Teleton (Brasil)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Teleton Brasil)
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde outubro de 2015). Por favor, adicione mais referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Ambox rewrite.svg
Esta página precisa ser reciclada de acordo com o livro de estilo (desde outubro de 2015).
Sinta-se livre para editá-la para que esta possa atingir um nível de qualidade superior.
Teleton
Teleton
Teleton (PT)
Informação geral
Formato Programa de auditório
Duração De 26 a 28 horas mais
Criador(es) Hebe Camargo
Silvio Santos
Décio Goldfarb
Clóvis Scripilliti
País de origem Estados Unidos
Idioma original Português
Produção
Diretor(es) Michael Ukstin
Apresentador(es) Silvio Santos (1998-presente)
Hebe Camargo (1998-2011)
Daniel (-2012)
ver mais
Tema de abertura Fazer o Bem é Bom - Victor & Leo
Tema de
encerramento
Fazer o Bem é Bom - Victor & Leo
Exibição
Emissora de
televisão original
SBT Retransmissão o Sinal TV Cultura (1999 - presente
Rede Gazeta (2011)
RBTV (2011, 2012)
Formato de exibição 480i (SDTV)
1080i (HDTV)
Transmissão original 16 de maio de 1998 (17 anos) - presente
N.º de temporadas 18
N.º de episódios 18
Cronologia
Programas relacionados Criança Esperança

Teleton é uma maratona televisiva brasileira anualmente exibida pelo SBT, Retransmissão o Sinal da TV Cultura, Rede Brasil de Televisão, Fox Life, Rede Jovem Pan, Rede Transamérica, UOL, O canal do Teleton Brasil através do Youtube, o Canal Sony, O canal Nickelodeon (Este, parcialmente),[1] em prol da Associação de Assistência à Criança Deficiente (AACD). A emissora cede, a cada ano, sempre por volta do mês de novembro e final de outubro cerca de 27 horas de sua programação.[2]

AACD[editar | editar código-fonte]

A Associação de Assistência à Criança Deficiente é uma entidade privada, sem fins lucrativos, que trabalha há mais de 62 anos pelo bem-estar de pessoas com deficiência física. Ela nasceu do sonho de um médico que queria criar no Brasil um centro de reabilitação com a mesma qualidade dos centros que conhecia no exterior, para tratar crianças e adolescentes com deficiências físicas e reinseri-los na sociedade. Foi pensando nisso que o Dr. Renato da Costa Bomfim reuniu um grupo de idealistas e, no ano de 1950, fundou a AACD.

No começo, a entidade funcionava em dois sobrados alugados na Rua Barão de Piracicaba, na cidade de São Paulo. Mas graças à colaboração dos primeiros doadores, a AACD pôde fundar seu primeiro centro de reabilitação num terreno doado pela Prefeitura, na rua Ascendino Reis.

Há mais de uma década, a AACD realiza o Teleton, que todo ano reúne artistas, apresentadores e personalidades numa maratona televisiva em busca de doações, hoje graças as arrecadações anuais do Teleton, a AACD tem mais de 10 unidades espalhadas por todo o país totalizando mais de 6.400 atendimentos diários.[3]

A entidade realiza desde 1998 a campanha Teleton, que é atualmente sua principal fonte de renda, e graças aos recursos arrecadados pela campanha, a AACD pode continuar oferecendo atendimento de qualidade gratuitamente.

Início da Campanha[editar | editar código-fonte]

O Telethon (Television Marathon) é uma marca internacional que surgiu nos estados Unidos (EUA) em 1966, idealizado por Jerry Lewis que, ao tratar do seu filho deficiente físico, percebia que nem todas as pessoas com deficiência tinham a mesma condição financeira para garantir um atendento. Com este objetivo e inspirado em seu prestígio profissional, Lewis criou o Telethon, uma plataforma de sustentabilidade que consiste na convocação de diversos canais de comunicação para divulgar a causa e gerar recursos para o tratamento e reabilitação aos deficientes carentes. Hoje, o Telethon foi transformado num modelo de captação de recursos, que é realizado, com sucesso, em diversos países em todo mundo. Nos países que falam espanhol a maratona chama-se Teletón, nos países que falam português Teleton e em outros países se diferencia como na Itália e França em que o nome é igual ao dos EUA, ou em Israel em que o nome é Teletron [4]

Campanha no Brasil[editar | editar código-fonte]

No Brasil, o primeiro Teleton ocorreu em 16 de maio de 1998 no SBT, a pedido da apresentadora Hebe Camargo ao dono do SBT, Silvio Santos, que aceitou transmitir a maratona televisiva em sua emissora, em parceria com outras emissoras abertas.

Silvio Santos cede o espaço da programação de sua emissora, que é parceira da AACD há 18 anos.

Com o objetivo de levantar recursos para o tratamento e reabilitação de pacientes atendidos nas unidades da AACD (Associação de Assistência à Criança Deficiente). Em sua primeira edição, o projeto arrecadou R$ 14.855.000,00 que foram utilizados para a construção de uma nova unidade da AACD em Recife (PE) e na reforma da unidade da Mooca, em São Paulo.

Todos os anos, durante a exibição do Teleton, o SBT tem uma programação especial totalmente voltada ao projeto. Em suas 26 horas, reportagens especiais sobre o trabalho feito pela a AACD, prestações de contas, artistas renomados e atrações musicais são apresentadas ao público diretamente dos estúdios do SBT no Complexo Anhanguera, ao vivo, para todo o Brasil. Entre 1998 e 2002, o Teleton era exibido das 22h da sexta até a 0h do domingo. Desde 2003, ele é exibido entre 22h30min da sexta até a 0h do sábado e desde de 2005 a maratona termina por volta da 01h da manhã de domingo. Na edição de 2008, a maratona foi interrompida pela primeira vez em dez anos para a exibição da telenovela Pantanal.

O Teleton também é transmitido pela TV Cultura, Rede Brasil de Televisão, Rede Transamérica, portal UOL e YouTube juntos em uma rede em nome da (AACD). Outras emissoras como RedeTV!, MTV Brasil Gazeta e a Rede Bandeirantes já transmitiram outras edições da campanha. A partir de 2012 o blog Tecnologia em Geral começa a transmitir o evento ao vivo.

História[editar | editar código-fonte]

1998[editar | editar código-fonte]

Às 21h do dia 16 de maio de 1998, Silvio Santos, aparentemente nervoso, deu início ao primeiro Teleton brasileiro, onde o tema musical foi a música "Depende de Nós", cantada na voz de Fafá de Belém. Esta foi uma grande festa que arrecadou, até as 0h e 30min do dia 18, um total de mais de R$14 milhões. Divertindo, entretendo e conscientizando a população, a programação alcançou picos de audiência de 12 pontos, sendo líder em muitos momentos.

Participaram do Teleton 1998 vários artistas, cantores, grupos musicais e personalidades de todas as emissoras do país e de todos os gêneros musicais. Estiveram presentes Adriane Galisteu, Astrid Fontenelle, Carlos Alberto de Nóbrega, Celso Portiolli, Chiquititas, Edgard Piccoli, Eliana, Gugu Liberato, Hebe Camargo, Jackeline Petkovic, Luciano Huck, Márcia Goldschmidt, Marília Gabriela, Moacyr Franco, Ney Gonçalves Dias, Renato Aragão, Ronald Golias, Serginho Groisman, Xuxa, entre outros.

Entre as atrações musicais, estiveram presentes: Agnaldo Timóteo, Alcione, Barão Vermelho, Charlie Brown Jr., Chitãozinho e Xororó, Daniel, Daniela Mercury, Deborah Blando, Fafá de Belém, Gabriel O Pensador, Zezé di Camargo & Luciano, Sandy e Júnior, Negritude Júnior, entre outros. Uma das atrações mais esperadas pelos telespectadores, e uma das de mais sucesso também, foi a de Roberto Carlos, que fez sua participação direto da cidade de Manaus.

Ainda no Gol Show Especial, apresentado por Silvio Santos, a meta de R$9 milhões foi atingida e todo o dinheiro foi investido na construção do Centro de Reabilitação de Recife, em Pernambuco, e outro montante na reestruturação e ampliação da Unidade Mooca, em São Paulo. O aumento da capacidade de atendimento diário cresceu.

O primeiro Teleton, provou que vinha para ficar e ganhou a credibilidade necessária para se estabelecer como umas das maiores festividades beneficentes do país: arrecadou quase o triplo de verbas do "Criança Esperança" de 1997.

1999[editar | editar código-fonte]

Na busca de repetir o mesmo sucesso do ano anterior e dar continuidade à construção de novos Centros de Reabilitação para atender a uma demanda crescente, a AACD, reiterando sua parceria vitoriosa com o SBT, promoveu entre os dias 17 e 18 de setembro de 1999 o segundo Teleton brasileiro.

