código-fonte]

Aniversários[editar | editar código-fonte]

  • 1994 - Gala 1.º Aniversário TVI
  • 1995 - 2.º Aniversário TVI[51] | com José Nuno Martins
  • 1999 - Batatoon - Especial Aniversário TVI
  • 2000 - Parabéns TVI[52] | com Cristina Caras Lindas, Carlos Ribeiro e Christina Möhler
  • 2002 - As Canções da Televisão - 9 Anos TVI[53]
  • 2003 - Gala TVI - 10 Anos
  • 2004 - Gala TVI - 11 Anos[54] | com Manuel Luís Goucha
  • 2005 - Apanhados TVI
  • 2006 - Você na TV! - Especial Aniversário
  • 2007 - Você na TV! - Especial Aniversário TVI
  • 2007 - Gala TVI - 14.º Aniversário
  • 2008 - Gala Aniversário - TVI 15 Anos
  • 2009 - Anos Felizes
  • 2010 - TVI 17º Aniversário
  • 2011 - Você na TV - Especial Aniversário
  • 2011 - A Tarde é Sua - Especial Aniversário
  • 2012 - Você na TV! - TVI 19 Anos
  • 2012 - A Tarde é Sua - TVI 19 Anos
  • 2013 - Parabéns TVI
  • 2013 - Gala TVI 20 Anos
  • 2014 - Parabéns TVI
  • 2015 - Parabéns TVI
  • 2016 - Parabéns TVI - 23° Aniversário TVI
  • 2017 - Parabéns TVI - 24 anos TVI
  • 2018 - Especial 25° Aniversário
  • 2019 - Especial 26° Aniversário TVI
  • 2021 - Parabéns, Portugal[55] - Especial 28.° Aniversário da TVI
  • 2022 - Gala Especial 29.° Aniversário da TVI
  • 2022 - Parabéns TVI 29.° Aniversário

Audiências[editar | editar código-fonte]

Globais[editar | editar código-fonte]

1993 1994 1995 1996 1997 1998 1999 2000 2001 2002
6,6%[56][ligação inativa] 14,7%[56] 13,8%[56] 12,3%[56] 12,1%[56] 13,1%[56] 17,4%[56] 20,8%[56] 31,9%[56] 31,4%[56]
2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013 2014
28,5%[56] 28,9%[56] 30,0%[56] 30,0%[56] 29,0%[56] 30,5%[56] 28,7%[56] 27,5%[56] 25,7%[57] 26,7%[57] 24,6%[58] 23,5%[59]
Ano Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro Média
2015 23%[60] 23%[61] 23,3%[62] 24%[63] 23,7%[64] 22,3%[65] 21,5%[66] 20,9%[67] 21,6%[68] 22,4%[69] 21,8%[70] 22,5%[71] 22,5%[71]
2016 22,4%[72] 22,5%[73] 22,4%[74] 22,3%[75] 22,6%[76] 20,7%[77] 20%[78] 20,1%[79] 21,4%[80] 21%[81] 20,5%[82] 20,9%[83] 21,5%
2017 22%[84] 21%[85] 21,8% 21,5%[86] 20,4%[87] 21,9% 20,5% [88] 18,9% [89] 20,5% [88] 20,4% [90] 21,5% [91] 20% 21,0% [92]
2018 21,2% [93] 21,1% [94] 21,0% [95] 20,6% [96] 20,1% 19,4% 20,1% 18,8% 19,5% 19,8% 19,5% 20% 20% (1°)
2019 19,0% 18,5% 18,0% 16,9%[97] 16,4%[98] 14,9%[99] 14,3%[100] 12,8%[101] 15,7%[102] 13,9%[103] 14,1%[104] 14,2%[105] 15,6%[106]
2020 13,9%[107] 14,2%[108] 13,3%[109] 13,8%[110] 14,5%[111] 14,6% 15,5%[112] 15,6%[113] 16,7%[114] 16,5%[115] 16,6%[116] 15,2%[117]
2021 16,8%[118] 17,5%[119] 17,8%[120] 17,5%[121] 17,2%[122] 17,3%[123] 16,2%[124] 16,4%[125] 17,4%[126] 16,7%[127] 16,4%[128] 15,7%[129] 16,9%[130]

