Temporada 2017-18 do Fútbol Club Barcelona

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

A temporada 2017-18 é a 118ª existência do Football Club Barcelona e a 87ª temporada consecutiva do clube no topo do futebol espanhol.

Visão geral da temporada[editar | editar código-fonte]

Maio[editar | editar código-fonte]

Em 29 de maio, o clube anunciou que Ernesto Valverde seria o novo treinador do Barcelona, ​​após a partida de Luis Enrique no final da temporada anterior.[1]

Em 29 de maio, Barcelona e o goleiro Marc-André ter Stegen negociaram uma prorrogação de contrato de cinco anos até 30 de junho de 2022.[2]

Junho[editar | editar código-fonte]

Em 14 de junho, o futebolista Fluminense Marlon Santos assinou um contrato de três anos.

Em 30 de junho, o contrato do goleiro Jordi Masip expirou e o jogador não se demitiu.

Em 30 de junho, o clube ativou uma cláusula de recompra para Gerard Deulofeu.

Em 30 de junho, o clube anunciou que chegaram a um acordo com o Real Betis pela transferência de Cristian Tello por 4 milhões de euros.

Julho[editar | editar código-fonte]

Em 5 de julho, Barcelona e Leo Messi concordaram em uma renovação do contrato que o manterá no clube até 30 de junho de 2021.

Em 7 de julho, Barcelona e Jérémy Mathieu concordaram em rescindir o contrato do defensor. Mathieu posteriormente se juntou ao clube português Sporting CP em uma transferência gratuita.

Em 13 de julho, o Barcelona eo Benfica chegaram a um acordo para a transferência da Nélson Semedo por 30 milhões de euros.

No dia 21 de julho, o Barcelona venceu a Juventus por 2-1 em uma pré-temporada amigável. Neymar marcou dois golos impecáveis ​​da primeira metade, enquanto os catalães passaram pelo campeão italiano antes de 82.104 adeptos no MetLife Stadium, em 2017, na Copa Internacional dos Campeões. Giorgio Chiellini puxou um para a Juventus no minuto 63, não o suficiente para manter a era de Valverde desde o começo com uma vitória convincente.

Em 26 de julho, o Barcelona venceu por 1-0 contra o Manchester United em uma pré-temporada amigável. Neymar marcou o único golo do jogo aos 31 minutos.

Em 29 de julho, o Barcelona venceu o Real Madrid por 3 a 2 na partida final da turnê dos EUA, conquistando a edição dos Estados Unidos da Copa Internacional dos Campeões de 2017. Messi, Rakitić e Piqué contribuíram com um único objetivo.

Agosto[editar | editar código-fonte]

Em 3 de agosto, o Barcelona confirmou a rescisão unilateral do contrato da Neymar, já que os representantes legais da Neymar pagaram sua cláusula de compra de 222 milhões de euros. Por sua vez, o Barcelona anunciou um volume de negócios dos detalhes da operação para a UEFA, de modo a permitir que a UEFA determine as responsabilidades disciplinares que possam surgir. Neymar juntou-se posteriormente a Paris Saint-Germain em um acordo de cinco anos.

Em 4 de agosto, o Barcelona empatou 1-1 com o Gimnàstic em um jogo amistoso pré-temporada em Tarragona. Manu Barreiro colocou os anfitriões à frente no minuto 11. Paco Alcácer marcou o empate para o blaugrana com um tiro livre aos 79 minutos.

Em 7 de agosto, o Barcelona derrotou o Chapecoense 5-0 na 52ª edição do Troféu Joan Gamper. Deulofeu, Busquets, Messi, Luis e Denis Suárez foram os anotadores do Barça. Além disso, Messi e Deulofeu assistiram dois golos cada. Sergio Busquets foi nomeado o Homem do Jogo.

Jogadores[editar | editar código-fonte]

Informação do elenco[editar | editar código-fonte]

Jogadores que chegaram[editar | editar código-fonte]

Jogadores que saíram[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um clube de futebol é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.