Desta vez, no entanto, a maratona foi gerada a partir dos estúdios da TV Cultura, sendo que outras emissoras e rádios de todo o país entraram com flashes e reportagens ao vivo em suas grades de programação. Sílvio Santos e Hebe Camargo foram novamente os apresentadores.

Seguindo a fórmula do programa anterior, dezenas de artistas, músicos e celebridades deram sua contribuição ao evento. Estiveram presentes Adriane Galisteu, Amanda Françozo, Amaury Jr, Ana Furtado, Astrid Fontenelle, Beto Carrero, Cacá Rosset, Carla Perez, Celso Zucatelli, Chiquititas, Claudete Troiano, Dercy Gonçalves, Edgard Piccoli, Eliana, Gilberto Barros, Gugu Liberato, Hebe Camargo, Jackeline Petkovic, João Kleber, Lorena Calábria, Marcelo Tas, Márcia Goldschmidt, Moacyr Franco, Nair Belo, Otaviano Costa, Otávio Mesquita, Ratinho, Raul Gil, Ronald Golias, Ronnie Von, Sérgio Malandro, Silvia Poppovic, Sônia Lima, Wagner Montes, entre outros.

Entre as atrações musicais, estiveram presentes: Ana Carolina, Arnaldo Antunes, Art Popular, Capital Inicial, Crystian e Ralf, Daniel, Fábio Jr, Fafá de Belém, Família Lima, Jair Rodrigues, Latino, Lenine, Los Hermanos, Maurício Maniere, Grupo Molejo, Mulekada, Os Travessos, Pepê e Neném, Rick e Renner, Roberta Miranda, Sampa Crew, Sandra de Sá, Sérgio Reis, Só Pra Contrariar, entre outros.

O segundo Teleton teve 24 horas de transmissão ininterrupta, e foram arrecadados mais de R$9 milhões. Os recursos foram aplicados na construção do Centro da AACD Porto Alegre - Rio Grande do Sul.Arrecadou um pouco mais que R$9,1 milhões de reais

2000[editar | editar código-fonte]

Hebe Camargo conheceu a causa da AACD e encorajou Silvio Santos a ceder parte da programação do SBT

O terceiro Teleton foi ao ar na noite de 1 de setembro de 2000, transmitido diretamente da moderna casa de espetáculos Via Funchal, em São Paulo, até a 1h do dia 3. Sob o comando de Sílvio Santos, e tendo Hebe Camargo e o cantor Daniel como padrinhos da maratona, o Teleton ficou no ar 27 horas e arrecadou pouco mais de R$ 10 milhões.

Seguindo a fórmula dos anos anteriores, dezenas de artistas, músicos e celebridades deram sua contribuição ao evento. Estiveram presentes Adriane Galisteu, Amanda Françozo, Astrid Fontenelle, Cátia Fonseca, Carla Perez, Celso Portiolli, Chris Couto, Christina Rocha, Dercy Gonçalves, Didi Wagner, Fernanda Lima, Gilberto Barros, Gugu Liberato, Ione Borges, Jackeline Petkovic, Jairo Bouer, Leão Lobo, Lolita Rodrigues, Márcia Goldschmidt, Marina Person, Monique Evans, Nair Belo, Olga Bongiovani, Otaviano Costa, Sarah Oliveira, Serginho Groisman, Soninha, Zé Luiz, Turma do Disney Cruj, entre outros.

Entre as atrações musicais, estiveram presentes: Adryana e a Rapaziada, Bom Balanço, Capital Inicial, Claudinho e Buchecha, Cleiton e Camargo, César e Paulinho, Exaltasamba, Fafá de Belém, Fat Family, Frank Aguiar, Guilherme e Santiago, Ira, Ivan Lins, Jair Rodrigues, Karametade, Luciana Mello, Maurício Manieri, Mulekada, Negritude Jr., Pepê e Neném, Reginaldo Rossi, Rick e Renner, SNZ, entre outros.

Nesse ano aconteceram inovações, como quadros novos na programação, além de um grande leilão na internet de objetos que foram doados. Entre os quadros, destaca-se o "Faça tudo pelo Teleton", que foi gravado na Av. Pacaembu, em São Paulo, e contou com as presenças dos atores Raul Gazola e Luciana Vendramini. Outro belo quadro foi a "Mini Paraolimpíada", com Alexandre Frota, Otávio Mesquita, Pepê e Neném.

O show atingiu a sua meta de R$9.000.002 e arrecadou R$10.226.000. Toda a verba recolhida com as doações foi utilizada para a construção do Centro de Reabilitação de Uberlândia, em Minas Gerais, com capacidade para realizar de 450 a 500 atendimentos por dia e para a manutenção de toda a estrutura da AACD, agora com 5 centros de reabilitação.

2001[editar | editar código-fonte]

A quarta edição do Teleton ficou no ar das 21h do dia 26 até as 1h e 20min do dia 28 de outubro. A maratona, liderada por Silvio Santos, começou com um musical da cantora Fafá de Belém. Em seguida, o apresentador Carlos Alberto de Nóbrega e os padrinhos da festa, Hebe Camargo e o cantor Daniel, assumiram o comando da maratona.

Logo na noite de sexta, foi apresentado o Show do Milhão Especial Celebridades, sob o comando de Silvio Santos e contando com a participação de artistas como Gilberto Barros, Paulo Henrique Amorim, Eliana, Luciana Gimenez, Luciano do Valle, Sergio Mallandro, Silvia Poppovic, Flavio Prado, Netinho de Paula, Nelson Rubens, Datena e Ione Borges.

Após o “Show do Milhão Celebridades”, já durante a madrugada, foram exibidos vários programas especiais. O Alô Teleton, contou com depoimentos de Jussara Freire e Falcão, que passaram um dia vivendo como deficientes físicos para mostrar as dificuldades com que lidam. Por mais um ano, a MTV marcou presença no Teleton com o programa Erótica Teleton, apresentado por Tathiana Mancini e Jairo Bouer.

No sábado de manhã, a programação foi totalmente dedicada para as crianças, a apresentadora Jackeline Petkovic comandou a maratona a partir das 08h. Ancorado por Marina Person e Tadeu Jungle, o Teleclipton exibiu videoclipes de personagens falando sobre prevenção de acidentes. Sob o comando dos apresentadores Babi Xavier e Marcos Mion, o programa Boca no Trombone discutiu a condição do deficiente físico no Brasil.

Hebe Camargo, Gugu Liberato e Ratinho, foram os únicos a se apresentarem ao vivo. A dama da TV foi a primeira a entrar, às 13h, logo após A Praça é Nossa Especial. No especial Hall da Fama, Hebe teve como convidados as duplas Rick e Renner e Bruno e Marrone, a cantora Roberta Miranda e a banda SNZ. Gugu Liberato entrou no palco por volta das 16h com o Programa do Gugu. Daniela Mercury, Wanessa Camargo e Chitãozinho e Xororó foram os convidados.

O Programa do Ratinho, ao vivo, começou às 18h com Amado Batista, Cleiton & Camargo, Erasmo Carlos e Agnaldo Timóteo. Comandada por Celso Portiolli, Maria Cândida e Luís Ricardo, a Batalha dos Artistas foi uma das principais atrações do Teleton em 2001. Uma divertida gincana entre homens e mulheres, que reuniu famosos como Matheus Carrieri, Sidney Magal, Vavá, Jacaré, Sheila Mello, Ratinho, Gilberto Barros, Adriane Galisteu, Marcos Mion, Tiririca, entre outros.

O Show de Talentos foi transmitido às 21h do sábado, com personalidades exibindo talentos diferentes dos conhecidos e, às 23h45, encerramento com Hebe Camargo, Gilberto Gil e Silvio Santos. O Teleton ficou no ar 28 horas e arrecadou pouco mais de R$ 12 milhões. A verba foi utilizada na manutenção dos 5 Centros de Reabilitação já em funcionamento na modernização da Oficina Ortopédica e na construção de um novo prédio com ambulatórios e a unidade escolar.

Entre as atrações musicais, estiveram presentes: Adryana e a Rapaziada, Alcione, Belo, Christyan e Ralf, Exaltasamba, Fat Family, Frank Aguiar, Gabriel O Pensador, Joanna, KLB, Kleiton & Camargo, Luciana Mello, Marlon e Maicon, Os Travessos, Roupa Nova, Tihuana, Vavá e Zezé Di Camargo & Luciano

2002[editar | editar código-fonte]

A 5ª edição do Teleton foi realizada entre os dias 08 e 09 de novembro de 2002, sendo transmitido simultaneamente pelo SBT e pelo Canal 607 da DIRECTV, com sinal aberto para todas as emissoras brasileiras, que quisessem transmitir a maratona. A maratona, liderada por Silvio Santos, começou com um musical da cantora Fafá de Belém. Em seguida, os padrinhos da festa, Hebe Camargo e o cantor Daniel, assumiram o comando da maratona.

