Temporadas do Criciúma Esporte Clube

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Neste artigo encontra-se o desempenho do Criciúma Esporte Clube ano a ano,[1][2][3] clube fundado em 1947 na cidade homônima do estado de Santa Catarina. As temporadas listadas se iniciam a partir de 1978, ano em que o antigo Comerciário mudou seu nome para Criciúma.

Legenda[editar | editar código-fonte]


     Campeão.
     Vice-campeão.
     Eliminado na semifinal.
     Classificado à Copa Libertadores da América pela campanha no Campeonato Brasileiro.
     Classificado à Copa Libertadores da América pelo título da Copa do Brasil ou Copa Libertadores.
     Classificado à Copa Sul-Americana.
     Rebaixado à divisão inferior.
     Campeão e promovido à divisão superior.
     Promovido à divisão superior.

Ano a ano[editar | editar código-fonte]

Década de 1970
Brasil Brasil Flags of South American Conmebol Members.gif América do Sul Sul Santa Catarina Santa Catarina
Ano Campeonato Brasileiro Copa do Brasil Continental Campeonato Catarinense
Div. Pos. Pts J V E D GP GC Fase Máxima Competição Fase Máxima Div. Pos.
1978 Não classificado A
1979 A 67º 9 9 4 1 4 9 8 A
Década de 1980
Ano Campeonato Brasileiro Copa do Brasil Continental Campeonato Catarinense
Div. Pos. Pts J V E D GP GC Fase Máxima Competição Fase Máxima Div. Pos.
1980 B 54º 4 7 1 2 4 6 10 A
1981 B 30º 6 7 2 2 3 8 10 A
1982 B 38º 4 5 1 2 2 9 5 A
1983 B 47º 1 5 0 1 4 2 9 A
1984 Não classificado A
1985 Não classificado A
1986 B Cscr-featured.png [a] 14 8 6 2 0 12 4 A
A 15º 21 18 8 5 5 16 15
1987 MA (A) 17 14 7 3 4 17 12 A
1988 A 23º 14 23 1 8 14 12 34 A
1989 B 21 16 8 5 3 26 13 A
Década de 1990
Ano Campeonato Brasileiro Copa do Brasil Continental Copa Sul Campeonato Catarinense
Div. Pos. Pts J V E D GP GC Fase Máxima Competição Fase Máxima Fase Máxima Div. Pos.
1990 B 25 22 9 7 6 23 15 SF A
1991 B 35º 13 14 5 3 6 22 16 Cscr-featured.png C A
1992 B [b] 33 28 13 7 8 32 20 QF CL QF A
1993 A 23º 15 14 6 3 5 18 20 A
1994 A 20º 23 24 7 9 8 34 34 1F A
1995 A 16º 27 23 6 9 8 20 20 A
1996 A 21º 23 23 6 5 12 31 39 QF A
1997 A 24º 24 25 6 7 12 27 35 A
1998 B 30 19 9 3 7 30 20 A
1999 B 18º [c] 24 21 6 6 9 27 36 2F Grupos A
Década de 2000
Ano Campeonato Brasileiro Copa do Brasil Continental Copa Sul-Minas Campeonato Catarinense
Div. Pos. Pts J V E D GP GC Fase Máxima Competição Fase Máxima Fase Máxima Div. Pos.
2000 MA (B) 14º 27 19 7 6 6 20 20 A
2001 B 22º 34 28 9 7 12 38 41 A
2002 B 63 31 20 3 8 58 39 2F 1F A
2003 A 14º 60 46 17 9 20 57 69 2F A
2004 A 21º 50 46 13 11 22 61 78 A
2005 B 21º 19 21 6 1 14 24 45 A
2006 C 64 32 19 7 6 64 33 R16 A
B [d]
2007 B 53 38 15 8 15 51 44 A
2008 B 18º 41 38 11 8 19 40 54 R16 A
2009 C 15º 7 8 2 1 5 6 12 2F A
Década de 2010
Ano Campeonato Brasileiro Copa do Brasil Continental Primeira Liga Campeonato Catarinense
Div. Pos. Pts J V E D GP GC Fase Máxima Competição Fase Máxima Fase Máxima Div. Pos.
2010 C 17 12 4 5 3 13 9 A
2011 B 14º 51 38 13 12 13 43 43 A
2012 B 73 38 22 7 9 78 57 2F A
2013 A 14º 46 38 13 7 18 49 63 3F CS 2F A
2014 A 20º 32 38 7 11 20 28 56 1F CS 2F A
2015 B 12º 49 38 12 13 13 36 41 3F A
2016 B 56 38 16 8 14 49 46 1F Grupos A
2017 B 13º 48 38 12 12 14 41 46 3F Grupos A
2018 B 14º 47 38 11 14 13 45 49 2F A
2019 B Em disputa 3F A



