TV Caravelas

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de TV Caravelas (Ipatinga))
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
TV Caravelas
Fundação Amigos do Vale do Aço
Logotipo atual da emissora
Logotipo atual da emissora
Tipo Canal de televisão comunitário e público
País  Brasil
Fundação 10 de agosto de 2009 (9 anos)
Pertence a Fundação Amigos do Vale do Aço
Presidente Marcos Constâncio
Cidade de origem Bandeira Ipatinga.gif Ipatinga, MG
Sede Bandeira Ipatinga.gif Ipatinga, MG

Rua Serra Negra, 65, Jardim Panorama

Estúdios Bandeira Ipatinga.gif Ipatinga, MG

Rua Serra Negra, 65, Jardim Panorama

Slogan "Descobrindo um novo jeito de fazer televisão"
Formato de vídeo
Cobertura Vale do Aço
Página oficial https://www.tvcaravelas.com.br
Disponibilidade por satélite
ASTRO
Canal 11
Disponibilidade por cabo
NET
Canal 6

TV Caravelas é um canal digital de caráter comunitário e público, com sede no município brasileiro de Ipatinga, pertence a FAVI- Fundação Amigos do Vale do Aço, estreou no dia 10 de agosto de 2009 inaugurando a televisão comunitária no Vale do Aço e no Leste Mineiro. A inicial proposta do canal foi conter programação 100% composta de produções de caráter público sem fundo comercial, alguns programas regionais são transmitidos na TV Caravelas.[1] É transmitida em sinal aberto, 24 horas todos os dias, por assinatura no canal 06 da NET e no canal 11 da Astro, ambos digitais.

História[editar | editar código-fonte]

Criação do nome "TV Caravelas"[editar | editar código-fonte]

Marcos Constâncio, o fundador estava com um desejo, construir uma emissora de televisão logo lembrou do descobrimento do Brasil. Cabral veio nas três caravelas, Santa Maria, Pinta e Nina[2], aí surge o nome, TV CARAVELAS, descobrindo um novo jeito de fazer televisão, com o seu slogan que é utilizado atualmente.[3]

Licenciamento da "ANATEL"[editar | editar código-fonte]

No dia 10 de agosto de 2009 a licença de que a emissora poderia transmitir sua programação normalmente, após o processo que decidiria a continuidade da emissora. Sozinhos sem apoio de políticos do município, do estado e federal. Apesar da Fundação ser reconhecida como utilidade pública, nada até hoje conseguiram, documentos e processos já foram colocados na tentativa de conseguir verbas para equipar a TV.[4]

Verbas públicas[editar | editar código-fonte]

Após incentivos culturais de empresas que apoiam a iniciativa da emissora. Os fundadores juntamente com os colaboradores conseguiram estabelecer a melhoria do sinal da emissora, e o implantamento da emissora para operar através do sinal digital. Melhorias nos estúdios da emissora e de suas dependências.

Slogans[editar | editar código-fonte]

O slogan mais utilizado da TV Caravelas é: "Descobrindo um novo jeito de fazer televisão", mas é utilizado opcionalmente em vinhetas longas e de caráter nacional o slogan: "A primeira e única TV comunitária do leste de Minas".

Logotipo[editar | editar código-fonte]

O Logotipo da TV Caravelas é formado por três triângulos tridimensionais representado as três Caravelas na época do descobrimento do Brasil, e flecha colorida representando a eficiência e a digitalização da TV Caravelas.

Fundadores[editar | editar código-fonte]

Antônio Queiroga[editar | editar código-fonte]

Falecido, foi Filósofo, Ex- Diretor Administrativo da Fundação FAVI, elaborou toda a linha editoral da Tv Caravelas, planejou e atuou diretamente em importantes projetos sociais e culturais coordenados pela Fundação FAVI e exibidos na Tv Caravelas.

Vinicius Queiroga[editar | editar código-fonte]

Autodidata nas áreas de eletrônica e telecomunicações, atuou nas principais emissoras de Rádio e Televisão do Vale do Aço, participando na montagem e implantação da Tv Cultura Vale do Aço. Fez parte também da equipe de engenharia e manutenção das Rádios Vanguarda, Eldorado (atualmente Grande Vale FM), Rádio Galáxia FM (Hoje, Nativa FM), Tv dos Vales (afiliada Rede Record) e InterTv dos Vales (afiliada Rede Globo). No momento que recebeu o convite para implantar o primeiro canal de Tv Comunitário do Leste de Minas, a Tv Caravelas, definiu assim, o desafio: "O que faz a gente ser grande é não perder o futuro de vista, é chegar a um porto, fincar a bandeira da conquista e nesse mesmo instante buscar outros portos. É criar desafios, calcular riscos, avançando sempre, porque, a grande aventura é viver, e a vida, assim como as ondas, tem um jeito diferente de se repetir, de prometer descobertas e abrigar todos os tipos de sonhos e embarcações. O que faz a gente ser grande é ser como o mar, incansável na sua procura pela onda perfeita, até descobrir que a perfeição está na própria busca".

Programação[editar | editar código-fonte]

A programação da TV Caravelas se destaca por ter um conteúdo em alta definição, além de programas do interesse da comunidade em geral, programas em todas as faixas de idade, cujo em sua maioria podem ser vistos por todos os públicos. Grande parte da programação da emissora e focado em entrevistas e jornalismo.