Logo na noite de sexta, foi apresentado o Show do Milhão Especial com Personalidades, sob o comando de Silvio Santos. Participaram do game os políticos Marcelo Crivela, Eduardo Suplicy e Paulo Maluf. Aos jornalistas Lilian Witte Fibe, Hermano Henning e Márcia Peltier coube o papel de universitários.

Seguindo a fórmula dos anos anteriores, dezenas de artistas, músicos e celebridades deram sua contribuição ao evento. Estiveram presentes Gugu Liberato, Ratinho, Carlos Alberto de Nóbrega, Dercy Gonçalves, Sônia Abrão, Marília Gabriela, Marina Person, Silvia Poppovic, Luciano Amaral, Jackeline Petkovic, entre outros.

Entre as atrações musicais, estiveram presentes: Adryana e a Rapaziada, Alexandre Pires, Art Popular, Bruno e Marrone, Chitãozinho e Xororó, Daniela Mercury, Luiza Possi, Fábio Junior, Simone, Os Travessos, Patrícia Coelho, Deborah Blando, Guto e Nando, É o Tchan, Balão Mágico, Trem da Alegria, Mulekada, Pedro e Thiago, Roberta Miranda, Falamansa, Gian e Giovani, Frank Aguiar, Guilherme e Santiago, Martinho da Vila, Maurício Manieri, entre outros.

Durante a madrugada de sábado, 09 de novembro, a programação foi voltada para as causas do portador de deficiência física, dando enfoque especial aos programas que tratam de Acessibilidade, Reabilitação, Inclusão, Ensino e Mercado de Trabalho.

Apresentado no final da tarde e início da noite de sábado, pelo apresentador Celso Portiolli, a Batalha dos Artistas, mostrou uma disputa entre artistas em diversas modalidades. Participaram da disputa Adriane Galisteu, Analice Nicolau, André Gonçalves, Cynthia Benini, Luciana Gimenez, Sheila Mello, Scheila Carvalho, Suzana Alves, Joana Prado, José Luiz Datena, Ronald Golias, Daniella Cicarelli, Jorge Lafond, Otávio Mesquita, Helen Ganzarolli, Syang, Sabrina Parlatore, Ellen Roche, entre outros.

No Show de Talentos, comandado por Silvio Santos, os artistas mostraram novos talentos, além daqueles que todos já conhecem. Entre os artistas que participaram estavam Daniel, Mário Velloso, Sylvinha Araújo, Zezé Di Camargo, Silvia Poppovic, Eri Johnson, KLB, Ratinho, Dudu Nobre, Elba Ramalho e Jair Rodrigues

2003[editar | editar código-fonte]

O ano de 2003, foi considerado um ano conturbado na economia Nacional, porém as esperanças da Nação foram renovadas com a posse de Luís Inácio Lula da Silva na Presidência da Republica. A 6ª edição do Teleton, foi exibida nos dias 3 e 4 de outubro. O programa teve início por volta das 21h da sexta-feira, dia 3 de outubro, com a interpretação do Hino Nacional pela cantora Fafá de Belém. A apresentadora Hebe Camargo, madrinha do Teleton, deu início à programação com a participação e o ritmo de Ivete Sangalo.

Outro destaque da programação da madrugada foi o Teen Balada, comandado por Daniela Cicarelli e Cazé Peçanha. Os dois promoveram um programa de entrevistas com médicos e pacientes que comentaram um pouco sobre a situação do deficiente durante a adolescência. Temas como namoro e sexo foram abordados esclarecendo dúvidas da plateia. As reportagens que tratam de temas cotidianos do deficiente físico trouxeram à pauta assuntos como mercado de trabalho, ensino, reabilitação, entre outros.

Pela ala infantil, a apresentadora Cinthya Raquel (ex-Castelo Rá-Tim-Bum) recebeu Dani Boy, Galera do Balão, Trem da Alegria, grupo Dó Ré Mi e quadros de circo. O grupo Rouge fez uma apresentação especial ao lado de Luiza Possi e também disputou uma prova com os meninos do KLB e Vavá.

Na programação de sábado, dia 4 de outubro, as atrações ficaram por conta de Ratinho e Gugu Liberato, que chamaram ao palco artistas e famosos para estimular as doações. Entre as atrações musicais, estiveram presentes: Alcione, Bruno e Marrone, Maurício Manieri, Chitãozinho & Xororó, Patrícia Coelho, Frank Aguiar, Sérgio Reis, Roberta Miranda, Daniela Mercury, Elba Ramalho, Guilherme e Santiago, Luciana Mello, Rick e Renner, entre outros.

A programação, ainda contou com uma edição especial do programa Curtindo uma Viagem comandado por Celso Portiolli, que colocou frente a frente apresentadores do SBT e da Record. Representando o SBT, Carlos Alberto de Nóbrega e sua mulher, Andrea Nóbrega, Ronald Golias, Moacyr Franco e Gorete Milagres, enfrentaram o time da Record, formado por Adriane Galisteu, Milton Neves, Otaviano Costa, Claudete Troiano e Fernanda Fernandes.

Silvio Santos trouxe o Show do Milhão Especial, com a presença do presidente da Petrobrás, José Eduardo Dutra, e convidados como Ziraldo, Deborah Colker, Daniele Hipólito, Cacá Bueno, Klever Kolberg, Teuda Bara, Carmen Luz, Meg Mourão, Rico de Souza, Guy Marcovaldi, Sergio Mamberti e Vovô Ilê Ayê.

A meta de R$ 15 milhões do Teleton 2003 foi alcançada após muito sufoco. Dez dias depois da maratona, na noite do dia 13 de outubro, a emissora de Silvio Santos levou ao ar um programa 'Hebe Especial' com a presença de Ivete Sangalo, Fábio Junior, Padre Marcelo Rossi e Daniel.

2004[editar | editar código-fonte]

Para não repetir o sufoco da última edição, foi feita uma das maiores mobilizações do Teleton já feitas no Brasil até então. Meses antes, ainda no “Casa dos Artistas 4 – Protagonista de Novela”, Silvio Santos já pedia que o público juntasse 5, 10 centavos por dia para ter os R$5 no dia do programa.

Cinco meses de trabalho envolvendo 2.200 voluntários, parceiros e colaboradores, cheios de energia para atender a meta estipulada para o Teleton 2004, valeram a pena. Foram 2.784.565 ligações, desde de 8 de novembro, quando a apresentadora Hebe Camargo deu início à campanha. Durante o Teleton, o presidente voluntário da AACD, Dr. Alex Maluf, e sua esposa, Cita, não se continham de tanta alegria. "Realizamos mais de 5000 atendimentos por dia. É gratificante ver tantas pessoas reunidas por um ideal", disse o presidente. A cantora Ivete Sangalo se tornou Embaixadora da AACD e do Teleton de 2004 até 2008.

Seguindo a fórmula dos anos anteriores, dezenas de artistas, músicos e celebridades deram sua contribuição ao evento. Estiveram presentes Adriane Galisteu, Gugu Liberato, Ratinho, Celso Portiolli, Analice Nicolau, Suzana Werner, Mônica Waldvogel, Dercy Gonçalves, Amaury Jr, Cynthia Benini, Lucilia Diniz, Silvia Popovic, Thierry Figueira, Kajuru, Leão Lobo, Marcos Mion, Mari Alexandre, Nany People, Claudete Troiano, Ellen Roche, Beth Coelho, entre outros.

Entre as atrações musicais, estiveram presentes: Adryana e a Rapaziada, Alexandre Pires, Amado Batista, Araketu, Barão Vermelho, Br`oz, Bruno e Marrone, César e Paulinho, Charlie Brown Jr, Christian e Ralf, Daniel, Daniela Mercury, Detonautas, Elba Ramalho, Banda Eva, Babado Novo, Exaltasamba, Fabio Junior, Família Lima, Gabriel O Pensador, Felipe Dylon, Frank Aguiar, Gian e Giovani, Guilherme e Santiago, Jair Oliveira, Jair Rodrigues, Joanna, KLB, Preta Gil, Kleiton e Camargo, Liah, Luciana Mello, Marcelo D2, Luiza Possi, Marlon e Maicon, Padre Marcelo Rossi, Pedro e Thiago, Rastapé, Reginaldo Rossi, Rio Negro e Solimões, Roberta Miranda, Rouge, Roupa Nova, Sandra de Sá, Simone, Só Pra Contrariar, Wanessa Camargo, entre outros.

