Teodebaldo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Teodebaldo
Nascimento 534
Desconhecido
Morte 555 (20–21 anos)
Desconhecido
Progenitores
Cônjuge Waldrada
Irmão(s) Bertoara
Ocupação monarca
Título rei dos francos

Teodebaldo (em francês: Thibaud ou Théodebald) (◊ c. 536555), filho de Teodeberto I e Deutéria, foi rei de Metz, Reims ou Austrásia de 547 ou 548 a 555.[1][2]

Ele tinha apenas treze anos de idade quando sucedeu seu pai por este se encontrar doente. No entanto, a lealdade da nobreza à memória de seu pai foi preservada durante sua menoridade. Casou-se com Valdrada,[1] filha do rei lombardo Vacão e de sua meia-irmã (filha da segunda esposa de seu pai). Este casamento fortaleceu a aliança entre a Austrásia e a Lombardia.

Todavia, Teodebaldo não poderia se agarrar às conquistas de seu pai no norte da Itália. O imperador Justiniano I enviou um exército sob o comando do general Narses em 552 e, como seu pai anteriormente, Teodebaldo evitou o confronto direto.

Jovem e doente, ele era um pouco mais que um fantoche, com o poder ficando nas mãos de sua tia Teodechilda.

Após um longo período de doença, ele morreu em 555, sem deixar descendentes.[2] Seu reino passou então para seu tio-avô Clotário I, que se tornaria em breve rei de todos os francos.[2]

Ele é Tataraneto de Teodorico, o Grande, Rei Ostrogótico

Pais[editar | editar código-fonte]

Teodeberto I (◊ c. 504 † 547 ou 548)

♀ Deutéria de Narbona (◊ c. 503 † c. 548)

Casamentos e filhos[editar | editar código-fonte]

  • em 552 com Valdrada (◊ ? † ?), filha do rei lombardo Vacão I.

Referências

  1. a b Hodgkin, Thomas (1895). Italy and Her Invaders (em inglês). Oxford: Clarendon Press. p. 630 
  2. a b c Bachrach, Bernard S. (1977). Early Medieval Jewish Policy in Western Europe (em inglês). Minneapolis: U of Minnesota Press. p. 53