TV Bandeirantes Bahia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book-4.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo, o que compromete a verificabilidade (desde novembro de 2017). Por favor, insira mais referências no texto. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
TV Bandeirantes Bahia
Rádio e Televisão Bandeirantes da Bahia Ltda.
Salvador, Bahia
Brasil
Tipo Comercial
Canais Digital: 46 UHF
Virtual: 7 PSIP
Outros canais 07 e 507 HD NET
ver mais
Analógico:
7 VHF (1981-2017)
Sede Bandeira de Salvador.svg Salvador, BA
Rua Mãe Menininha do Gantois, 19-A - Federação
Slogan A família cresceu
Rede Rede Bandeirantes
Fundador João Jorge Saad
Pertence a Grupo Bandeirantes de Comunicação
Proprietário Johnny Saad
Antigo proprietário João Jorge Saad (1981-1999)
Presidente Johnny Saad
Fundação 11 de abril de 1981 (37 anos)
CNPJ 13.810.015/0001-67
Prefixo ZYA 297
Emissoras irmãs BandNews FM
Cobertura Estado da Bahia e Grande Aracaju
Coord. do transmissor 12° 59' 46.4" S 38° 30' 29" O
Potência 6 kW
Página oficial band.com.br/tv/bahia

TV Bandeirantes Bahia (mais conhecida como Band Bahia) é uma emissora de televisão brasileira sediada em Salvador, capital do estado da Bahia. Opera no canal 7 (46 UHF digital), e é uma emissora própria da Rede Bandeirantes. Transmite sua programação para todo estado, além de Aracaju, Sergipe, onde conta com uma retransmissora.

História[editar | editar código-fonte]

A Band Bahia foi fundada pelo Grupo Bandeirantes de Comunicação em 11 de abril de 1981, sendo a terceira emissora de televisão mais antiga do estado da Bahia.

No dia 18 de junho de 2008, a emissora inaugurou um news center que viabiliza gerar três programas simultaneamente, além de mudanças em alguns programas locais como o Jogo Aberto Bahia além do Bahia Urgente e o Boa Tarde Bahia (todos já extintos), e a troca de apresentadores.

Entre 2012 e 2013, a Band estreou os programas locais Brasil Urgente Bahia e Os Donos da Bola, capitaneado por Uziel Bueno e Juliana Guimarães com comentários de Dito Lopes, respectivamente. O Brasil Urgente saiu do ar em 2015, devido a crise financeira do Grupo Bandeirantes no mesmo ano.[1]

Em 21 de maio de 2018, a emissora voltou a investir na programação local com a estreia do Band Mulher, programa de variedades apresentado durante as tardes por Pâmela Lucciola.[2] Uma semana depois, em 28 de maio, reestreou a versão local do Brasil Urgente, marcando também o retorno de Uziel Bueno para a emissora.[3]

Sinal digital[editar | editar código-fonte]

Canal virtual Canal digital Proporção de tela Programação
7.1 46 UHF 1080i Programação principal da TV Bandeirantes Bahia / Band

A partir do dia 11 de junho de 2010 a emissora passou a transmitir em sinal digital pelo canal 46 UHF em caráter definitivo. Em junho de 2012, passou a ter toda sua programação produzida em alta definição.

Transição para o sinal digital

Com base no decreto federal de transição das emissoras de TV brasileiras do sinal analógico para o digital, a Band Bahia, bem como as outras emissoras de Salvador, cessou suas transmissões pelo canal 7 VHF em 27 de setembro de 2017, seguindo o cronograma oficial da ANATEL.[4]

Programação[editar | editar código-fonte]

Repórter da emissora em entrevista sobre o Vivadança Festival Internacional 2016

Além de retransmitir a programação nacional da Band, atualmente a Band Bahia produz e exibe os seguintes programas:

Diversos outros programas compuseram a grade da emissora e foram descontinuados:

  • Esporte Total Bahia
  • Jogo Aberto
  • Resenha

Retransmissoras[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Band Bahia extingue "Brasil Urgente" local e demite toda equipe». 2 de abril de 2015. Consultado em 11 de abril de 2017. 
  2. «Band Mulher estreia segunda-feira». Band.com.br. 17 de maio de 2018. Consultado em 19 de julho de 2018. 
  3. Vaquer, Gabriel (18 de maio de 2018). «Bahia: Band voltará com versão local do Brasil Urgente e Uziel Bueno é recontratado por canal». Observatório da Televisão. Consultado em 19 de julho de 2018. 
  4. «Desligamento do sinal analógico é adiado em MG, BA, CE e SP; confira novo cronograma». G1. 30 de maio de 2017. Consultado em 31 de maio de 2017. 

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Televisão no Brasil é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.