De um lado estava o time feminino, formado pela modelo Adriana Bombom e as ex-participantes de reality shows Juliana Lopes e Paola Rodrigues. Do outro, o time masculino, formado pelo ator Raoni Carneiro e os gêmeos Gustavo e Flávio Mendonça. Os artistas se enfrentaram em provas no túnel de elástico, ponte maluca, futebol de sabão dentre outras provas inusitadas e bem-humoradas.

Realizado nos dias 19 e 20 de novembro, Teleton 100% ao vivo e nos estúdios do SBT a campanha volta com um formato renovador, com especiais e neste ano são lançados o Tonzinho feito em 3D, o placar rotativo que corre conforme as doações e é lançada a Corrente do Bem, fruto do garoto Felipe Ventura, o Felipinho que desde 99 leva doações de sua família. Logo no começo é notável o sucesso da campanha. Já de madrugada as arrecadações ultrapassam a casa do R$1.000.000, algo que só aconteceu no período da manhã em 2003.

A campanha é um sucesso e a meta é atingida, sendo comemorada com alívio por Silvio e Hebe. Arrecadou-se mais R$ 600.000 após o encerramento do programa.

O dinheiro arrecadado é utilizado na manutenção das unidades já existentes e o projeto teve receita de R$ 16.616.032. As doações também foram investidas na ampliação do Hospital Abreu Sódre nas instalações e equipamentos da unidade, treinamento de pessoal e também na manutenção dos centros de reabilitação da AACD já existentes.

2005[editar | editar código-fonte]

Realizado nos dias 28 e 29 de outubro, a campanha deste ano tem como objetivo a construção de uma nova unidade e para isso, é preciso ultrapassar o arrecadado no ano anterior.

A maratona do bem começou a ser transmitida às 21h do dia 28 e se manteve por 27h30min no ar, encerrando-se às 00h30 do dia 30. Cerca de 600 voluntários dessa mobilização iniciada com a apresentação de Silvio Santos seguida pela recém contratada, Ana Paula Padrão, a maratona tem uma nova música tema: “Amor”, composta por Thomas Roth e cantada por Fafá de Belém e Daniel, tornando-se o hino oficial do Teleton até 2008, quando, a pedidos, voltou o tradicional Depende de Nós (Ivan Lins - Vitor Martins), desta vez na versão original interpretada por Sérgio Mendes e celebrizada como tema de abertura do programa Balão Mágico.

Artistas de várias emissoras apoiaram a campanha. Gugu Liberato, Ratinho, Celso Portiolli, Adriane Galisteu, Carlos Alberto de Nóbrega, Regina Volpato, Yudi Tamashiro, Priscila Alcântara, Ronnie Von, Luiza Mel, Luciana Gimenez, Marcelo Rezende, Ciro Bottini, Olga Bongiovani, Daniella Cicarelli, Gilberto Barros, Claudete Troiano, Leão Lobo, Viviane Romanelli, Carlos Nascimento, Paulo Bonfá, Marco Bianchi, Monique Evans, Ana Paula Padrão, Jorge Kajuru, Beth Guzzo, Flávia Monteiro, Pierre Bittencourt, Paulo Barbosa, Isadora Ribeiro, Rodrigo Rodrigues, Analice Nicolau, Joyce Ribeiro, Hermano Henning, Cynthia Benini, Mônica Waldvogel, Dercy Gonçalves, Dedé Santana, e muitos outros agitaram o programa.

A mobilização dos artistas foi fundamental. Uma boate paulistana realizou uma noite especial com o tema anos 80 para arrecada fundos à campanha, Nanny People, repórter de Hebe Camargo, na época, foi responsável por inserções ao vivo do local. O Teleton contou ainda com uma partida de futebol entre famosos, como a participação de um time de atores da novela Os Ricos Também Choram - Felipe Folgosi, Thierry Figueira, Guilherme Trajano, Fernando Pavão, Joaquim Lopes, Celso Bernini, Nicola Siri e Márcio Kieling – e o time Amigos do cantor Daniel. Os melhores momentos da partida, foram exibidos na maratona. O elenco de Dedê e o Comando Maluco marcou presença com brincadeiras no palco e esquetes especiais.

Programas especiais foram realizados, nas últimas horas da maratona. Primeiro veio o "Family Feud - Especial Teleton", com a participação da turma do Pânico na TV, e da família do cantor Daniel. Logo depois, foi a vez do "Roda a Roda - Especial Teleton", com Roque, Patrícia Salvador e Lombardi, como jogadores e Liminha como assistente de palco.

Os números musicais ficaram a cargo de Banda Calypso, Edson e Hudson, Chitãozinho e Xororó, Gilmelândia, Guilherme e Santiago, Inimigos da HP, Negra Li, Jeito Moleque, Kelly Key, KLB, Luiza Possi, Maurício Maniere, Rick & Renner, Roberta Miranda, Preta Gil, Dudu Nobre, Wanessa Camargo, Agnaldo Timóteo, Frank Aguiar, entre outros.

Após os especiais, Silvio Santos entrou no palco para o encerramento, o placar ultrapassava os R$10.300.000, o maior valor já arrecadado até a entrada do apresentador na história do programa até então.

Depois das doações das empresas parceiras na apelidada "Tropa de Cheque" ainda faltava uma boa quantia para bater o arrecadado de 2004, Embalado por Daniel e Ivete Sangalo, o país doou e após um cheque de R$1.150.000 do Grupo Votorantim a meta é atingida e comemorada com muito alivio por Hebe, que chamou os comerciais chorando. A arrecadação do Teleton 2005, R$16.149.000, tornou possível a construção da unidade em Joinville, Santa Catarina.[5]

2006[editar | editar código-fonte]

Realizado nos dias 10 e 11 de novembro, a nona edição do Teleton tinha como meta superar a faixa de R$ 16.148.00,00 arrecadados no ano anterior. Foram 27 horas de programação ao vivo, das 22:00 de 10 de novembro à 01:00 da madrugada de 12 de novembro. O objetivo da campanha era diminuir o tamanho da fila de espera por cirurgias de escoliose que na época passava de 10 anos de espera, segundo a reporter Magdalena Bonfiglioli "parte dos pacientes não conseguiam resistir por tanto tempo". por isso o Teleton de 2006 é considerado um dos mais importantes até hoje.

Algumas das ações foram realizadas durante o período de captação de recursos que antecede a maratona que foram apresentadas dentro da programação. Algumas delas contaram com artistas voluntários como o Faço Tudo pelo Teleton, protagonizada pela modelo e apresentadora Helen Ganzarolli, que surpreendeu um casal cliente do restaurante São Paulo I, no Shopping Anália Franco. Já na Farmais, outra apoiadora do Teleton 2006, a cantora Preta Gil se fez passar por uma atendente. E na Ação no Rei do Mate alguns felizardos tiveram a honra de serem atendidos pelo cantor Jair Rodrigues. Outra ação ocorreu no Aquário Acqua Mundo no Guarujá com a presença de artistas como Lucas Poletto, Jackeline Petkovic, Patati Patatá, Syang, Cleiton e Hugo, Osnir (Ídolos), Giovanna (Ídolos), Vanessa Oliveira (Ídolos), Angel (Ídolos). Eles se revezaram durante todo o dia 7 de outubro, com bilheteria inteiramente revertida para a AACD.

A festa começou com a tradicional abertura de Silvio Santos, falando da importância da AACD em um país de grandes extensões como o Brasil,em seguida o programa contou com a participação da "embaixadora", Ivete Sangalo, da "musa" do evento, a apresentadora Adriane Galisteu, e dos padrinhos, a apresentadora Hebe Camargo e o sertanejo Daniel. Os artistas se intercalaram com atrações musicais durante todo o programa.

Durante suas mais de 27 horas, o Teleton recebeu artistas de várias emissoras, que fizeram parte da Rede da Amizade, entre eles: Ratinho; Carlos Alberto de Nóbrega; Ana Paula Padrão; Ronnie Von; Mara Manzan; Rodrigo Rodrigues; Luisa Mell; Amanda Françozo; Lígia Mendes; Beto Marden; Faa Morena; Zé Luiz; César Filho; Adriana Lessa; Ícaro Silva; Yudi Tamashiro; Priscila Alcântara; Dedé Santana; Carlos Nascimento; Olga Bongiovani; Sônia Abrão; Gugu Liberato; Hermano Henning; Isabel Filardis; Celso Portiolli; Regina Volpato; Angelita Feijó; Marcelo Rezende; Raul Gil; Cris Poli e Daniela Cicarelli.

Os números musicais ficaram a cargo de Daniela Mercury; Preta Gil; Gabriel o Pensador; Tânia Mara; MC Leozinho; Perlla; Detonautas; Edu Ribeiro; Hugo e Thiago; Edson e Hudson; Guilherme e Santiago; Mauricio Manieri; Inimigos da HP; Jeito Moleque; Caio Mesquita; Leandro Lopes, entre outros.

