Telenovelas da Telemundo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
In translation icon.png
Este artigo ou se(c)ção possui partes em língua estrangeira.
Ajude e colabore com a tradução.
Logotipo de Telemundo aparece em cada uma das telenovelas.

A produção de telenovelas em Miami começou com a telenovela de Telemundo Angélica, minha vida em 1988. Nesse então, Telemundo Network tinha dado fim a quase trinta anos de produção de telenovelas nacionais em Porto Rico e a empresa moveu sua indústria de produção de telenovelas a Miami, com o produtor e escritor de telenovelas Ángel do Cerro a cargo dela.[1] Muito cedo seu collega José Enrique Crousillat com sua empresa Capitalvision International Corporation e em associação com Televisão Espanhola tomada as riendas de produção de telenovelas em Telemundo Miami, criando histórias como O magnata, Corrente calcinha, Marielena e Guadalupe. Ángel do Cerro regressa a Porto Rico onde fecha definitivamente a produção de telenovelas com Natalia, Três destinos e Senhora tentación.[2] Por outra parte, em 1994 José Enrique Crousillat une-se a Televisa.

Ainda que a produção de telenovelas de Telemundo nos anos noventa começou muito bem, em verdadeiro momento, de repente, tudo parou. Depois teve várias alianças de curto prazo com outras empresa como Ou'Farrill e Sócios no peñón do amaranto, Fonovideo Productions em Aguamarina e Rubicon Entertainment em Me morro por ti, mas nesse tempo Telemundo principalmente transmitia telenovelas de outras empresas como RCTV, RTI Colômbia, Rede Globo, entre outras.[3]

Foi em 2001 quando Telemundo se associou com duas grandes casas produtoras: Argos Comunicação e RTI Colômbia. Argos Comunicação terminou a aliança que tinha com Televisão Azteca para começar uma com Telemundo.[4] Entre 2001 e 2007 juntos produjernon Cara ou coroa, Daniela, Ladrão de corações, A alma ferida, Gitanas, Os plateados, Coração partido e Marinha. RTI Colômbia estendeu a aliança que desde 1999 já tinha com Caracol Televisão a Telemundo.[5] Mediante este convênio produziram-se Amantes do deserto, Luzbel está de visita, A vingança e Paixão de gavilanes a cargo de RTI e Sofía dá-me tempo e Ángel de guarda-a, minha doce companhia a cargo de Caracol. Em 2004, Caracol abandonou o convênio, mas seguiu programando a maioria de produções de RTI e Telemundo. Em 2002, Telemundo tentou formar outra aliança com Rede Globo. A aliança durou pouco, juntos produziram só uma telenovela: Vale tudo.

Com as alianças a produção de telenovelas de Telemundo pouco a pouco estendeu-se, mas as telenovelas em associação com Argos gravavam-se em México, as em associação com RTI e Caracol em Colômbia e a em associação com Rede Globo em Brasil. Não foi até 2003, quando parte dos produtores de RTI Colômbia encabeçados por Aurelio Valcárcel Carroll chegaram a Miami, que se formaram Telemundo-RTI Estudos em Miami.[6] A primeira produção foi Amor descarado e seguiram-na Prisioneira, Anita, não te rajes!, O corpo do desejo, Terra de paixões e A viúva de Blanco. Paralelamente em Colômbia, RTI encabeçado por Hugo León Ferrer produzia as telenovelas Vou ensinar-te a querer, A mulher no espelho, A Tormenta e Amores de mercado. Em 2005, Telemundo também produziu A lei do silêncio em Dallas, em aliança com FremantleMedia Latin America, e Te amar assim em Argentina, em aliança com Promofilm.[7]

Em 2007, a aliança entre Telemundo e Argos terminou-se, coisa que resultou na aumentación de conteúdos de RTI Colômbia e Telemundo-RTI Estudos.[8] Também, Telemundo começou ter arranjos com Televisa e Sony Pictures Television.[9][10] Por isso em Colômbia grabarón O Zorro, a espada e a rosa, Victoria, Doña Bárbara e posteriormente O clon e A rainha do sul. Ademais, Telemundo-RTI Estudos muda de nome em Telemundo Estudos Miami e entre 2007 e 2011 produziram Dá-me chocolate, Pecados alheios, O rosto de Analía, Mais sabe o diabo, Cão amor, O fantasma de Elena, Aurora e Meu coração faz questão de Lola Vulcão. Em Colômbia tinha várias linhas de produção o que permitiu que entre 2007 e 2012 se desenvolvem muitas telenovelas, incluindo: Sem vergonha, Mãe Lua, A traição, Sem seios não há paraíso, Victorinos, Meninos ricos, pobres pais, A deusa coroada, Os herdeiros do Monte e a última Flor selvagem. Sem o apoio de Argos, Telemundo tentou produzir telenovelas em México por sua própria conta, criando Telemundo Estudos México.[11] Em 2008 ali produziram só O juramento e em parte Sem seios não há paraíso.