Recordes[editar | editar código-fonte]

Logótipos da TVI[editar | editar código-fonte]

  • Fevereiro de 1993 - Fevereiro de 1995 - O primeiro logótipo da TVI era simplesmente um 4.(o canal se chama de tvi desde seu lançamento,mas na época o canal era mais conhecido como " a Quatro")
  • Fevereiro 1995 - Setembro de 1996 - A TVI lançou um novo logótipo com as letras do nome do canal. O "T" em azul, o "V" em verde e o "I" em vermelho.
  • Setembro de 1996 - Setembro de 2000 - A TVI lançou um novo logótipo. Uma esfera cinzenta com a letra "I", no centro, com várias cores.
  • Setembro de 2000 - Fevereiro 2014 - O logótipo estreou a 3 de setembro de 2000, sendo concebido em Portugal e desenvolvido nos EUA.Em 2013, a TVI renovou o logótipo de acordo com o seu 20.º aniversário.
  • Fevereiro 2014 - Fevereiro 2017 - No dia de aniversário a TVI em 2014, a TVI fez uma pequena mudança no seu logótipo,pouco significativa.
  • Fevereiro 2017 - Atualidade - No 24.° aniversário às 20h, a TVI altera por completo o grafismo e o logótipo do canal,acabando com a logo que usou durante 16 anos. Estreou as 20h, no início do jornal das 8 .

Slogans da TVI[editar | editar código-fonte]

  • 1999 - Setembro de 2000: Um universo de emoções.
  • Setembro de 2000 - Junho de 2012: Uma televisão feita por si.
  • Junho de 2012 - Setembro de 2020: Juntos, criamos a sua televisão. (campanha institucional especial da Media Capital)
  • Fevereiro de 2018 - Março de 2018: Juntos, celebramos a sua televisão. (25.º Aniversário)
  • Fevereiro de 2020: TVI 2020: a mudança começou.
  • Setembro de 2020 - Dezembro de 2020: Está nas nossas vidas.
  • Janeiro de 2021 - atualmente : Estamos aqui por si

Canais TVI[editar | editar código-fonte]

Atuais[editar | editar código-fonte]

Canal Descrição Slogan Fundação
TVI Canal generalista com programação variada disponível no cabo, satélite, ADSL e disponível também na TDT Portugal sempre na posição 4. É o canal base do grupo Media Capital com os concorrentes RTP1, RTP2 (canais públicos) e SIC (privado). Estamos aqui, por si 20 de fevereiro de 1993

(29 anos)

TVI Ficção Canal disponivel no MEO e NOS, dedicado exclusivamente à ficção nacional da TVI. A base da programação é a repetição de telenovelas, séries, sitcoms, telefilmes e mini-séries em português da TVI. Existiu também programação de entretenimento produzida exclusivamente para o canal. Onde vive a emoção 15 de outubro de 2012 (9 anos)
TVI Reality Canal inteiramente dedicado a reality shows (exclusivo da NOS desde 2015 até 2020, quando chega também à MEO). TODA A GENTE VÊ 3 de outubro de 2015 (6 anos)[132]
TVI Internacional Canal dedicado a transmitir os programas da TVI para as comunidades lusófonas espalhadas pelo mundo. A sua programação é composta por programas dos canais da TVI, tendo também alguns programas de produção própria. Está nas nossas vidas 30 de maio de 2010 (12 anos)

Descontinuados[editar | editar código-fonte]

  • +TVI - canal exclusivo da NOS dedicado ao entretenimento da TVI.
  • TVI Eventos e TVI Direct - canais temporários dedicados à transmissão em direto dos reality shows da TVI.[133][134]
  • TVI HD - canal exclusivo do MEO dedicado para a transmissão do Euro 2008 em alta definição.[135][136]
  • TVI África - canal generalista direcionado a Angola e Moçambique.[137]
  • TVI24 - canal de informação, que foi substituído pela CNN Portugal a 22 de novembro de 2021