"Fazer a manutenção é muito mais difícil do que construir. Queira Deus que nós tenhamos fôlego para continuar dando a todos aqueles que procuram a AACD um tratamento adequado" comentou Silvio Santos, depois de ler carta endereçada a ele com uma doação anônima para a AACD de R$ 400 mil. Responsável por atingir a meta que foi comemorada ao lado de Hebe Camargo e Daniel, padrinhos da campanha.

2007 - 10 Anos[editar | editar código-fonte]

Nos dias 19 e 20 de Outubro aconteceu a edição de 2007 do Teleton, com mais de 28 horas de programação ao vivo. Previsto para encerrar por volta da 0h30, a maratona televisiva em prol da AACD se estendeu até 1h39 e contou com momentos de emoção e muita descontração. Como em todos os anos, a abertura da edição comemorativa do Teleton, na noite de sexta-feira, contou com a presença de Silvio Santos. Ao seu lado, para dar início à programação, esteve a cantora Claudia Leitte, que empresta sua voz para a canção tema do Teleton deste ano intitulada "Amor" e escrita pelo músico e jurado do programa Ídolos do SBT, Thomas Roth.

Durante as 27 horas se revezaram nos estúdios do SBT apresentadores de várias emissoras. Além de Hebe Camargo e Daniel, padrinhos do Teleton, estiveram no comando alguns nomes como Ronnie Von, Amanda Françozo, Sabrina Parlatore, Rodrigo Rodrigues, Faa Morena, Olga Bongiovani, Eliana, Adriane Galisteu, Ratinho, Gilmelândia, Lígia Mendes, Beto Marden, César Filho, Yudi Tamashiro, Priscila Alcântara, Celso Portiolli, Gugu Liberato, Carlos Alberto de Nóbrega, Luís Ricardo, Cynthia Benini, Carlos Nascimento, Joyce Ribeiro, Ana Paula Padrão e Hermano Henning.

Dois casais de artistas também se dividiram em turnos de 12 horas para atender as ligações de doações nos estúdios do Teleton, na chamada Bancada Brasil. Para essa maratona foram escalados Faa Morena e Ciro Bottini e Amanda Françozo e Rodrigo Rodrigues, que dividiram o balcão e os aparelhos telefônicos com nomes conhecidos do radialismo brasileiro das emissoras Metropolitana, Atual, Terra, Transamérica, Jovem Pan, Tropical e Rádio da Cidade.

Os números musicais ficaram a cargo de Babado Novo, Wanessa, Natiruts, Patati Patatá, Perlla, Falamansa, Grupo Tradição, NX Zero, Sorriso Maroto, CPM 22, KLB, Martinho da Vila, Margareth Menezes, O Teatro Mágico, Supla, Double You, Ivete Sangalo, Bruno e Marrone, Guilherme e Santiago, Rick e Renner e César Menotti e Fabiano.

O animador Silvio Santos, ao lado de Hebe Camargo, do padrinho do evento, o cantor Daniel, da jornalista Magadalena Bonfiglioli, e da cantora Daniela Mercury receberam os representantes dos patrocinadores do “Teleton”. A maratona foi um sucesso e ultrapassou a arrecadação de 2006, chegando a R$17.111.159,00 O dinheiro arrecadado foi utilizado na construção da unidade da AACD em São José do Rio Preto, São Paulo.

2008[editar | editar código-fonte]

A 11ª edição do Teleton, foi exibida nos dias 7 e 8 de novembro. Com objetivo de diminuir as filas de espera por atendimento em todas as unidades, o programa beneficente da AACD ganhou várias novidades, com o objetivo de renovar e valorizar a maratona. O público pode conferir dicas de prevenção com personalidades, histórias de reabilitação e bastidores da AACD. Outro diferencial da edição 2008, foi a programação dividida por blocos temáticos. Houve transmissão em conjunto com a TV Cultura e com outras redes em UHF, como a Rede Brasil de Televisão.

Comandado pelo diretor Michael Ukstin, o Teleton contou com uma abertura inédita, às 23h, no Auditório do Ibirapuera, onde foram transmitidas ao vivo seis atrações musicais com artistas consagrados, como Paralamas do Sucesso, Paula Toller, Simone, Zélia Duncan e Dudu Nobre. A abertura ficou a cargo de Silvio Santos e posteriormente do cantor Daniel, e das apresentadoras Ellen Jabour, Adriane Galisteu e Hebe Camargo.

Após as apresentações, o evento teve continuidade nos estúdios do SBT, com a presença de artistas, músicos e celebridades que fizeram parte de quadros de entretenimento e shows musicais. Além de Hebe Camargo e Daniel, padrinhos do Teleton, estiveram presentes Alexandre Bacci, Francesco Tarallo, Sabrina Parlatore, Renata Maranhão, Fabiano Augusto, Ney Gonçalves Dias, Bárbara Koboldt, Liminha, Ratinho, Helen Ganzarolli, Priscila Alcântara, Yudi Tamashiro, Cinthya Rachel, Beto Marden, Lígia Mendes, Ronnie Von, Fabiana Karla, Luciano Amaral, Celso Portiolli, Laura Wie, Rodrigo Faro, Gilberto Barros, César Filho, Lucélia Santos, Beth Guzzo, Gugu Liberato, Claudete Troiano, Amanda Françozo, Caco Rodrigues, Márcio Mussarela, Isabella Fiorentino, Arlindo Grund, Carlos Alberto de Nóbrega, Cris Poli, entre outros.

Os números musicais ficaram a cargo de Aline Barros, Fat Family, Nô Stopa, Dominguinhos, Moacyr Franco, As Galvão, Pena Branca, Tinoco, Gaúcho da Fronteira, Patati Patatá, Kelly Key, Fresno, Seu Cuca, Padre Marcelo Rossi, Mauricio Manieri, Marina Elali, Wanessa, Inimigos da HP, Grupo Revelação, Fernando e Sorocaba, João Bosco e Vinicius, João Neto e Frederico, Guilherme e Santiago, Elba Ramalho, Tihuana, Alexandre Pires, Frejat, Leonardo, Hugo e Thiago, Danni Carlos, entre outros.

Na reta final, o comandante da emissora, Silvio Santos voltou ao palco, ao lado de Hebe Camargo, e recebeu Martinho da Vila, Daniela Mercury e a dupla Victor e Léo, para o encerramento da maratona, que bateu mais um recorde de doações chegando a R$18.949.133.

2009[editar | editar código-fonte]

O Programa aconteceu entre os dias 23 e 24 de Outubro, começando às 23h10 do dia 23 e se estendendo até a 0h30 da manhã da madrugada de Sábado para Domingo. Com a campanha “Eu me Movo”, o Teleton 2009 teve grande mobilização de divulgação da causa e dos Hospitais da AACD e começou cheio de surpresas e emoções na sexta-feira

O apresentador Silvio Santos abriu a maratona e depois passou o comando para a madrinha do "Teleton", Hebe Camargo, que apresentou durante mais de 2 horas a atração. A dama da televisão brasileira foi a responsável por anunciar as grandes atrações da noite: as cantoras Wanessa e Daniela Mercury, o cantor Martinho da Vila, o Padre Fábio de Melo, e as apresentadoras Adriane Galisteu e Luciana Gimenez.

Durante as 26 horas se revezaram nos estúdios do SBT apresentadores de várias emissoras. Além de Hebe Camargo e Daniel, padrinhos do Teleton, estiveram no comando da maratona alguns nomes como Zé Luiz, Flávia Scherner, Luciano Amaral, Juliana Camargo, Liminha, Adriana Lessa, Patrícia Salvador, Zé Américo, Lígia Mendes, Yudi Tamashiro, Priscilla Alcântara, Helen Ganzarolli, Beto Marden, Maísa Silva, Rebeka Angel, César Filho, Netinho de Paula, Eliana, André Vasco, Richard Rasmussen, Milton Neves, Sarah Oliveira, Wagner Santisteban, Ratinho, Luis Ricardo, Raul Gil, Christina Rocha, Carlos Alberto de Nóbrega, Celso Portiolli, Arlindo Grund, Isabella Fiorentino, Patrícia Maldonado, Humberto Carrão, Amanda Ritcher, Micael Borges, Ronnie Von, Roberto Justus, Cris Poli, Roberto Cabrini, entre outros.

Dentre as atrações musicais, estavam Banda Cine, Don & Juan, Banda Djavu, Fernando e Sorocaba, Guilherme & Santiago, Hugo & Tiago, Hugo Pena & Gabriel, Jeito Moleque, João Bosco & Vinícius, Michel Teló, João Neto & Frederico, Maria Cecília & Rodolfo, Regis Danese, Roberta Miranda, Roupa Nova, Zé Henrique & Gabriel, Chimarruts, Agnaldo Timóteo, Maurício Mattar, entre outros.