Com os anos Telemundo Estudos Miami fortaleceu e em 2010 aumentou seus conteúdos empurrando de certa forma as produções de RTI Colômbia. Começaram a gravar telenovelas de suspenso, mistério e crime, entre elas: Onde está Elisa?, Alguém te olha, A casa da o lado e posteriormente O rosto da vingança e Santa diabla. Em mesmo tempo RTI gravava as telenovelas Bela calamidades e Olho por olho, mas pelo momento, Telemundo decidiu não as transmitir. Em 2011, Telemundo gravou a telenovela Amar de novo em México com Promofilm México. O convênio que durou dez anos entre Telemundo Estudos Miami e RTI Colômbia, agora desde 2011 RTI Produções, se terminou em 2012. As duas casas produtoras tomaram diferentes camninos: Telemundo Estudos Miami novamente associou-se com Argos Comunicação e RTI Produções com Televisa e Univision Communications, entre outros.[12][13]

Dantes do regresso das telenovelas de Argos, por um breve tempo Telemundo pela primeira vez estendeu a produção de Telemundo Estudos Miami a três horários. Pela ruptura com RTI, alguns produtores do desaparecido canal venezuelano RCTV, encabeçados por Carmen Cecilia Urbaneja incorporaram-se a Telemundo Estudos Miami. Desde 2011-2012 e actualmente Telemundo produz telenovelas em Flórida e em México e é encabeçado por:

  • Joshua Mintz - vice-presidente executivo de programação de ficção e gerente geral de Telemundo Estudos,[14]
    • Aurelio Valcárcel Carroll - ex vice-presidente executivo de produção em Miami (2011-2014),
    • Martha Godoy - vice-presidente de produção em México (2012-hoje),
    • Carmen Cecilia Urbaneja - vice-presidente de produção em Miami (2013-hoje),
    • David Posada - vice-presidente de produção em Miami (2014-hoje) e
      • vários produtores executivos de Telemundo e Argos (Marcela Mejía, José Gerardo Guillén, Jairo Arcila Murillo, Ana Graciela Ugalde, Gemma Lombardi Ortín, Daniel Camhi, Araceli Sánchez Marechal e Mariana Iskandarani, entre outros) que trabalham por projecto.

Desde então a hoje em Miami produziram: Uma maid em Manhattan, Relações perigosas, Coração valente, Paixão proibida, Marido em aluguer, Dama e operário, Em outra pele, Rainha de corações, Terra de reis, Baixo o mesmo céu, etc. Paralelamente, em México com Argos produziram: Rosa diamante, A patroa, A impostora, Os miseráveis, etc. Com A rainha do sul Telemundo começou a produção de telenovelas baseadas em factos reais. Argos e o novo sócio Campanario Entertainment produzem esse género.[15] O Senhor dos Céus, Camelia a Texana, O Senhor dos Céus, segunda temporada, Senhora Aço, O Senhor dos Céus, terceira temporada e Senhora Aço, segunda temporada são as histórias recém produzidas. Com Donos do paraíso surgiu uma nova aliança de Telemundo Estudos Miami e TVN e com Celia surgiu outra aliança de Telemundo Estudos Miami com Fox Telecolombia

Lista de telenovelas e séries[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Época dorada de las telenovelas en Puerto Rico» (em español). Consultado em 19 de Março de 2018. Arquivado do original em 22 de Outubro de 2014  !CS1 manut: Língua não reconhecida (link)
  2. «Televisión Estrellada» (em español)  !CS1 manut: Língua não reconhecida (link)
  3. «Telenovela brasileña "El Clon" arrasa en la TV hispana de EE.UU.» (em español)  !CS1 manut: Língua não reconhecida (link)
  4. «Telemundo y Argos se alían para la producción de contenidos» (em español)  !CS1 manut: Língua não reconhecida (link)
  5. «Colombia: RTI, Caracol associate with Telemundo for TV production» (em inglés). Consultado em 19 de Março de 2018. Arquivado do original em 21 de Abril de 2016  !CS1 manut: Língua não reconhecida (link)
  6. «Debut of Broad-targeted Amor Descarado Pleases Telemundo Executives» (em inglés)  !CS1 manut: Língua não reconhecida (link)
  7. «Telemundo Launches Telenovela in HDTV» (em inglés)  !CS1 manut: Língua não reconhecida (link)
  8. «Telemundo estrecha su alianza con RTI Colombia» (em español)  !CS1 manut: Língua não reconhecida (link)
  9. «Lanzan telenovela "El Zorro: la espada y la rosa" de Telemundo-Sony» (em español)  !CS1 manut: Língua não reconhecida (link)
  10. «Telemundo y Televisa llegan a un acuerdo» (em español)  !CS1 manut: Língua não reconhecida (link)
  11. «Telemundo launches "El Juramento"» (em inglés)  !CS1 manut: Língua não reconhecida (link)
  12. «Con "Rosa diamante" buscan crear un puente» (em español)  !CS1 manut: Língua não reconhecida (link)
  13. «Univisión fortalace sus alianzas y convierte a Telefutura en UniMás» (em español)  !CS1 manut: Língua não reconhecida (link)
  14. «Joshua Mintz Named Senior Executive Vice President, Telemundo Entertainment» (em inglés)  !CS1 manut: Língua não reconhecida (link)
  15. «Campanario Entertainment, Argos Television and Telemundo Network Present Their New Super Series, Camelia la Texana» (em inglés)  !CS1 manut: Língua não reconhecida (link)