Serviços da TVI[editar | editar código-fonte]

Serviço Descrição
TVI Online
A TVI criou o seu sítio oficial na Internet no ano de 1997, mas foi a partir do ano 2000 que passou a apostar mais nesta área. No ano de 2009 quando estreou o canal TVI24, renovou a sua página na Internet e juntamente com a TVI24 arrancou também o sítio do canal de notícias. Para além dos sítios da TVI e da TVI24, também a série juvenil Morangos com Açúcar tem a sua própria página na Internet. A TVI e a TVI24 têm também páginas nas redes sociais Facebook e Twitter.
TVI Player
A TVI lançou no início de 2015 uma plataforma digital que possibilita a visualização de conteúdo em direto e programação on demand de todos os canais do universo TVI em qualquer dispositivo, a qualquer altura e gratuitamente.
Aplicação para iPad
A TVI lançou no início de 2012 uma aplicação para iPad. Assistir em direto às emissões ou aceder à programação são duas das funcionalidades. A aplicação foi desenvolvida para potenciar a visualização dos conteúdos do canal neste dispositivo. A TVI24 também tem uma aplicação para iPad e iPhone.
TVI Teletexto
O Teletexto TVI dispões de um serviço noticioso, actualizado 24h/dia, todos os dias da semana. Permite encontrar informações sobre novelas, filmes e séries da TVI, incluindo a grelha de programação dos mesmos. Meteorologia, trânsito e cinema são também alguns dos serviços em oferta. Um guia de lazer, com variadas ideias para os espectadores, está também presente.