Informativo TV Caravelas[editar | editar código-fonte]

Jornalismo leve, dinâmico, com destaque para as principais notícias da região é apresentado de segunda a sexta-feira por Giuvana Pires.

Clip Show[editar | editar código-fonte]

Exibe todos os tipos de vídeoclips, dando preferência a decisão itinerante dos telespectadores.

Fé e vida[editar | editar código-fonte]

Programa com intuito religioso, destinado para a Igreja Católica. Estudos bíblicos sobre a doutrina da Igreja, é apresentado por Luis Carlos .

Missa e bênçãos[editar | editar código-fonte]

Fé, Louvor e Adoração, com a procissão do Santíssimo Sacramento, transmitida AO VIVO. Todas as sextas-feiras às 19 horas e 30 minutos.

Comunidade na TV[editar | editar código-fonte]

Programa com debates e entrevistas com objetivo de oferecer prestação de serviço a todos os moradores de Ipatinga e do Vale do Aço.

Terra e Viola[editar | editar código-fonte]

Apresenta as músicas sertanejas contemporâneas e cultura popular mineira.

Zig Zag[editar | editar código-fonte]

Programa infantil com a exibição de desenhos animados para todo os telespectadores da TV Caravelas que sejam menores de 18 anos.

Conversa Fiada[editar | editar código-fonte]

Várias entrevistas dinâmicas, quadros de interesse aos cidadãos do Vale do Aço.

Objetivos da emissora[editar | editar código-fonte]

a) programar, planejar, realizar e divulgar projetos sociais de interesses da comunidade da região, em especial aqueles voltados para as pessoas idosas, crianças, grupos de mães, portadores de deficiências físicas, população de baixa renda, etc.;

b) criar, manter e administrar atividades e programas de serviços à cultura e a educação, através de canais próprios de radiodifusão cultural e educacional, sem finalidades comerciais, tendo como objetivo prioritário os interesses comunitários, especialmente aqueles citados na letra anterior;

c) programar e executar serviços especiais de retransmissão ou distribuição de sinais de rádio e ou televisão em regime simultâneo ou misto, atendendo os objetivos de implantação de serviços comunitários informativos e de programas de interesse da comunidade;

d) executar serviços de radiodifusão de sons e imagens, com fins educativos e ou culturais;

e) promover iniciativas e campanhas de cunho social-beneficente com a colaboração de entidades de programação e assistência social;

f) fundar, manter e ou administrar entidades, obras de serviços, centro de cultura, museus, bibliotecas e centros de lazer, incentivando a expansão da cultura, artes e educação;

g) fundar, administrar e manter creches, bem como cursos e escolas de todos os graus e, ainda, instituir e conceder bolsas de estudos e estágios;

h) instituir cursos de formação profissional nas diversas áreas da radiodifusão, utilizando-se das instalações da Fundação ou de terceiros;

i) patrocinar e divulgar eventos culturais, como exposições, festivais de artes, espetáculos teatrais, de dança, de música, de ópera, de circo e atividades congêneres, visando sempre a manutenção dos valores culturais da região;

j) preservar o folclore e as tradições populares da região, bem como patrocinar as manifestações culturais e folclóricas sem fins lucrativos;

k) estabelecer contratos com emissoras de radiodifusão com o propósito de produzir programas culturais informativos e educativos;

l) criar, redigir e imprimir revistas, livros e jornais para o apoio e divulgação de suas atividades e incentivar as artes gráficas em geral;

m) estimular e apoiar pesquisas, planos e projetos em toda as áreas de conhecimento e da cultura; como fotografia, artesanato, artes plásticas e ciências;

n) prestar serviços a terceiros, sempre tendo em vista os objetivos e finalidades da Fundação;

o) produzir, vender e distribuir livros, cadernos, revistas, monografias, filmes, vídeo e áudio-cassetes, discos e teses que versem sobre cultura, educação, desporto e ação comunitária;

p) apoiar, patrocinar e promover as atividades esportivas ou de diversão ligadas ao interesse comunitário e a divulgação dos valores regionais;

q) patrocinar e colaborar com a preservação do patrimônio histórico, artístico, paisagístico, cultural e ecológico da região;

r) atuar na área de tecnologia, telecomunicações e informática, trabalhando na implementação de softwares livres, serviços no geral, treinamento, inclusão digital e cidade digital, bem como na área de segurança em redes públicas de prefeituras, secretarias e governo;

s) implementar, dar suporte e treinar profissionais de órgãos públicos, secretárias e governo dentro da área de tecnologia, telecomunicações e informática;

t) prestar serviços na área de captação de recursos frente ao Governo Federal para órgãos públicos.


Referências

  1. Constâncio, Marcos (15 de fevereiro de 2016). «Atuação da FAVI e da TV Caravelas no vale do Aço». Favi. Consultado em 30 de janeiro de 2017. 
  2. Constâncio, Marcos (2 de agosto de 2010). «O surgimento da TV Caravelas». Fundação Amigos do Vale do Aço. Consultado em 12 de junho de 2018. 
  3. Constâncio, Marcos (2 de janeiro de 2018). «O surgimento do slogan e da FAVI». Fundação Amigos do Vale do Aço. Consultado em 7 de março de 2018. 
  4. Queironga, Vinicíus (12 de agosto de 2009). «Lincenciamento da Anatel». TV Caravelas. Consultado em 12 de junho de 2018. 
Ícone de esboço Este artigo sobre Televisão no Brasil é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.