Ao lado da apresentadora Hebe Camargo, Silvio Santos voltou ao palco para comandar o encerramento da maratona de solidariedade. A música ficou por conta da cantora Claudia Leitte, e da dupla Victor & Leo. Durante o programa, o Prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, juntamente com o Governador do Estado José Serra, doaram dois terrenos para a construção de duas unidades no Extremo Norte e Extremo Sul da Capital, facilitando a chegada de pacientes.

O Teleton 2009, teve a arrecadação de R$19.345.615, dinheiro esse que foi usado para a construção de uma AACD em Poços de Caldas mantida pela a AACD e de mais duas unidades na capital de São Paulo com a manutenção por conta do Governo Estadual.[6]

2010[editar | editar código-fonte]

Neste ano a campanha completou 13 anos no Brasil e a maratona foi realizada nos dias 5 e 6 de novembro, tendo como meta R$20 milhões e seu objetivo que é construir uma nova unidade da AACD. A ideia daí por diante foi construir pelo menos uma unidade em cada estado, facilitando o acesso de milhares de deficientes físicos. A festa começou com a tradicional abertura de Silvio Santos, falando da importância da AACD em um país de grandes extensões como o Brasil.

Seguindo a fórmula dos anos anteriores, dezenas de artistas, músicos e celebridades deram sua contribuição ao evento. Estiveram presentes Adriane Galisteu, Eliana, Hebe Camargo, Marília Gabriela, Ronnie Von, Fernanda Vasconcellos, Patrícia Salvador, Beto Marden, Liminha, Priscila Alcântara, Yudi Tamashiro, Lígia Mendes, Maísa Silva, Zé Américo, Isabelle Drummond, André Vasco, Helen Ganzarolli, Felipe Solari, César Filho, Claudete Troiano, Rafael Cortez, Raul Gil, Marcos Mion, Luis Ricardo, Carlos Alberto de Nóbrega, Christina Rocha, Ratinho, Roberto Justus, Adriana Lessa, Edgard Piccoli, Celso Zucatelli, Isabel Filardis, Celso Portiolli, Arlindo Grund, Isabella Fiorentino, entre outros.

Dentre as atrações musicais, estavam Daniel, Cláudia Leitte, Aline Barros, Cesar Menotti e Fabiano, Fernando e Sorocaba, Hugo Pena e Gabriel, Marcos e Belutti, João Neto e Frederico, Michel Teló, Fresno, Cine, Jeito Moleque, Nuwance, Pee Wee, Regis Danese, Victor e Léo, Wanessa, Paula Fernandes, Agnaldo Timóteo, entre outros.

Na reta final, o comandante da emissora, Silvio Santos voltou ao palco, ao lado de Hebe Camargo, Celso Portiolli, Carlos Nascimento e Daniel, e recebeu a cantora Ivete Sangalo e a dupla Bruno e Marrone, para o encerramento da maratona, que bateu mais um recorde de doações chegando a R$ 23.971.105.

2011[editar | editar código-fonte]

A 14ª edição do Teleton, foi exibida nos dias 21 e 22 de outubro. A TV Cultura, Rede Brasil de Televisão e a TV Gazeta, em parceria com o SBT, juntos transmitiram o programa ao vivo para todo o Brasil, com direção de Michael Ukstin. A festa começou com a tradicional abertura de Silvio Santos, falando da importância da AACD em um país de grandes extensões como o Brasil, em seguida o programa contou com a abertura da apresentadora Eliana, em virtude dos problemas de saúde de Hebe Camargo.

Seguindo a fórmula dos anos anteriores, dezenas de artistas, músicos e celebridades deram sua contribuição ao evento. Estiveram presentes Eliana, Maria Cristina Poli, Ellen Jabour, Adriane Galisteu, Luciana Gimenez, Claudete Troiano, Rodrigo Rodrigues, Marília Gabriela, Arlindo Grund, Isabella Fiorentino, Patati e Patatá, Liminha, David Brazil, Priscilla Alcântara, Yudi Tamashiro, Suzy Camacho, Daniela Albuquerque, Lígia Mendes, Joyce Ribeiro, Richard Rasmussen, Beto Marden, Helen Ganzarolli, Carlinhos Aguiar, Maisa Silva, Cesar Filho, Felipe Andreoli, Milene Pavorô, Valentina Francavilla, Rafa Brites, Patrícia Salvador, Alana Rodrigues, Analice Nicolau, Raul Gil, Christina Rocha, Ronnie Von, Nadja Haddad, André Vasco, Cátia Fonseca, Simone Queiroz, Cynthia Benini, Lola Melnick, Karyn Bravo, Luís Ricardo, Celso Portiolli, Patrícia Abravanel, Roberto Cabrini, Zé Américo, Rodolpho Gamberini, Lívia Andrade, Cabrito Tevez, Ratinho, Erik Marmo, Rachel Sheherazade, Joseval Peixoto e Carlos Nascimento

Os números musicais ficaram a cargo de Claudia Leitte, Chitãozinho e Xororó, Roberta Miranda, Caps Lock, Manu Gavassi, Strike, Fresno, Agnaldo Timóteo, Roberto Leal, Revelação, Turma do Pagode, Beto Barbosa, Daniel, Regis Danese, Restart, Os Hawaianos, Hugo e Tiago, Marcos e Belutti, Bruno e Marrone, Léo Magalhães, João Bosco e Vinícius, Padre Marcelo Rossi e César Menotti e Fabiano,

Na reta final, a apresentadora Hebe Camargo apareceu de surpresa no palco depois de muita expectativa sobre sua possível impossibilidade de participar do programa. Durante todo o programa a hashtag #VenhaHebe foi o assunto mais comentado no mundo na rede social Twitter[7] . O comandante da emissora, Silvio Santos voltou ao palco, ao lado de Hebe Camargo, para o encerramento da maratona, que bateu mais um recorde de doações chegando a R$ 26.802.633

2012 - 15 anos[editar | editar código-fonte]

Na edição de aniversário de 15 anos, a maratona foi realizada nos dias 9 e 10 de novembro. Neste ano, o Teleton pretendia arrecadar R$ 25 milhões para poder manter as unidades e aumentar o número de pacientes atendidos. A TV Cultura, Rede Brasil de Televisão, Rede Transamérica, portal UOL e o Youtube, em parceria com o SBT, juntos transmitiram o programa ao vivo para todo o Brasil, com direção de Michael Ukstin. A bancada de blogueiros esteve presente novamente. Em torno de 100 pessoas com influência nas redes sociais, durante as 27 horas de programação. Este foi o quarto ano em que o Teleton contou com a presença direta dos internautas.

Seguindo a fórmula dos anos anteriores, dezenas de artistas, músicos e celebridades deram sua contribuição ao evento. Estiveram presentes Adriane Galisteu; Astrid Fontenelle; Christina Rocha; Eliana; Isabella Fiorentino; Arlindo Grund; Liminha; Carlinhos Aguiar; André Vasco; Carlos Alberto de Nóbrega; Márcio Ballas; Priscila Alcântara; Yudi Tamashiro; Patati e Patatá; Estela; Vini; César Filho; Luis Ricardo; Ratinho; Patrícia Salvador; Regina Volpato; Richard Rasmussen; Ronnie Von; Celso Portiolli; Cris Poli; Danilo Gentili; Nadja Haddad; Carlos Nascimento; Rachel Sheherazade; Analice Nicolau; Cynthia Benini; Joyce Ribeiro; Lola Melnick; Nany People; Giane Albertoni; Helen Ganzarolli entre outros. O elenco da novela Carrossel também esteve presente durante a maratona.

Os números musicais ficaram a cargo de Agnaldo Timóteo; Daniela Mercury; Banda Calypso; Aline Barros; Frank Aguiar; Sorriso Maroto; Alexandre Pires; Fernando e Sorocaba; João Bosco e Vinícius; Michel Teló; Munhoz e Mariano; Victor e Leo; Gaby Amarantos; Regis Danese; João Lucas e Marcelo; Chitãozinho e Xororó; Grupo Revelação; Thaeme e Thiago; Sambô, entre outros.

Três gerações da família Abravanel se encontraram no palco para encerrar o Teleton 2012 em clima de muita alegria e comemoração. Sílvio Santos, sua filha, Patrícia Abravanel e Tiago Abravanel, neto do dono do SBT, dançaram e se divertiram no palco. Além de musicais estrelados por Tiago Abravanel, o encerramento do Teleton 2012, contou com a presença de parte do elenco da novela Carrossel, que apresentou músicas da trama.   