Referências

  1. a b «"Santa Bárbara" vai ser emitida em formato 16:9». Arquivado do original em 25 de setembro de 2015 
  2. a b «TVI inaugura 16:9 antes da SIC». Arquivado do original em 30 de setembro de 2015 
  3. «Jornalistas e comentadores da SIC 'atacam' negócio Cofina/TVI». ATelevisão 
  4. «Anacom aprova parecer sobre compra da TVI pela Cofina». Diário de Notícias. 6 de novembro de 2019. Consultado em 12 de novembro de 2019 
  5. «Trabalhadores da TVI protestam em Lisboa e no Porto contra a "incerteza"». Público. 18 de dezembro de 2019. Consultado em 15 de março de 2020. Cópia arquivada em 15 de março de 2020 
  6. «Cofina já não vai comprar a TVI». Expresso. 11 de março de 2020. Consultado em 15 de março de 2020. Cópia arquivada em 15 de março de 2020 
  7. a b Erro de citação: Etiqueta <ref> inválida; não foi fornecido texto para as refs de nome CM
  8. «Media Capital: campanha institucional arranca domingo». Correio da Manhã. 1 de Junho de 2012. Consultado em 1 de Junho de 2012 
  9. «José Eduardo Moniz assume cargo na direção de programas da TVI». Consultado em 8 de abril de 2015 
  10. «José Eduardo Moniz (re)entra na TVI praticamente com os mesmos poderes». Consultado em 8 de abril de 2015 
  11. «Já pode ver os canais TVI onde quer que esteja no mundo». Consultado em 6 de junho de 2015 
  12. «TVI lança novo canal temático». Consultado em 4 de outubro de 2015 
  13. «TVI lança canal exclusivo com a NOS para transmitir A Quinta». Consultado em 4 de outubro de 2015 
  14. «+TVI chega ao fim quase três anos depois de nascer». Consultado em 2 de novembro de 2015 
  15. Adiel Vinícius Branding (20 de fevereiro de 2017). «24 anos: TVI abandona o famoso I». 20 de fevereiro de 2017. Consultado em 21 de fevereiro de 2017 
  16. Artur Albarran - IMDb 
  17. Referendo (TV Series 1993) - IMDb 
  18. Novo Jornal (TV Series 1994–1996) - IMDb 
  19. TVI Jornal (TV Series 1995) - IMDb 
  20. «Reportagem TVI - TVI» 
  21. «Repórter TVI - TVI» 
  22. Circo Alegria (TV Series 1992) - IMDb 
  23. A Casa do Tio Carlos - IMDb 
  24. «Clube da Manhã - DESENHOS ANIMADOS-ANOS90» 
  25. Rita Catita (TV Series 2000–2001) - IMDb 
  26. «Um milhão de fiéis reza com a rádio e TV - Expresso» 
  27. «Oitavo Dia - TVI» 
  28. «Sociedada Ponto Verde - Separar Toca a Todos» (PDF) 
  29. «Ponto Verde - Separar Vai Colar estreia na TVI» 
  30. «Todos Iguais - TVI» 
  31. Apresentação Canal 4: TVI - IMDb 
  32. «Marchas Voltam à RTP - CM» 
  33. Meia Noite na TVI (1995) - IMDb 
  34. Viva 99 - Gala Ano Novo (1998) - IMDb 
  35. Elite Model Look 99 (1999) - IMDb 
  36. Noite de Estrelas - Gala de Natal TVI - IMDb 
  37. Actores de Palmo e Meio (2003) - IMDb 
  38. As Mais Belas Canções de Amor - IMDb 
  39. Especial Super Pai (2003) - IMDb 
  40. Q.I. - Quem é o Mais Inteligente? - IMDb 
  41. «Onda musical invade praia de Oeiras - JN» 
  42. «'Morangomania' na TVI - 2008 - DN» 
  43. «"Morangomania" este sábado na TVI! 2010» 
  44. «'Morangomania' regressa à praia - 2011 - DN» 
  45. «A Ajuda Não Pode Parar - NTV» 
  46. «TVI associa-se à campanha "Nunca Desistir": Missão Continente». TVI24 
  47. «Campanha 'Todos por Todos' angaria mais de 1.2 milhões de euros» 
  48. «O Futuro - TVI» 
  49. «Portugal na TVI - TVI» 
  50. «"Estamos aqui por si": TVI prepara emissão especial - CA Notícias» 
  51. 2º Aniversário TVI (1995) - IMDb 
  52. Parabéns TVI (2000) - IMDb 
  53. As Canções da Televisão - 9 Anos TVI - IMDb 
  54. Gala 11 Anos TVI - IMDb 
  55. «Parabéns, Portugal - TVI» 
  56. a b c d e f g h i j k l m n o p q r «Share de audiência dos canais generalistas, de acesso livre e de âmbito nacional». Consultado em 23 de janeiro de 2018 
