TV Bandeirantes Mais

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book-4.svg
Esta página cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde julho de 2018). Ajude a inserir referências. Conteúdo não verificável poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
TV Bandeirantes Mais
Rádio e TV Bandeirantes de Campinas Ltda.
Campinas, São Paulo
Brasil
Tipo Comercial
Canais Digital: 16 UHF
Virtual: 4 PSIP
Outros canais ver mais
17 / 517 HD (Claro TV)
13 / 513 HD (Vivo TV)
Analógico:
15 UHF (1990-2018)
Sede Flag of Campinas.svg Campinas, SP
Slogan O nosso jeito Band de ser, mais
Rede Rede Bandeirantes
Fundador João Jorge Saad
Pertence a Grupo Bandeirantes de Comunicação
Proprietário Johnny Saad
Antigo proprietário João Jorge Saad (1990-1999)
Presidente Johnny Saad
Fundação 1990 (29 anos)
Prefixo ZYB 889
Nome(s) anteriore(s) TV Bandeirantes Campinas (1990-2019)
Emissoras irmãs
Cobertura Grande Campinas e áreas próximas
Coord. do transmissor 22° 56' 28.8" S 47° 1' 56.5" O
Potência 1 kW
Agência reguladora ANATEL
Informação de licença
CDB
PDF
Página oficial bandmulti.com.br

TV Bandeirantes Mais (também conhecida como Band Mais) é uma emissora de televisão brasileira sediada em Campinas, cidade do estado de São Paulo. Opera no canal 4 (16 UHF digital) e é uma emissora própria da Rede Bandeirantes.

História[editar | editar código-fonte]

Sede da emissora no Jardim São Gabriel, em 2009

O Grupo Bandeirantes de Comunicação possui atuação em Campinas desde a década de 1950, quando a Rádio Educadora (hoje Rádio Bandeirantes Campinas) foi adquirida por João Jorge Saad. Em 1975, a TV Bandeirantes São Paulo, que estava em processo de expansão para se tornar uma rede nacional implanta uma retransmissora no município, até que em 1990 é instalada a geradora da TV Bandeirantes Campinas, pelo canal 15 UHF.[1]

Inicialmente, a emissora retransmitia toda a programação gerada pela Rede Bandeirantes, e apenas inseria comerciais locais. Somente em julho de 1993 os primeiros programas locais começaram a ser produzidos, em parceria com a produtora Telecine, e pela falta de condições técnicas, eram todos gravados. Em meados dos anos 90, a parceria foi rompida e a Band Campinas passou a produzir por conta própria os seus programas, após construir novos estúdios no bairro do Castelo, onde já funcionavam seu departamento comercial e seus transmissores desde 1990.[1]

Em 2003, foi inaugurado o Complexo João Jorge Saad no bairro Jardim São Gabriel, reunindo a emissora e as rádios mantidas pelo Grupo Bandeirantes em Campinas, e com isso, a Band Campinas passava a produzir seus programas locais ao vivo.[1]

Em 1.º de setembro de 2019, a Band Campinas passou a se chamar Band Mais, o que segundo a direção da emissora, simboliza sua atuação além da região de Campinas, em mais de 60 cidades do interior paulista.[2]

Sinal digital[editar | editar código-fonte]

Canal virtual Canal digital Resolução de tela Programação
4.1 16 UHF 1080i Programação principal da Band Mais / Band
Transição para o sinal digital

Com base no decreto federal de transição das emissoras de TV brasileiras do sinal analógico para o digital, a então Band Campinas, bem como as outras emissoras de Campinas, cessou suas transmissões pelo canal 15 UHF no dia 17 de janeiro de 2018, seguindo o cronograma oficial da ANATEL.[3]

Programas[editar | editar código-fonte]

  • #Informei Campinas
  • Acontece
  • Band Cidade
  • Bastidores do Poder
  • Entrevista Coletiva
  • Jogo Aberto Regional
  • Muito +
  • Mundo Empresarial
  • Pet Camp no Ar
  • Pop Station
  • Tendências e Atualidades
  • No Povo do Mundo

Diversos outros programas compuseram a grade da emissora e foram descontinuados:

  • Band Motor
  • Band Revista
  • Band Sudeste
  • Boa Tarde Regional
  • Bolsa do Automóvel de Campinas
  • Encarte
  • Entre Elas
  • Esporte Total Regional
  • Jornal da Hora
  • Telecidade
  • Terra Nativa Regional
  • Brasil Urgente Campinas

Retransmissoras[editar | editar código-fonte]

Lista de retransmissoras
Cidade Canal Cidade Canal Cidade Canal Cidade Canal
Águas da Prata 04 (16) Águas de Lindoia 24 Amparo 04 (16) Araras 04 (16)
Atibaia 04 (21) Bragança Paulista 04 (21) Capivari 04 (15) Casa Branca 04 (18)
Espírito Santo do Pinhal 04 (16) Itapetininga 34 (17) Itapira 04 (15) Itatiba 04 (16)
Itu 04 (16) Jundiaí 04 (16) Leme 04 (16) Limeira 04 (16)
Lindoia 46 Mogi Guaçu 04 (16) Monte Alegre do Sul 15 Morungaba 16
Pedreira 04 (16) Piracicaba 15 (15) Porto Feliz 04 (16) Rio Claro 04 (16)
Salto 04 (16) Santa Bárbara d'Oeste 04 (16) Santa Cruz das Palmeiras 18 Santa Maria da Serra 04 (17)
Santo Antônio do Jardim 04 (16) São João da Boa Vista 04 (16) São Pedro 04 (16) Serra Negra 04 (15)
Socorro 04 (16) Sorocaba 30 (19) Tatuí 43 (23) Tietê 04 (16)
Valinhos 04 (16) Vargem Grande do Sul 04 (16) Votorantim 23

Referências

  1. a b c Carmo-Roldão, Ivete Cardoso do (2009). «TVs Regionais em Campinas: 30 anos de história» (PDF). UFRGS. Consultado em 24 de fevereiro de 2019 
  2. «BAND Campinas agora é BAND Mais». EDS. Consultado em 4 de setembro de 2019 
  3. «Desligamento do sinal analógico em três regiões de SP começa amanhã (29/11)». ANATEL. 28 de novembro de 2017. Consultado em 28 de novembro de 2017 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Televisão no Brasil é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.