Taw

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Shin               Taw               Ṯāʾ
Fenício Hebraico Aramaico Siríaco Árabe
Taw ת Taw ܬ ت
Derivação
alfabética
Grego Latim Cirílico
Τ T Т
Representação fônica: t (also θ, s)
Posição no alfabeto: 22
Valor (Gematria) numérico: 400
Alfabeto fenício
(ca. 1050–200 a.C)
𐤀    𐤁    𐤂    𐤃    𐤄    𐤅
𐤆    𐤇    𐤈    𐤉    𐤊    𐤋
𐤌    𐤍    𐤎    𐤏    𐤐
𐤑    𐤒    𐤓    𐤔    𐤕
Semitico abjads · Genealogia
Alfabeto hebraico
(400 a.C–presente)
א    ב    ג    ד    ה    ו
ז    ח    ט    י    כך
ל    מם    נן    ס    ע    פף
צץ    ק    ר    ש    ת
História · Transliteração
Niqqud · Dagesh · Guematria
Cantilação · Numeração
Alfabeto siríaco
(200 a.C–presente)
ܐ    ܒ    ܓ    ܕ    ܗ    ܘ
ܙ    ܚ    ܛ    ܝ    ܟܟ    ܠ
ܡܡ    ܢܢ    ܣ    ܥ    ܦ
ܨ    ܩ    ܪ    ܫ    ܬ
Alfabeto árabe
(400 d.C–presente)
ا    ب    ت    ث    ج    ح
خ    د    ذ    ر    ز    س
ش    ص    ض    ط    ظ    ع
غ    ف    ق    ك    ل
م    ن    ه    و    ي
História · Transliteração
Diacriticos · Hamza ء
Numerais · Numeração

Taw ou Tav, Raf (ת), é a vigésima-segunda e última letra de vários abjads semíticos, assim como o do alfabeto árabe e o 'ʾtaw do alfabeto fenício.[1]

Taw é uma letra fenícia. O Tav deu origem a letra grega tau e a letra T latina.

Referências

  1. hebraicopro. «Alefbet». Consultado em 3 de fevereiro de 2017 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre linguística ou um linguista é um esboço relacionado ao Projeto Ciências Sociais. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.