  57. a b «Audiência Tv em 2011 e 2012». Consultado em 9 de setembro de 2015 
  58. «TVI líder incontestável pelo nono ano consecutivo». Consultado em 27 de agosto de 2015 
  59. «2014 – Liderança pelo décimo ano consecutivo». Consultado em 27 de agosto de 2015 
  60. «TVI entra em 2015 a liderar». Consultado em 27 de agosto de 2015 
  61. «TVI em fevereiro mantém liderança». Consultado em 27 de agosto de 2015 
  62. «Março - TVI lidera em mês de grandes estreias». Consultado em 27 de agosto de 2015 
  63. «Abril 2015 - TVI continua a ser a estação preferida dos portugueses». Consultado em 27 de agosto de 2015 
  64. «Maio 2015 - TVI lidera em todas as frentes». Consultado em 27 de agosto de 2015 
  65. «Junho 2015 – TVI continua na liderança». Consultado em 27 de agosto de 2015 
  66. «Os portugueses continuam a preferir a TVI.». Consultado em 27 de agosto de 2015 
  67. «Agosto confirma a liderança continuada da TVI». Consultado em 3 de setembro de 2015 
  68. «TVI - Liderança em setembro». Consultado em 8 de novembro de 2015 
  69. «Outubro 2015 – TVI mantém-se na liderança». Consultado em 8 de novembro de 2015 
  70. «Programação da TVI continua a liderar na televisão portuguesa - Mediacapital». www.mediacapital.pt. Consultado em 22 de dezembro de 2015 
  71. a b http://www.mediacapital.pt/p/493/article/4723/2015-tvi-lider-ha-11-anos-consecutivos/http://www.mediacapital.pt/p/493/article/4723/2015-tvi-lider-ha-11-anos-consecutivos/
  72. «Líder em janeiro - Mediacapital». www.mediacapital.pt. Consultado em 25 de março de 2015 
  73. «TVI festeja o seu 23º aniversário com consolidação da liderança absoluta - Mediacapital». www.mediacapital.pt. Consultado em 25 de março de 2015 
  74. «Março 2016: ficção da TVI arrebata o coração dos portugueses». Consultado em 4 de abril de 2016 
  75. «Audiências Abril» (PDF). Consultado em 11 de junho de 2016 
  76. «Maio 2016 - TVI mantém a liderança». Consultado em 11 de junho de 2016 
  77. «TVI - 12º ano consecutivo de liderança». Consultado em 9 de agosto de 2016 
  78. «Junho de 2016 - Em mês de EURO TVI mantém liderança». Consultado em 9 de agosto de 2016 
  79. «Oferta da TVI continua a liderar a preferência dos espectadores portugueses». Consultado em 3 de dezembro de 2016 
  80. «Estreias da TVI confirmam preferência dos portugueses». Consultado em 3 de dezembro de 2016 
  81. «Outubro de 2016 – A TVI continua a ser a estação líder». Consultado em 3 de dezembro de 2016 
  82. «124 meses de liderança». Consultado em 3 de dezembro de 2016 
  83. «Audiências Dezembro de 2016» (PDF). Consultado em 3 de fevereiro de 2017 
  84. «Janeiro de 2017 – Início do ano na lideranças». Consultado em 3 de fevereiro de 2017 
  85. «Audiências TV: Terminou fevereiro de 2017… Veja como ficaram as médias dos canais (Live + Vosdal)». Consultado em 8 de março de 2017 
  86. «Abril 2017 - Liderança incontestada». Consultado em 29 de maio de 2017 
  87. «Maio 2017 - TVI prossegue na Liderança». Consultado em 15 de junho de 2017 
  88. a b «> Audiências Setembro de 2017». Consultado em 15 de dezembro de 2017 
  89. «> Audiências Agosto de 2017». Consultado em 15 de dezembro de 2017 
  90. «> Audiências Outubro de 2017»  Texto "http://www.mediacapital.pt/p/493/article/4986/audiencias-outubro-2017/" ignorado (ajuda);
  91. http://www.mediacapital.pt/p/493/article/4998/audiencias-novembro-2017/
  92. http://binaries.cdn.impresa.pt/a36/64d/11702912/AUDIENCIAS-DEZ17.pdf
  93. http://www.zapping-tv.com/tvi-mantem-lideranca-no-mes-de-aniversario/