Notas

a. ^ Criciúma, assim como Central, Inter de Limeira e Treze foram campeões dos seus respectivos grupos durante a Série B de 1986. Apesar de não ser reconhecida pela CBF, o então chamado "Torneio Paralelo" (grupos E, F, G e H) garantiu a promoção das quatro equipes à segunda fase da Série A de 1986.[4]

b. ^ Em 1992, os doze primeiros colocados da Série B obtinham o acesso à divisão da elite do futebol brasileiro.

c. ^ Em função da criação da Copa João Havelange, o Módulo Amarelo, divisão equivalente à Série B foi composto pelos times que disputaram a Série B de 1999 e alguns da Série C de 1999. Com isso, a exceção do Tuna Luso, Criciúma (18º colocado da Série C de 1999), Paysandu (19º colocado), América de Natal (21º colocado) e Desportiva Ferroviária (22º e último colocado da Série C de 1999) não foram rebaixados à divisão inferior no ano seguinte.

d. ^ Em 2005 e 2006, os clubes catarinense que não disputavam nem a Série A, nem a Série B do Campeonato Brasileiro, automaticamente disputavam a "Série A2", também conhecida como Série B do Campeonato Catarinense do mesmo ano. Assim, o Criciúma, por ter sido rebaixada na Série B de 2005, disputou a 2ª divisão e tem contabilizadas ambas as divisões em 2006.

  • Entre 2013 e 2016, o critério de classificação para a Copa Sul-Americana depende do desempenho na Copa do Brasil, visto que não há calendário disponível para a disputa de ambas as competições. Assim, só é possível disputar a Copa Sul-Americana caso o time seja eliminado antes da fase de oitavas de final da Copa do Brasil.

Participações[editar | editar código-fonte]

Participações em 2019
Competição Temporadas Anos
Santa Catarina Campeonato Catarinense 55* 1949, 1951, 1955, 1957-1960, 1965-1969, 1977-2019
Série B do Catarinense 1 2006
Trophy (transp. Simón Bolívar Cup).png Primeira Liga 2 2016-2017
Brasil Campeonato Brasileiro 13 1979, 1986-1988, 1993-1997, 2003-2004, 2013-2014
Série B 24 1980-1983, 1986, 1989-1992, 1998-2002, 2005, 2007-2008, 2011-2012, 2015-2019
Série C 3 2006, 2009-2010
Copa do Brasil 19 1990-1992, 1994, 1996, 1999, 2002-2003, 2006, 2008-2009, 2012-2019
Flags of the Union of South American Nations.gif Libertadores da América 1 1992
Copa Sul-Americana 2 2013-2014

* Entre 1949 e 1977, o Criciúma disputou 13 edições do Campeonato Catarinense sob o nome de Comerciário Esporte Clube. Desde 1978, o Criciúma contabiliza 42 participações.

Retrospecto em competições oficiais[editar | editar código-fonte]

Última atualização: Série B de 2018, 38ª rodada.

Competição Temporadas Títulos Pts. J V E D GP GC
Brasil Campeonato Brasileiro 13 361 341 101 88 152 379 483
Série B 23 2 736 555 214 139 202 720 683
Série C 3 1 88 52 25 13 14 83 54

Referências

  1. Bola na Área. «Desempenho do Criciúma nas competições oficiais». Consultado em 12 de janeiro de 2015 
  2. Futpédia. «Estatísticas do Criciúma». Consultado em 12 de janeiro de 2015 
  3. RSSSF Brasil. «RSSSF Brasil». Consultado em 12 de janeiro de 2015 
  4. «TIRA TEIMA: Qual time foi o verdadeiro campeão da série B de 1986?». 18 de setembro de 2012. Consultado em 12 de janeiro de 2015. Arquivado do original em 6 de outubro de 2013