Neste ano Hebe Camargo foi homenageada durante toda a exibição da campanha. A apresentadora, que recebeu o título de madrinha do Teleton, faleceu no dia 29 de setembro de 2012, ás vésperas do inicio da maratona e foi homenageada por ser uma das responsáveis em trazer o projeto para o Brasil nas mãos da AACD. Foi criada uma boneca comemorativa dos 15 anos da atração, com votação popular no site da emissora para a escolha do seu nome, que após 24 horas de votação foi chamada de 'Hebinha'. O nome da boneca foi apresentado após a exibição da maratona que bateu mais um recorde de arrecadação com doações. Ao todo foram arrecadados R$30.146.600 destinados a manutenção de todas as unidades existentes. Em termos de audiência foi vice-líder absoluto nos dois dias sendo que na noite de abertura foi líder com 3 pontos de diferença.[8]

2013[editar | editar código-fonte]

A 16ª edição do Teleton, foi realizada entre os dias 25 e 26 de outubro de 2013, sendo transmitido pelo SBT e simultaneamente pela TV Cultura e pelos canais fechados Fox Life Brasil e Sony Spin. O Teleton também foi transmitido pela internet no site do SBT, no Portal Jovem Pan, portal UOL e pelo Youtube, que disponibilizou o sinal aberto da maratona para os usuários. A festa foi aberta na noite de sexta-feira, 25 de outubro, com o tradicional discurso do apresentador Silvio Santos.

A apresentação musical de abertura, ficou por conta da nova madrinha do Teleton, a apresentadora Eliana, que juntou-se ao elenco infantil da novela Chiquititas, cantando a música tema do programa "Depende de Nós". Além de Eliana, estiveram no comando da primeira noite da maratona Marco Luque, Karyn Bravo, Christina RochaLiminhaFlôr, Lola Melnick, Marcello Boffat e Cláudia Tenório. Artista gentilmente cedida pela Rede Globo, a atriz Irene Ravache participou da abertura da 16ª edição do Teleton, fazendo uma homenagem à apresentadora Hebe Camargo, que morreu em setembro de 2012, e era considerada a madrinha da campanha.

Seguindo a fórmula dos anos anteriores, dezenas de artistas, músicos e celebridades deram sua contribuição ao evento. Estiveram presentes  Patrícia SalvadorZé AméricoCynthia Benini, Beto Marden, Maisa Silva, Analise de Oliveira, André Vasco, Matheus Ueta, Ana Vitória Zimmermann, Paulinho Serra, Diego Ramiro, Carolina Castelo Branco, Vini, Estela, Neila Medeiros, Richard Rasmussen, Helen Ganzarolli, Patrícia Rocha, Carla Pernambuco, Guga Rocha, Danton Rangel, Carlos Bertolazzi, Regina Volpato, Carlos Alberto de Nóbrega, Luís Ricardo, Raul Gil, Daniela Albuquerque, Joyce Ribeiro, Adriane Galisteu, Analice Nicolau, Cesar Filho, Datena, Hermano Henning, Ticiane Pinheiro, Ratinho, Adriana Couto, Thammy Miranda, Bruna Tang, Lívia Andrade, Aldo Quiroga, Celso Portiolli, Roberto Cabrini, Eduardo Elias, Marina Ferrari, Rachel Sheherazade, Arlindo Grund e Ronnie Von.

Entre as atrações musicais, estiveram presentes: Zezé Di Camargo e Luciano, Wellington CamargoAna Paula ValadãoBanda Calypso, Agnaldo Timóteo, Matheus Minas & Leandro, Gui e Rafa, Patati e Patatá, Fly, Aline Barros, Pollo, P9, Lucas Ferreira, Téo e Edu, Gabriel Valim, Bruninho & Davi, Michel Teló, Naldo Benny, Regis Danese, Daniel, João Bosco e Vinícius, Luan Santana, João Neto e Frederico, Sandy, Roberta Miranda e Wanessa

O apresentador Silvio Santos, comandou o encerramento da maratona, que contou com a presença de Patrícia AbravanelTiago Abravanel, Ivete Sangalo e outros convidados ao vivo no palco da atração. No fim da noite, a meta foi atingida e a arrecadação alcançou R$26 milhões.

2014[editar | editar código-fonte]

A 17ª edição do Teleton, foi realizada entre os dias 07 e 08 de novembro de 2014, sendo transmitido pelo SBT e simultaneamente pela TV Cultura e pelos canais fechados Fox Life Brasil e Nickelodeon. O Youtube, também disponibilizou sinal aberto da maratona para os usuários. A festa foi aberta na noite de sexta, 07 de novembro, com o tradicional discurso do apresentador Silvio Santos.

A apresentação musical de abertura, ficou por conta do padrinho do Teleton, o cantor Daniel, que juntou-se a Família Lima, a cantora Vanessa Jackson, ao Coral Soul Livre e ao cantor Max B.O para interpretarem, juntos, a canção símbolo da edição: "Happy Day". Além de Eliana e Daniel, padrinhos do Teleton, estiveram no comando da primeira noite da maratona, alguns nomes como Sabrina Sato, Willian Corrêa, Joseval Peixoto, Guga Rocha, Otávio Mesquita, Christina Rocha, Zé Luiz, Alexandre Frota, Flôr e Liminha.

Seguindo a fórmula dos anos anteriores, dezenas de artistas, músicos e celebridades deram sua contribuição ao evento. Estiveram presentes Zé Américo, Beto Marden, Ana Vitória, Matheus Ueta, Ana Júlia, Jackeline Petkovic, Márcio Ballas, Maisa Silva, Nadja Haddad, Bruno Vicari, Luciano Faccioli, Roger Turchetti, Carlos Alberto de Nóbrega, Analice Nicolau, Luís Ricardo, Carlinhos Aguiar, Alexandre Porpetone, César Filho, Patrícia Salvador, Mauro Beting, Cynthia Benini, Raul Gil, Helen Ganzarolli, Ronnie Von, Palmirinha, Ratinho, Marcelo Torres, Syang, Léo Maia, Li Martins, Carlos Bertolazzi, André Vasco, Paulinho Gogó, Joyce Ribeiro, Ana Lúcia Torre, Adriane Galisteu, Celso Zucatelli, Hermano Henning, Roberta Martinelli, Danilo Gentili, Karyn Bravo, Livia Andrade, Celso Portiolli, Marcelo Augusto, Christian Chávez, Rosemary, Isabella Fiorentino, Arlindo Grund, Neila Medeiros, Rachel Sheherazade, Roberto Cabrini e muitos outros agitaram o programa. O elenco da novela Chiquititas e da série Patrulha Salvadora, também esteve presente.

Entre as atrações musicais, estiveram presentes: Chitãozinho e Xororó, Alcione, Ana Paula Valadão, Danny Pink, Patati e Patatá, Hugo e Tiago, Chiquititas, Ivo Mozart, Munhoz e Mariano, Agnaldo Timóteo, Regis Danese, MC Gui, Ludmila Ferber, Banda Calypso, Fernanda Brum, Daniela Mercury, Victor e Leo, Ultraje a Rigor, Roberta Miranda, MC Guimê, Patrulha Salvadora, Thalles Roberto, Aline Barros, entre outros.

O apresentador Silvio Santos, comandou o encerramento da maratona, que contou com a presença de Patrícia Abravanel, que fez sua primeira aparição na TV após o nascimento de seu filho, Tiago Abravanel, Daniel, Chiquititas, Larissa Manoela, Eliana, Ratinho, Celso Portiolli, Carlos Nascimento e outros convidados ao vivo no palco da atração. No fim da noite, a meta foi atingida e a arrecadação alcançou R$30.021.070,00.

2015[editar | editar código-fonte]

A 18ª edição do Teleton, aconteceu entre os dias 23 e 24 de outubro de 2015, sendo transmitido pelo SBT e simultaneamente pela TV Cultura. O Teleton também foi transmitido pela internet no site do SBT e pelo Youtube, que disponibilizou o sinal aberto da maratona para os usuários do país e do exterior. A festa foi aberta na noite de sexta-feira, 23 de outubro, com a presença do padrinho e da madrinha do Teleton, o cantor Daniel e a apresentadora Eliana.

Com o tema Gratidão, o Teleton, maior plataforma de arrecadação de recursos da televisão brasileira, chegou à sua 18ª edição com música-tema nova. A dupla sertaneja Victor e Leo compôs e doou especialmente ao programa a canção “Fazer o bem é bom”. 