  94. http://www.zapping-tv.com/tvi-reforca-lideranca-das-audiencias-em-janeiro-de-2018-livevosdal/
  95. «Março de 2018: TVI encerra o 1º trimestre na liderança [Live+Vosdal] | Zapping». www.zapping-tv.com. Consultado em 27 de maio de 2018 
  96. «TVI: ABRIL 2018 – A LIDERANÇA MANTEM-SE INDISCUTÍVEL - Mediacapital». www.mediacapital.pt. Consultado em 27 de maio de 2018 
  97. [1]
  98. [2]
  99. [3]
  100. [citar web|https://www.jornaldenegocios.pt/empresas/media/detalhe/sic-soma-em-julho-sexto-mes-como-lider-de-audiencias?ref=Empresas_outros]
  101. [4]
  102. [5]
  103. [6]
  104. [7]
  105. [8]
  106. [9]/
  107. «As médias da RTP1, SIC e TVI em janeiro 2020» 
  108. «SIC bate máximo em fevereiro» 
  109. «Audiências disparam em março» 
  110. «SIC canal mais visto em Portugal» 
  111. https://www.zapping-tv.com/veja-como-ficaram-as-medias-da-rtp1-sic-e-tvi-em-maio-2020-live-vosdal/  Em falta ou vazio |título= (ajuda)
  112. «Médias da RTP1, SIC E TVI em Julho de 2020» 
  113. «Médias da RTP1, SIC E TVI em agosto de 2020» 
  114. «Médias da RTP1, SIC E TVI em Setembro de 2020» 
  115. «Médias da RTP1, SIC E TVI em Outubro de 2020» 
  116. «Médias da RTP1, SIC E TVI em Novembro de 2020» 
  117. «Quem ganhou nas audiências em 2020» 
  118. «Médias da RTP1, SIC E TVI em janeiro de 2021» 
  119. «Veja como ficaram as médias da RTP1, SIC e TVI em fevereiro 2021 [Live + Vosdal]» 
  120. «Veja como ficaram as médias da RTP1, SIC e TVI em março 2021 [Live + Vosdal]» 
  121. «Veja como ficaram as médias da RTP1, SIC e TVI em abril 2021 [Live + Vosdal]» 
  122. «Veja como ficaram as médias da RTP1, SIC e TVI em maio 2021 [Live + Vosdal]» 
  123. «Veja como ficaram as médias da RTP1, SIC e TVI em junho 2021 [Live + Vosdal]» 
  124. «Veja como ficaram as médias da RTP1, SIC e TVI em julho 2021 [Live + Vosdal]» 
  125. «Veja como ficaram as médias da RTP1, SIC e TVI em agosto 2021 [Live + Vosdal]». Zapping. 1 de setembro de 2021. Consultado em 17 de julho de 2022 
  126. «Veja como ficaram as médias da RTP1, SIC e TVI em setembro 2021 [Live + Vosdal]». Zapping. 1 de outubro de 2021. Consultado em 17 de julho de 2022 
  127. «Veja como ficaram as médias da RTP1, SIC e TVI em outubro 2021 [Live + Vosdal]». Zapping. 1 de novembro de 2021. Consultado em 17 de julho de 2022 
  128. «Veja como ficaram as médias da RTP1, SIC e TVI em novembro 2021 [Live + Vosdal]». Zapping. 1 de dezembro de 2021. Consultado em 17 de julho de 2022 
  129. «Veja como ficaram as médias da RTP1, SIC e TVI em dezembro 2021 [Live + Vosdal]». Zapping. 1 de janeiro de 2022. Consultado em 17 de julho de 2022 
  130. «RTP1, SIC ou TVI? Saiba quem ganhou nas audiências em 2021 [Live+Vosdal]». Zapping. 1 de janeiro de 2022. Consultado em 17 de julho de 2022 
  131. a b c Correspondem aos dados Live + Vosdal + TSV 7 dias, e que estão disponíveis no 9.º dia após o dia da emissão.
  132. http://www.atelevisao.com/tvi/canal-24h-da-quinta-sera-exclusivo-nos
  133. «Canal 'Casa dos Segredos' só para clientes Meo». Consultado em 22 de agosto de 2015. Arquivado do original em 23 de setembro de 2015 
  134. «O desafio do milénio». Consultado em 22 de agosto de 2015. Arquivado do original em 23 de setembro de 2015 
  135. «Dicas: ajuste do ecrã para melhorar a visualização do canal TVI HD (posição 7)». Consultado em 22 de agosto de 2015 
  136. «TVI e Sport TV garantem Euro 2008». Consultado em 22 de agosto de 2015. Arquivado do original em 23 de setembro de 2015 
  137. http://www.tvi24.iol.pt/tecnologia/novo-canal/tvi-africa-no-ar-a-3-de-outubro

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria com imagens e outros ficheiros sobre TVI