Taberna (Roma Antiga)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Uma taberna onde se serviam refeições. No painel por cima do balcão estavam representados ovos, azeitonas, frutas e rabanetes.

No contexto da Roma Antiga, uma taberna (plural tabernae) era uma loja, geralmente situada em mercados cobertos. Cada taberna possuía uma única divisão, uma entrada de grande dimensão e uma abertura no teto que permitia a passagem para um sótão de madeira destinado ao armazenamento de produtos. Podia albergar diversas atividades económicas, entre as quais a venda de refeições, vinho e pão.[1]

Referências

  1. J. A. Crook, Andrew Linott, Elizabeth Rawson, ed. (1994). Cambridge Ancient History. IX The Last Age of the Roman Republic 146-43 B.C. 2ª ed. [S.l.: s.n.] pp. 656–688