Durante as 26 horas se revezaram nos estúdios do SBT apresentadores de várias emissoras. Estiveram presentes Eliana, Xuxa, Carlos Nascimento, Otávio Mesquita, Helen Ganzarolli, Ticiana Villas Boas, Karyn Bravo, Zé Américo, Liminha, Carlinhos Aguiar, Flôr, Beto Marden, Filipe Cavalcante, Maisa Silva, Jean Paulo Campos, Nadja Haddad, Matheus Ueta, Ana Julia, Vini, Estela, Analice Nicolau, Luís Ricardo, Cesar Filho, Carolina Aguaidas, Fofão, Cabrito Tevez, Alexandre Frota, Patrícia Salvador, Daniela Albuquerque, Raul Gil, Marcelo Torres, Christina Rocha, Carlos Bertolazzi, Luiz Bacci, Ronnie Von, Rachel Sheherazade, Ratinho, Carlos Alberto de Nóbrega, Andréa de Nóbrega, Nizo Neto, Adriane Galisteu, Jones Mendes, Tonho Prado, Gugu Liberato, Rubinho Barrichello, Cassio Cortes, Gerson Campos, Bruno Vicari, Danilo Gentili, Lívia Andrade, Celso Portiolli, Léo Lins, Juliana Oliveira, Murilo Couto, Diguinho Coruja, Patrícia Rocha, Luigi Baricelli, Isabella Fiorentino, Arlindo Grund, Flávia Travassos, Roberto Cabrini e Neila Medeiros.

Os personagens Ludovico, Dorotéia e Osório do programa Quintal da Cultura, o Professor Policarpo do canal Zoomoo, o Ludi do canal do YouTube "Ticolicos" e o elenco da novela Cúmplices de um Resgate, também estiveram presentes na maratona.

Entre as atrações musicais, estiveram presentes: Daniel, Ivete Sangalo, Victor e Leo, Wanessa, Babado Novo, Rick Sollo, Up2Drop, Patati e Patatá, Gui e Rafa, Gabriella Saraivah, Priscila Alcântara, College 11, Zé Felipe, Agnaldo Timóteo, Damares, MC Gui, Marcos e Belutti, Paula Fernandes, João Bosco e Vinícius, Aline Barros, Eduardo Costa, Leonardo, MC Guimê, Ultraje a Rigor, César Menotti e Fabiano, André Valadão, Ludmilla, Regis Danese, Roberta Miranda, Lucero, Téo e Edu e Larissa Manoela.

O apresentador Silvio Santos, comandou o encerramento da maratona, que contou com a presença de Patrícia AbravanelTiago AbravanelSilvia Abravanel e outros convidados ao vivo no palco da atração. No fim da noite, a meta de R$26 milhões foi ultrapassada, e a arrecadação alcançou R$31.170.000,00.

Fotos[editar | editar código-fonte]

Histórico de arrecadação[editar | editar código-fonte]

Edição Ano Data Meta Arrecadado Implementação dos recursos arrecadados
1998 16 e 17 de maio de 1998 R$ 9.000.000,00 R$ 14.855.000,00 Construção da AACD de Recife/PE e a reestruturação da AACD da Mooca/SP.
1999 17 e 18 de setembro de 1999 R$ 9.000.002,00 R$ 10.147.000,00 ou Construção da AACD de Porto Alegre/RS.
2000 1 e 2 de setembro de 2000 R$ 10.147.000,00 R$ 10.226.000,00 Construção da AACD de Uberlândia/MG.
2001 26 e 27 de outubro de 2001 R$ 10.226.000,00 R$ 11.847.000,00 Manutenção dos Centros de reabilitação já existentes.
2002 8 e 9 de novembro de 2002 R$ 15.000.000,00 R$ 16.015.454,00 Construção da AACD de Osasco/SP.
2003 3 e 4 de outubro de 2003 R$ 15.000.000,00 R$ 15.000.125,00 Construção da AACD de Nova Iguaçu/RJ.
2004 19 e 20 de novembro de 2004 R$ 16.000.000,00 R$ 16.616.032,00 Manutenção dos Centros de reabilitação já existentes e ampliação do hospital Abreu Sodré.
2005 28 e 29 de outubro de 2005 R$ 16.100.000,00 R$ 16.150.890,00 Construção da AACD de Joinville/SC.
2006 10 e 11 de novembro de 2006 R$ 16.150.000,00 R$ 16.163.493,00 Diminuir a espera por cirurgias de escoliose em todas as unidades.
10ª 2007 19 e 20 de outubro de 2007 R$ 16.200.000,00 R$ 17.111.159,00 Construção da AACD de São José do Rio Preto/SP.
11ª 2008 7 e 8 de novembro de 2008 R$ 17.200.000,00 R$ 18.949.133,00 Diminuição da fila de espera por atendimento em todas as unidades.
12ª 2009 23 e 24 de outubro de 2009 R$ 19.000.000,00 R$ 19.345.615,00 Construção da AACD de Poços de Caldas/MG e outras 2 unidades em São Paulo/SP.
13ª 2010 5 e 6 de novembro de 2010 R$ 20.000.000,00 R$ 23.971.105,00 Construção da AACD de Mogi das Cruzes/SP.
14ª 2011 21 e 22 de outubro de 2011 R$ 24.000.000,00 R$ 26.802.633,00 Construção da AACD de Vitória/ES e Campina Grande/PB.
15ª 2012 9 e 10 de novembro de 2012 R$ 25.000.000,00 R$ 30.146.600,00 Manutenção dos centros já existentes e ampliação de uma das unidades de São Paulo/SP.
16ª 2013 25 e 26 de outubro de 2013 R$ 26.000.000,00 R$ 26.907.055,00 Manutenção do hospital sede da AACD em SP, manutenção das unidades restantes e ampliação do Hospital Abreu Sodré.
17ª 2014 7 e 8 de novembro de 2014 R$ 26.000.000,00 R$ 30.021.070,00 Manutenção do hospital sede da AACD
18ª 2015 23 e 24 de outubro de 2015 R$ 26.000.000,00 R$ 31.170.000,00 Manutenção do hospital sede da AACD
19 2016 4 e 5 de novembro de 2016 R$

26.000.000,00

Manutenção do hospital seda da AACD

Total até 2015 - R$ 351.445.368,00

Todos os valores até o fim do programa, retirando leilões.

Curiosidades[editar | editar código-fonte]

Broom icon.svg
Seções de curiosidades são desencorajadas pelas políticas da Wikipédia.
Ajude a melhorar este artigo, integrando ao corpo do texto os itens relevantes e removendo os supérfluos ou impróprios (desde dezembro de 2009).
  • Em 2012 o Itau S.A. doou R$8.740.000, vindo das empresas Hipercard e Itaú Capitalização quebrando todos os recordes de doações vindo de empresas.
  • Em 2001, Silvio Santos deu um selinho em Gilberto Gil após se recusar a dar um selinho em Hebe. Em 2009, Adriane Galisteu e Luciana Gimenez também deram um selinho entre elas.
  • Desde 2011 o SBT transmite ao vivo o Teleton online para todo o planeta.[9]
  • Em 2012, Adriane Galisteu usou o mesmo vestido que Hebe Camargo usou no ano de 2011, em homenagem a madrinha do Teleton.
  • Em 2012, Claudia Leitte e o cantor Daniel, que são figuras carimbadas no Teleton, não foram liberados pela Globo.
  • Em 2012, a Rede Transamérica de rádio transmitiu na íntegra o Teleton a todas as suas emissoras e afiliadas, sendo que esta foi a 1ª vez que uma rádio transmite o Teleton.
  • Em 2013, pela primeira vez, dois bancos (Itaú e Bradesco) se uniram para ajudar a AACD.
  • Em 2013, a Hipercard doou um cheque de R$ 5.000.000,00.
  • Em 2014, o apresentador Silvio Santos, diferente dos anos anteriores, quando começava no cenário do Teleton, ele transmitiu suas palavras iniciais, direto da gravação do Programa Silvio Santos.
  • Em 2014, a Hipercard doou um cheque de R$ 5.000.000,00.
  • Em 2014, a Nickelodeon , pela primeira vez, transmite até o final da tarde o Teleton.
  • O canal extinto Sony Spin já transmitiu a maratona televisiva.
  • Em 2015, Xuxa participou pela primeira vez após mudança para a Rede Record

Referências

  1. Teleton será transmitido ao vivo pela web http://cmais.com.br/teleton-sera-transmitido-ao-vivo-pela-web Teleton será transmitido ao vivo pela web Verifique |url= (Ajuda).  Falta o |titulo= (Ajuda)
  2. «AACD». Consultado em 6/11/2010. 
  3. «AACD». Consultado em 6/11/2010. 
  4. «AACD». Consultado em 6/11/2010. 
  5. «AACD». Consultado em 6/11/2010. 
  6. «José Serra e Gilberto Kassab ajudam a causa do Teleton». Consultado em 6/11/2010. 
  7. Terra. «Hebe participa do Teleton». 
  8. http://www.sbt.com.br/teleton/. Consultado em 6/11/2010.  Falta o |titulo= (Ajuda)
  9. sbt.com.br (21 de outubro de 2011). «Site do SBT transmite ao vivo o Teleton 2011 para todo o planeta pelo site do SBT». Consultado em 22/10/2011. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Teleton (Brasil)
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Teleton (Brasil)