Teotônio Monteiro de Barros

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Merge-arrows 2.svg
Foi proposta a fusão deste artigo ou se(c)ção com Teotônio Maurício Monteiro de Barros Filho. Se a fusão não for óbvia, por favor crie um espaço de discussão e justifique o motivo aqui; não é necessário criar o espaço em ambas as páginas, crie-o somente uma vez. Em marcações antigas é provável que já haja uma discussão acontecendo na página de discussão de um dos artigos. Verifique ambas (1, 2) e leve toda a discussão quando levar o caso para a central. (desde novembro de 2017)

Teotônio Maurício Monteiro de Barros Filho (Ribeirão Preto, 31 de dezembro de 1901São Paulo, 2 de setembro de 1974) foi um advogado, professor e político brasileiro.

Formou-se em Direito pela Faculdade do Largo de São Francisco, na turma que colou grau em 1923. Após concurso, por decreto de 27 de novembro de 1941, foi nomeado lente catedrático de Ciência das Finanças e Direito Financeiro. Aposentou-se por ter atingido a idade compulsória em 1971.

Foi ministro da Educação no governo João Goulart, de 23 de janeiro a 18 de junho de 1963.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Precedido por
Darcy Ribeiro
Ministro da Educação e Cultura do Brasil
1963
Sucedido por
Paulo de Tarso Santos


Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.