Team Aguri

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Team Aguri
Informações gerais
Nome completo Team Aguri Formula E Team
Base Tóquio, Japão
Chefe de equipe Aguri Suzuki
Mark Preston
Categoria(s) anterior(es) Fórmula E
Nome posterior Techeetah
Pilotos
Motor McLaren
Chassis Spark SRT01-e
Pneu Michelin
Fórmula E
Estreia ePrix de Pequim de 2014
Corridas concluídas 21
Campeã de equipes 0
Campeã de pilotos 0
Vitórias 1
Pole Positions 0
Volta mais rápida 1
Última corrida ePrix de Londres de 2016
Posição no último campeonato (2015–16) 8° lugar (32 pontos)

A Team Aguri, anteriormente Amlin Aguri e oficialmente Team Aguri Formula E Team, foi uma equipe internacional de automobilismo fundada pelo ex-piloto Aguri Suzuki (presidente executivo) e Mark Preston (chefe de equipe) para competir na Fórmula E. A equipe era sediada em Tóquio, no Japão e, tinha uma parceria técnica com a McLaren. No final da temporada de 2015–16, a equipe foi vendida para a China Media Capital e renomeada para Techeetah.[1]

História[editar | editar código-fonte]

A Team Aguri foi criada por Suzuki e Preston, que criaram a equipe Super Aguri F1 em apenas 100 dias, que competiu na Fórmula 1 entre 2006 e 2008. Em 1 de novembro de 2013, a Team Aguri chegou a um acordo com a FIA para se tornar a sexta de dez equipes que se inscreveram para disputar a temporada inaugural da Fórmula E, categoria para carros movidos exclusivamente a energia elétrica iniciada em 2014.[2]

Resultados[editar | editar código-fonte]

(legenda) (resultados em negrito indicam pole position; resultados em itálico indicam volta mais rápida)

Temporada Nome Chassis Trem de força Pneus N.° Pilotos 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 Pontos Class.
2014–15 Japão Amlin Aguri Spark SRT01-e SRT01-e[nota 1] M PEQ PUT PDE BUE MIA LBH MON BER MSC LON 66
55 Japão Takuma Sato Ret
Portugal António Félix da Costa 8 Ret 1 6 7 9 11 7
Japão Sakon Yamamoto Ret Ret
77 Reino Unido Katherine Legge 15 15
México Salvador Durán 16 DSQ 10 Ret Ret* 16 6 17 8
2015–16 Japão Team Aguri Spark SRT01-e SRT01-e[nota 2] M PEQ PUT PDE BNA MEX LBH PAR BER LON 32
55 Portugal António Félix da Costa Ret 6 6 Ret Ret Ret 8 6 11
Alemanha René Rast NC
77 França Nathanaël Berthon 8 15 14
México Salvador Durán Ret 15 14
China Ma Qing Hua Ret 14 11 12
2016–17: Techeetah

Notas[editar | editar código-fonte]

  1. Na temporada inaugural, todas as equipes receberam um trem de força idêntico da McLaren.
  2. A equipe optou por voltar ao motor anterior fornecido pela McLaren usado na temporada inaugural.[3]

Referências

  1. «Team Aguri concludes Chinese takeover deal». Motorsport.com. Consultado em 8 de outubro de 2017 
  2. «Super Aguri joins FIA Formula E Championship as sixth team». FIA FormulaE. 1 de novembro de 2013. Consultado em 22 de janeiro de 2018 
  3. Biesbrouck, Tim (8 de julho de 2015). «Exclusive: Team Aguri's Mark Preston on season two and beyond». Electric Autosport. Formula Blue Media. Consultado em 30 de agosto de 2019 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Sítio oficial (em inglês)

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Team Aguri